Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword or section
Like this
4Activity
P. 1
MANUAL DE ORIENTAÇÃO E PREVENÇÃO PARA UM ENVELHECIMENTO MAIS SAUDÁVEL

MANUAL DE ORIENTAÇÃO E PREVENÇÃO PARA UM ENVELHECIMENTO MAIS SAUDÁVEL

Ratings: (0)|Views: 49 |Likes:
Published by lumensana
Este manual, compilado com informações de diversas fontes que se dedicam ao problema da Terceira Idade, deseja que nós possamos viver esta fase da existência de forma prazerosa e saudável. Para isso, ele foi elaborado com bastante cuidado para que os seus conteúdos sejam suficientemente claros, simples e objetivos.
Este manual, compilado com informações de diversas fontes que se dedicam ao problema da Terceira Idade, deseja que nós possamos viver esta fase da existência de forma prazerosa e saudável. Para isso, ele foi elaborado com bastante cuidado para que os seus conteúdos sejam suficientemente claros, simples e objetivos.

More info:

Published by: lumensana on Oct 18, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/29/2013

pdf

text

original

 
 1
MANUAL DE ORIENTAÇÃO E PREVENÇÃOPARA UM ENVELHECIMENTOMAIS SAUDÁVEL
Compilação e Reprodução Eletrônica:Luiz Edgar de Carvalho
“Nem todos podem estar na flor da idade, é claro!
 Mas cada um está na flor da sua idade. . .
 Mário Quintana
LumensanaPublicações EletrônicasPara Ler e Pensar
 
 2
Apresentação
“Somos homens vazios
 Somos homens empalhadosUns nos outros apoiadosCabeça cheia de palha, ai!Forma sem efeito, sombras sem cor Paralisada força, ges
tos em ação!”
 
T.S. Eliot
Talvez muitos de nós estejamos conjecturando que esse vazio de quefala o poeta, essa incapacidade para saber o que sente ou deseja são devidosao fato de vivermos numa época de incertezas, de transformações econômi-cas e tecnológicas. Assim sendo, não é de admirar que a pessoa que nãosaiba se atualizar, planejar sua velhice, mais adiante vá se sentir inútil.Este manual, compilado com informações de diversas fontes que sededicam ao problema da Terceira Idade, deseja que nós possamos viveresta fase da existência de forma prazerosa e saudável.Para isso, ele foi elaborado com bastante cuidado para que os seusconteúdos sejam suficientemente claros, simples e objetivos.Que estas informações encorajem os idosos a assumir o seu papel nasociedade e ajudem no processo de autoconhecimento, como também me-lhorarem a qualidade de vida da população da Terceira Idade.Que assim seja!
Os Editores
 
 3
População Idosa Brasileira
A expectativa de vida dos brasileiros tem aumentado com regulari-dade nos últimos tempos. Como resultado, aumentou também o número deidosos e sua porcentagem total. Em 1990, as pessoas com mais de 65 anosrepresentavam somente 4% da população total. Isto se devia a uma alta taxade natalidade, além de uma expectativa de vida muito baixa.Muito deste aumento da expectativa de vida deve-se à medicina pre-ventiva e ao acesso das pessoas às informações na área da educação e saú-de, como também a vacinas para tratamento de doenças e aos antibióticos.Como resultado, a expectativa de vida das pessoas com 60 anos mudouconsideravelmente nas últimas décadas.O Brasil está mudando: éramos um país jovem; hoje, somos aproxi-madamente 15 milhões de pessoas da terceira idade.Acredita-se que no ano de 2025 seremos, aproximadamente, cerca de40 milhões de idosos no Brasil. A esperança renascerá todos os dias emnossos corações. Enquanto existirem instituições e associações comunitá-rias, grupos se organizando, se comprometendo e trabalhando de forma so-lidária e fraterna, certamente isso contribuirá para melhorar a qualidade devida de modo geral dos brasileiros e, principalmente, da Terceira Idade.
“Não choremos, amigo, a mocidade;
Envelheçamos rindo, envelheçamos;
Como as árvores fortes envelhecem.”
(Olavo Bilac)A velhice não é doença. Ocorrem certos tipos de enfermidades e ve-rificam-se danos com maior frequência entre os idosos.Na essência, os últimos anos de vida de uma pessoa envolvem umaperda progressiva de muitas coisas que se tornam significativas: saúde, be-leza, carreira, segurança financeira, status, auto-estimativa e auto-imagem,medo da morte. A maioria dos indivíduos suporta estas perdas e adapta-secriativamente a essas mudanças inevitáveis.No oriente, a velhice é vista com admiração, já que ela traz paz inte-rior, experiência e conhecimento das coisas da vida. A China foi o país on-de mais se valorizou e cultuou a Terceira Idade, o idoso era líder natural eseu ponto de vista e suas posições eram de grande importância nas deci-sões. Também o Japão e a Índia atribuíam ao idoso uma imagem de sabe-doria, respeito e consideração.A lei mosaica reservou uma tarefa muito importante para o idoso pa-triarca. Abraão, Isaac, Jacó, Moisés, e tantos outros personagens bíblicossão exemplos dessa importância representada por sua idade. Uma mulher,Rute também deu exemplo ouvindo os conselhos de sua idosa sogra Noe-mi. Para os judeus, vida longa significava bênção de Deus e, para alcançá-la, era preciso ser justo, virtuoso e estar a serviço das causas do povo.

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->