Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword or section
Like this
21Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
De Volta às Estrelas - Eric Von Däniken

De Volta às Estrelas - Eric Von Däniken

Ratings:

4.78

(9)
|Views: 6,690|Likes:
Published by fromTerra
"A ânsia pela paz, a procura da imortalidade, a saudade das estrelas - tudo isso fervilha na consciência humana e procura, desde tempos imemoriais, irresistivelmente, tornar-se realidade"
"A ânsia pela paz, a procura da imortalidade, a saudade das estrelas - tudo isso fervilha na consciência humana e procura, desde tempos imemoriais, irresistivelmente, tornar-se realidade"

More info:

Published by: fromTerra on Jan 15, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as RTF or read online from Scribd
See more
See less

11/12/2013

 
Erich von Däniken
De Volta às Estrelas
Argumentos para o Impossível
Edições Melhoramentos
Índice
Sobre Erich von Däniken 11Prefácio 13I Por que não deve ser verdade o que pode sê-lo 15II Nas pegadas da vida 25III "Pesquisador domingueiro" faz perguntas 43IV A memória armazenada da humanidade 59V A Esfera - forma ideal para Veículos Cósmicos 71VI Ontem, utopia - Amanhã, realidade 93VII Conversações em Moscou 107VIII Pesquisa compensadora da Antiguidade 115IX Tema inesgotável: Ilha da Páscoa 129X Para a 1ndia - por causa dos textos 137XI Sobre as perversões dos nossos antepassados 157XII Perguntas, perguntas, perguntas 175Bibliografia 179
 
DEDICADO com profunda gratidão a minha esposa ELISABETH e a minhafilha CORNÉLIA.
SOBRE ERICH VON DÄNIKEN
Erich von Däniken não é um cientista. É autodidata, um homem, pois - comoesclarece o dicionário - que se educou por si mesmo. Talvez justamenteisso explique uma parte de seu sucesso no mundo todo: livre de todos ospreconceitos, teve de provar a si próprio que suas teses e hipóteses nãosão infundadas, de sorte que muitas centenas de milhares de leitorespodem hoje seguir suas pegadas até regiões que sempre estiveramcercadas e protegidas por tabus.Parece, de mais a mais, que estava na hora de surgir a atitude corajosa depôr em dúvida todas as explicações até agora oferecidas sobre a origem dogênero humano. Erich von Däniken não foi o primeiro a ousar isso - mas eleo fez de maneira mais desembaraçada, direta e corajosa, sem asconsiderações que um especialista acredita ter de levar em conta comrelação a seus colegas ou a representantes de universidades vizinhas. E eleapresentou soluções surpreendentes.Homens que fazem perguntas audaciosas sem rodeios, que põem em dúvidao que era válido até então, 'foram incômodos em todos os tempos. Nuncahouve preocupação na escolha dos métodos de fazê-los silenciar.Antigamente, seus livros eram banidos para bibliotecas secretas, oucolocados no lndex. Hoje, tenta-se ignorá-los ou expô-los ao ridículo.Contudo, nenhum método jamais foi suficientemente eficaz para eliminarperguntas que tocam na origem de nossa existência.Erich von Däniken tem a espontaneidade dos apaixonados. No verão de1968, leu ele na revista soviética "Sputnik" artigos de Wiatcheslaw Saizew,como "Espaçonave no Himalaia" e "Anjos em Espaçonaves". Sem demora,von Däniken reservou uma passagem aérea para Moscou. Lá, o Prof.
 
Shklowsky, diretor do Departamento de Rádio-Astronomia do InstitutoSternberg, da Academia Soviética das Ciências, respondeu a suasperguntas.O autor de "Eram os Deuses Astronautas”? Mal tinha 19 anos quando suacuriosidade investigadora o levou pela primeira vez ao Egito, onde esperavaencontrar pistas que lhe permitissem apurar a veracidade de determinadosescritos cuneiformes. Desde essa primeira viagem, no ano de 1954,embarca ele em aviões, como nós em ônibus, procurando esclarecer suasteses e hipóteses: pensando em grandes espaços, nada lhe significam asdistâncias, contanto que o destino de suas viagens forneça argumentospara o impossível.WILHELM ROGGERSDORF
PREFÁCIO
De volta às estrelas!De volta?! Então nós viemos das estrelas!A ânsia pela paz, a procura da imortalidade, a saudade das estrelas - tudoisso fervilha na consciência humana e procura, desde tempos imemoriais,irresistivelmente, tornar-se realidade.É natural essa aspiração profundamente implantada no ser humano! Sãorealmente só "desejos" humanos! Ou esconde-se, atrás daqueles anseios derealização, daquela saudade das estrelas, algo bem diferente!Estou convicto de que a saudade que sentimos das estrelas é mantidaacordada em nosso ser como uma espécie de herança deixada pelos"deuses". Atuam em nós, da mesma forma, lembranças de nossosantepassados terrestres e lembranças de nossos mestres cósmicos. Nãome parece que a formação da inteligência humana tenha sido o resultado deum interminável desenvolvimento, pois esse processo se realizou muito

Activity (21)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
alien9 liked this
Êlder Lima liked this
Everton Cinelli liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->