Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
1Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
23216133-Fraudes-evolucionistas

23216133-Fraudes-evolucionistas

Ratings: (0)|Views: 197|Likes:
Published by samribeiro

More info:

Published by: samribeiro on Aug 08, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See More
See less

08/08/2012

pdf

text

original

 
Fraudes evolucionistas!Uma crítica ao sistema religioso evolucionista.A teoria da evolução seria melhor designada como religião, pois se baseia em crenças! Não que crenças sejamcondenáveis, muito pelo contrário. O problema de uma determinada crença é que, quando não se baseia em fatos, ela setorna em mera
seita
. Sem os elos (perdidos) e desesperados pela falta de evidências, os pais do evolucionismo tiverambrilhantes idéias!Inventaram as evidências !Vamos refrescar a memória? Citemos 3 exemplos escandalosos. 1.Homem de Piltdown. Fig. 1. Homem de Piltdown: Reconstituição do "elo" perdido: Fraude vergonhosa de uma ciência falsa que, como hoje,é manipulada por inescrupulosos evolucionistas. De modo arrogante eles povoam as faculdades e universidades,arrebanhando milhares de adeptos que pensam que a seita evolucionista é um fato comprovado.Fig. 2. Vista frontal do crânio do Homem de Piltdown: Note que a parte branca é reconstituição artística. Os ossos (corescura) foram fraudados. É... cientista também mente!
 
Fig. 3. Acima, nota-se a vista lateral a 45º da face direita do crânio do Homem de Piltdown: Note que neste lado, odireito, foi no qual a mandíbula foi "encaixada".Para resumir, em 1912 uma gangue de fraudulentos, querendo ganhar notoriedade e explorando a crendice de umasociedade apóstata que queria acreditar na evolução de qualquer jeito, inventou um homem macaco chamado Piltdown.Os mentirosos juntaram um pedaço de crânio humano (datado posteriormente como tendo apenas 650 anos) com amandíbula de um macaco. Os dentes foram lixados e tudo tratado com substâncias químicas para parecer objetofossilizado. Depois de 40 anos exposto no museu britânico e 90 teses de doutorado dos eruditos ateus, a fraude veio àtona. Que vergonha, que escândalo, que palhaçada! É só dar tempo suficiente, que todas as falsas evidências daevolução se desmancham como pó!Fig. 4 - Dos fragmentos fraudados, foi produzida esta escultura: O Homem de Sussex. Uma criatura que só existe nacabeça dos evolucionistas ! Abaixo, a gangue trabalhando. De branco: Arthur Keith 
 
Fig. 5 Os cientistas não são sempre lúcidos e imparciais. A prova disso está na foto acima: uma verdadeira ganguesem compromisso com a verdade, forjando a "prova" de um elo perdido (homem de Piltdown) que foi aceito sem examepor uma sociedade apóstata que queria, como hoje, aceitar uma filosofia anti-Deus! Da esquerda para a direita atrás:Barlow, Elliot Smith, Dawson, Woodward. Na frente da esquerda para a direita: Underwood, Arthur Keith, Pycraft eLankester. Fig. 6 -Dentes fraudados e lixados. O antropólogo e jesuíta Teilhard de Chardin (1881 - 1955), místico, esotéricooriental e evolucionista, era cúmplice da gangue e estava envolvido até o pescoço com esta fraude! Dentes de elefante ehipopótamo achados no local da "descoberta" ( Piltdown, Inglaterra) eram na verdade provenientes de Malta e daTunísia, onde Chardin colecionava espécimes entre 1905 a 1908. Foi Chardin que "achou" o canino crucial . 2.Homem de Neanderthal. 

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->