Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
1Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Capitulo 1 Geometria Das Massas[1]

Capitulo 1 Geometria Das Massas[1]

Ratings: (0)|Views: 110|Likes:
Published by Ana Maria

More info:

Published by: Ana Maria on Sep 07, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

02/20/2014

pdf

text

original

 
 CAPÍTULO I
GEOMETRIA DAS MASSAS
I. ASPECTOS GERAIS
Apesar de não estar incluida dentro dos nossos objetivos principais, vamosestudar algumas grandezas características da geometria das massas com afinalidade de conhecermos alguns valores necessários ao estudo das solicitaçõesque provoquem a rotação, como o Momento Fletor e o Momento Torsor.Vamos nos ater ao cálculo das propriedades das seções planas.
II. MOMENTOS ESTÁTICOS E BARICENTROS DE SUPERFÍCIES PLANAS
A. CONCEITOAdmitimos uma superfície plana qualquer de área "A", referida à um sistemade eixos ortogonais x,y.Sejam:dA - elemento de área componente da superfíciex e y - coordenadas deste elemento em relação ao sistema de eixosDefine-se:
Momento estático de um elemento de área dA em relação a um eixo é oproduto da área do elemento por sua orddenada em relação ao eixoconsiderado.
Notação : sExpressão analítica :
sx= y. dA sy= x. dA
 
Define-se:
Momento estático de uma superfície é a soma dos momentos estáticosem relação a um mesmo eixo dos elementos que a constituem.
Notação : SExpressão analítica:
S
x
====
y. dA
A
 
S
y
====
x. dA
A
 OBSERVAÇÕES:1. unidade: cm3, m3, ...2. sinal : O momento estático pode admitir sinais positivos ou negativos,dependendo do sinal da ordenada envolvida.3. O momento estático de uma superfície é nulo em relação à qualquer eixo quepasse pelo centro de gravidade desta superfície.B. DETERMINAÇÃO DO BARICENTRO DE SUPERFÍCIEA utilização dos conceitos de momento estático se dá no cálculo da posiçãodo centro de gravidade de figuras planas.Seja:G - baricentro da superfície com coordenadas à determinar (xG; yG)por definição:
S
x
====
y. dA
A
 se o baricentro da superfície fosse conhecidopoderíamos calcular o momento estático destasuperfície pela definição:
Sx= yG. A
yG=
SA
x
ou
como A (área total) pode ser calculado pela soma dos elementos de área que aconstituem:
A = dA
A
então :
 
y
G
====
y. dAdA
AA
 análogamente:
x
G
====
x. dAdA
AA
 Estas expressões nos permitem determinar as coordenadas do centro degravidade de qualquer seção desde que se conheça um elemento dA representativoda superfície toda.São chamadas genéricamente de
"teorema dos momentos estáticos".
 Nos casos mais comuns, quando a superfície em estudo for a seçãotransversal de um elemento estrutural, normalmente seções constituidas porelementos de área conhecidos (perfilados), podemos substituir nas equações aintegral por seu similar que é o somatório, e as expressões ficam:
yAyA
Giinin
====
 .
11
ou
xAxA
Giinin
====
 .
11
 
OBS: Quando a figura em estudo apresentar eixo de simetria, o seu centro degravidade estará obrigatóriamente neste eixo.
 
III. MOMENTOS E PRODUTOS DE INÉRCIA
Podemos definir momentos e produtos de inércia de uma superfície , usandocomo referencia a mesma superfície de área A referida à um sistema de eixos x,y:A. MOMENTO DE INÉRCIA AXIAL

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->