Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
7Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Sociologia 12º Ano - Produção do conhecimento científico em Sociologia

Sociologia 12º Ano - Produção do conhecimento científico em Sociologia

Ratings: (0)|Views: 197 |Likes:
Published by Ana Pinto
Resumo de Sociologia 12º Ano - 2011/2012 - Produção do conhecimento científico em Sociologia
Resumo de Sociologia 12º Ano - 2011/2012 - Produção do conhecimento científico em Sociologia

More info:

Categories:Types, School Work
Published by: Ana Pinto on Oct 05, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/29/2013

pdf

text

original

 
Produção do conhecimento científico em Sociologia
Senso comum e conhecimento científico:
 
Senso Comum Conhecimento CientificoSubjectivo: épessoal, baseia-seem opiniões.Objectivo: procuraser universal, válidopara todos.Espontâneo: surgeda informaçãoobtida através dosnossos sentidos, doaparente.Sistemático: éconstruído de formasistemática econsciente, peloscientistas.Errático: éconstruídoaleatoriamente aolongo da vida decada individuo.Metódico: é obtidorecorrendo amétodos e técnicasde investigação queasseguram a suavalidade.Ingénuo: éassimilado semsentido crítico.Crítico: procuraquestionar arealidade equestionar-se a sipróprio.Dogmático:acreditamos nelecomo se tratando deverdadesinquestionáveis.Comparável,Verificável: pode sertestado a qualquermomento e, assim,confirmado ouinfirmado.Ex: Deus dá nozes aquem tem dentes.Ex: Albert Einsteindeduziu a formula
do…
 
 
Obstáculos à produção do conhecimento científico:
Por vezes, ao estudar-se uma ciência o observador e o observado confundem-se, poissurgem dificuldades em ler o real, pelo facto de se contraírem os conhecimentos,aprendizagem e certezas que já adquirimos. A procura da produçãodo conhecimentocientíficoexige que rompamos com as verdades já adquiridas que impedem a produção deconhecimento científico.Senso comum:é pessoal, baseia-se em opiniões e surge da informação obtida atravésdos nossos sentidos, logo, é difícil pormos de parte as nossas ideias quando estudamos algosociológico.Familiaridade com o social:Nós vivemos em sociedade e somo confrontados,diariamente, com diversas manifestações da vida social e, assim, estamos muito próximos dosfenómenos sociais e temos deles um conhecimento que não é necessário mudar, por exemplo,sabemos o que é o desemprego, a pobreza, a escola, a educação, etc. Desta forma, esteconhecimento que temos dos fenómenos sociais dificulta a produção científica na medida emque, aparentemente, já não precisamos de procurar o conhecimento das coisas, porque já opossuímos.Ilusão da transparência do social:os fenómenos sociais podem resultar de inúmerascausas e promover inúmeros e diferentes efeitos. Desta forma, para conhecermos nãopodemos ficar com o que parece ser, pois o social ilude-nos, ou seja, os factos sociais parecemser tão transparentes, tão facilmente explicáveis, tão imediatamente apreensíveis que nãomerecem nem exigem, grande atenção para serem por nós compreendidos. Porém, os factossociais são fenómenos complexos e, por isso, é necessário procurar diferentes causas e as suasrelações para aquele efeito. Concluindo, a aparente transparência do social torna-se, umenorme obstáculo à produção científica, na medida em que torna dispensável a investigaçãosobre aquilo que já se sabe e que se compreende, pelo simples facto de darmos um pouco deatenção aos fenómenos sociais.Naturalismo:O naturalismo considera o comportamento social como natural, isto é,não determinado pelo constrangimento social.Individualismo:O individualismo considera a acção social resultante da vontadeexclusiva dos indivíduos.Etnocentrismo:Combinação de receio relativamente ao que se desconhece, aos quevêm de fora e, simultaneamente, da tendência para julgar as outras culturas em função da suaprópria cultura. Tudo o que não se adequa à sua cultura é mau, inferior, inculto, etc. Pressupõe
 
Senso comumFamiliaridade com o socialIlusão da transparência do socialObstáculosNaturalismoIndividualismoEtnocentrismo

Activity (7)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
Ana Pinto liked this
Ana Pinto liked this
Luana Ferreira liked this
Ana Costa liked this
Ana Pinto liked this
Andreia Sofia liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->