Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
4Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Degradação Ambiental

Degradação Ambiental

Ratings: (0)|Views: 234 |Likes:
Published by raisafagundes

More info:

Categories:Types, Research, Science
Published by: raisafagundes on Jul 23, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

02/20/2013

pdf

text

original

 
Universidade Federal de RoraimaInstituto de GeociênciasDepartamento de GeologiaProfessora: Lorena Malta FeitozaCurso de Geologia Ambiental (UNESP)
www.rc.unesp.br/igce/aplicada1
Geologia Ambiental
 
CONCEITOS
 
DEGRADAÇÃO
 
"Conjunto de processos resultantes de danos no meio ambiente, pelos quais se perdem ou se reduzem algumas de suas propriedades, tais como, a qualidade oucapacidade produtiva dos recursos ambientais" (Decreto Federal 97.632/89).
 
ÁREAS DEGRADADAS SÃO GERADAS POR INTERVENÇÕESSIGNIFICATIVAS NOS PROCESSOS DO MEIO FÍSICODEGRADAÇÃO AMBIENTAL = IMPACTO AMBIENTAL NEGATIVO
 
DEGRADAÇÃO DO SOLO
 
"Alterações adversas das características do solo em relação aos seus diversosusos possíveis, tanto estabelecidos em planejamento quanto os potenciais" (ABNT 1989).
 
RESTAURAÇÃO
 
 Reprodução das condições exatas do local, tais como eram antes de seremalteradas pela intervenção.
RECUPERAÇÃO
 
 Local alterado é trabalhado de modo que as condições ambientais acabem sesituando próximas às condições anteriores à intervenção; ou seja, trata-se de devolver ao local o equilíbrio e a estabilidade dos processos atuantes.
REABILITAÇÃO
 
 Local alterado destinado a uma dada forma de uso de solo, de acordo com projeto prévio e em condições compatíveis com a ocupação circunvizinha, ou seja,trata-se de reaproveitar a área para outra finalidade.
REMEDIAÇÃO
 
 Ações e tecnologias que visam eliminar, neutralizar ou transformar contaminantes presentes em subsuperfície (solo e águas subterrâneas). Refere-se aáreas contaminadas.
 (Box 1976 e ABNT 1989
apud 
Bitar & Braga 1995).
 
Universidade Federal de RoraimaInstituto de GeociênciasDepartamento de GeologiaProfessora: Lorena Malta FeitozaCurso de Geologia Ambiental (UNESP)
www.rc.unesp.br/igce/aplicada2(Modificado de Bitar & Braga 1995)
PROCEDIMENTOS BÁSICOS
"Aquele que explorar 
 recursos minerais
fica obrigado a recuperar o meioambiente degradado, de acordo com solução técnica exigida pelo órgão públicocompetente, na forma de lei" (Constituição Brasileira 1988).
 
"Aquele que explorar 
 recursos
 
 naturais
fica obrigado a recuperar o meio
 
ambiente degradado, ..." (Constituição do Estado de São Paulo 1989).
VÁRIOS ESTADOS E MUNICÍPIOS PASSARAM A INCORPORARESTAS NORMAS
A Legislação Ambiental Brasileira é considerada uma das mais bem elaboradasdo mundo, sendo seu texto bastante exigente no que se refere à recuperação de áreasdegradadas. Como vimos no módulo anterior, os estados e muitos municípiosapresentam procedimentos e legislações próprias para atividades potencialmentepoluidoras.Para elaboração de programas de recuperação de áreas degradadas osempreendimentos devem ter licença própria do órgão responsável. Portanto, osprofissionais devem conhecer as exigências (normas e dispositivos legais) que o estadoe o município fazem para o licenciamento do empreendimento em questão.A seguir são apresentadas algumas medidas de recuperação do meio físico emdiferentes tipos de empreendimentos (Bitar & Braga 1995).
 
Universidade Federal de RoraimaInstituto de GeociênciasDepartamento de GeologiaProfessora: Lorena Malta FeitozaCurso de Geologia Ambiental (UNESP)
www.rc.unesp.br/igce/aplicada3
TIPO DE ÁREADEGRADADA
 
PRINCIPAIS PROCESSOSDE DEGRADAÇÃO
 
(MEIO FÍSICO)
 
ALGUMAS MEDIDASCORRETIVAS
 
(MEIO FÍSICO)
 
MineraçãoAbandonada emRegiões Urbanas
 - Escoamento das águassuperficiais;- Erosão por sulcos e ravinas;- Escorregamentos;- Deposição de sedimentos epartículas.- Revegetação;- Captação e condução daságuas superficiais;- Estabilização de taludes eblocos.
Depósito de ResíduosIndustriais eUrbanos
 - Interações físico-químicas nosolo (poluição do solo);- Escoamento das águassuperficiais;- Movimentação das águas desubsuperfície.- Prospecção do depósito;- Remoção total ou parcial,transporte e disposição dosresíduos;- Tratamento "
in situ
" dosolo;- Descontaminação ouremediação do solo.
OcupaçãoHabitacional deEncostas emSituações de Risco
 - Escorregamentos;- Escoamento das águas emsuperfície.- Captação e condução daságuas superficiais;- Estabilização da encosta(com ou sem estruturas decontenção);- Revegetação.
Boçorocas Urbanasou Rurais
 - Erosão por boçorocas;- Movimentação das águas desubsuperfície.- Controle do uso eocupação;- Captação e condução daságuas superficiais;- Drenagem das águas desubsuperfície/fundo;- Estabilização dos taludesda boçoroca ouaterramento.
Ocupação AgrícolaIrrigada
 - Adensamento e compactaçãodo solo;- Acidificação do solo porlixiviação.- Controle da irrigação;- Aragem profunda do solo;- Correção da acidez dosolo.
Cursos e Corposd´água Assoreados
 - Deposição de sedimentos epartículas;- Enchentes e inundações.- Controle da erosão amontante;- Dragagem dos

Activity (4)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
cocozete liked this
cwcorseuil liked this
cwcorseuil liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->