Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
3Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Ciclo Das Quartas e Quintas

Ciclo Das Quartas e Quintas

Ratings: (0)|Views: 1,182|Likes:
Published by elisantoscunha

More info:

Published by: elisantoscunha on Sep 24, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See More
See less

02/09/2014

pdf

text

original

 
1/8www.outrosventos.com.br/portal/teoria-musical/ciclo-das-quartas-e-quintas.html
Anúncios Google
  Acordes Violão  Aulas De Guitarra Notas Violão  Aula Violão
 
G3 no Brasil
Joe Satriani, JohnPetrucci e SteveMorse retornam aoBrasil!
www.t4f.com.br
Encore 5
Versão em portuguêsdo popular editor departituras. Promoção!
www.daccord.com.br
Grupo Musical FabiSozoli
Cerimônia decasamento, festas,eventos, formaturas eaniversários
www.fabisozoli.com.br
Espaço Arte MúsicaRuah
5 minutos do metroLiberdade Diversoscursos. Matricule-seJá!
www.artemusicaruah.blog
Sonoris
Soluções musicaispara seu evento.Casamentos,recepções,corporativos
www.sonorismusical.com
 
2/8www.outrosventos.com.br/portal/teoria-musical/ciclo-das-quartas-e-quintas.html
 Neste artigo vamos compreender que aqueles acidentes que aparecem (ou não) no começo de cada partitura ao ladoda clave denominando a altura da música têm um sentido lógico para tal definição. E esse sentido é explicado atravésdo
Ciclo das Quartas
e o
Ciclo das Quintas
. Vale lembrar que quando não há nenhum acidente ao lado da clave, atonalidade da música é
C
ou
Am
(que é a relativa menor). E cada um dos Ciclos tem como ponto de partida atonalidade de
C
. O
Ciclo das Quartas
é assim chamado pois conforme os acidentes vão aumentando na clave astonalidades respectivas estão à distância de uma quarta acima da anterior.O
Ciclo das Quartas
define as tonalidades de acidentes
BEMÓIS
da seguinte forma:
Nenhum Acidente na Clave = C
ou
Am1
Bemol na Clave =
F
ou
Dm2
Bemóis na Clave =
Bb
ou
Gm3
Bemóis na Clave =
Eb
ou
Cm4
Bemóis na Clave =
Ab
ou
Fm5
Bemóis na Clave =
Db
ou
Bbm6
Bemóis na Clave =
Gb
ou
Ebm
 Note que a medida que os acidentes na Clave vão aumentando as tonalidades seguiram o padrão de uma quarta acimada tonalidade anterior.
CFBbEbAbDbGb
4ª de
C
4ª de
F
4ª de
Bb
4ª de
Eb
4ª de
Ab
4ª de
Db
As tonalidades menores também seguem o mesmo padrão:
AmDmGmCmFmBbmEbm
4ª de
Am
4ª de
Dm
4ª de
Gm
4ª de
Cm
4ª de
Fm
4ª de
Bbm
O
Ciclo das Quintas
define as tonalidades de acidentes
SUSTENIDOS
da seguinte forma:
Nenhum Acidente na Clave = C
ou
Am1
Sustenido na Clave =
G
ou
Em2
Sustenidos na Clave =
D
ou
Bm3
Sustenidos na Clave =
A
ou
F#m4
Sustenidos na Clave =
E
ou
C#m5
Sustenidos na Clave =
B
ou
G#m6
Sustenidos na Clave =
F#
ou
D#m
Dúvidas na escola?
Pergunte e nossos professores respondem ematé 24h. Gratuito.www.personalteacher-sp.com.br 
 
3/8www.outrosventos.com.br/portal/teoria-musical/ciclo-das-quartas-e-quintas.html
O padrão de uma quinta acima da tonalidade anterior foi seguido:
CGDAEBF#
5ª de
C
5ª de
G
5ª de
D
5ª de
A
5ª de
Ab
5ª de
B
E as tonalidades menores relativas, também obedeceram a este padrão:
AmDmGmCmFmBbmEbm
5ª de
Am
5ª de
Dm
5ª de
Gm
5ª de
Cm
5ª de
Fm
5ª de
Bbm
Fazendo uma análise enarmônica percebemos que nos dois ciclos são encontradas todas as tonalidades existentes:
C
= Nenhum Acidente
Db
=
5
Bemóis (Ciclo das Quartas)
D
=
2
Sustenidos (Ciclo das Quintas)
Eb
=
3
Bemóis (Ciclo das Quartas)
E
=
4
Sustenidos (Ciclo das Quintas)
F
=
1
Bemol (Ciclo das Quartas)
F# / Gb
=
6
Sustenidos (Ciclo das Quintas) ou
6
Bemóis (Ciclo das Quartas)
G
=
1
Sustenido (Ciclo das Quintas)
Ab
=
4
Bemóis (Ciclo das Quartas)
A
=
3
Sustenidos (Ciclo das Quintas)
Bb
=
2
Bemóis (Ciclo das Quartas)
B
=
5
Sustenidos (Ciclo das Quintas)O mesmo caso ocorre com as tonalidades menores:
Cm
=
3
Bemóis (Ciclo das Quartas)
C#m
=
4
Sustenidos (Ciclo das Quintas)
Dm
=
1
Bemol (Ciclo das Quartas)
D#m / Ebm
=
6
Sustenidos (Ciclo das Quintas) ou
6
Bemóis (Ciclo das Quartas)
Em
=
1
Sustenido (Ciclo das Quintas)
Fm
=
4
Bemóis (Ciclo das Quartas)
F#m
=
3
Sustenidos (Ciclo das Quintas)
Gm
=
2
Bemóis (Ciclo das Quartas)
G#m
=
5
Sustenidos (Ciclo das Quintas)
Am
= Nenhum Acidente
Bbm
=
5
Bemóis (Ciclo das Quartas)
Bm
=
2
Sustenidos (Ciclo das Quintas)O leitor deve estar se perguntando o por quê de determinada quantidade de acidentes para uma tonalidade. Vamosresponder a esta dúvida visualizando a escala de
E
como exemplo:
E F# G# A B C# D# E
A tonalidade de
E
está no Ciclo das Quintas e é definida com
4
Sustenidos na clave
. Se contarmos os sustenidos naescala desta tonalidade exposta acima, vamos chegar exatamente a 4 Sustenidos:
F# - G# - C# - D#
Dessa teoria, chegamos à conclusão lógica, que a quantidade de sustenidos que determinada tonalidade tem, não é algosimplesmente aleatório ou definido por um “padrão livre” estabelecido, mas tudo está totalmente relacionado com aescala de cada tonalidade.

Activity (3)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
Aluizio Marcos liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->