Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
1Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
LYOTARD, Jean-François. O pós-moderno

LYOTARD, Jean-François. O pós-moderno

Ratings: (0)|Views: 6 |Likes:
Published by bugmeme

More info:

Published by: bugmeme on Oct 25, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/25/2012

pdf

text

original

 
JEAN-FRANÇOI
o
PÓS-MO
U 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1
U)
066963
 \ Contribuição
à
discussão internacionalsobre aquestão da legitimidade: o que permite dizer, hoje, que uma lei é justa, umenunciado verdadeiro? Exis-tiram os grandes relatos, a emancipação do cida-o, a realizão do esrito, a sociedade semclasses.Aidade moderna recorreu a eles para legi-timar ou criticar seussaberes e seusatos.Ohomem pós-moderno não acredita maisnisto.Osdecisores lhe oferecem como per$pectiva o au-mento do poder e a pacificação pela transparên-cia comunicacional. Mas ele sabe que o saber,.qu,ando setorna mercadoria informacional, é uma~: foMe de lucros e um meio de decidir e controlar.Onde reside a legitimidade, ap9s osrelatos? Namelhor operatividade do sistema?Eum critério tec-nológico, ele não permite julgar o verdadeiro e o justo.Noconsenso? Masa invenção sefaz nodissen-, timento.~Porque não neste último?Asociedade que vemergue-se menos de uma antropologia newtoniana(como.o estruturalismo ou a teoria dos sistemas)emais de uma pragmática das partículas de lingua-gem....O saber pós-moderno não é somente o instru-mento dos poderes: ele nos refina'a senSib;.i1idade para as diferenças e nosreforça a capacid de desuportar o incomensurável.Elemesmo não ncon-tra sua razão na homologia dosexperts,masna pa-
I
ralogia dos inventores.(
f
agora:uma legitimação do vínculo,sociaf,. uma sociedade justa,seria praticáv:!fseQundo um paradoxo análogo? Emque este co~istina?
J E A N -F R A N C O IS L Y O T A R D
J
_ o -
JOSÉ OlYMPIO
EDITORA
 
Jean-Fraois Lyotard é poucoconhecido entre nos. Ativo, contes-tador, adversário declarado dosmodismos orquestrados pelosmassmedia,é provavelmente um dosmais brilhantes filósofos da suagera-ção. Nascido em 1924,seguiu umiti-nerário intelectual bastante comum.Marxista durante os anos 50-60, fezparte do grupo "Socialismo e Bar-rie" animado por Cornélius Casto-riadis. Ativista durante a guerra daArgélia, foi umdos arteosdaquelaruptura com asideologias dominan-tes que na França d~terminaram aaceleração dos acontecimentospoliticos de 1968.Com a publicação, em 1974,derive
à
partirde Marx etFreudeDes dispositifspulsionnels,Lyotard impôs- se como um dos mais importantespensadores franceses da atualida-de. Pximo de Gilles Deleuze pelaconstante referência ao desejo esuasadjancias, dele sedistingue,no entanto, por ter uma postura poli-
 
tica radical: aabolição definitiva da idéia deverdadeque durante mui-- tos séculos tem sido uma das princi-paisferramentas do poder. ParaLyo-tard,portanto, a tarefa principal do~ filósofo contemporâneo é a de
I,.
"acelerar" a decadência dessaidéia,e nesse sentido defende um "Niilismo ativo".Nietzsche, por con- seguinte,esno horizonte dessasreflexões.EmOpós-moderno,'importante li- vro publicado na França em 1979,Lyotard leva adiante o projeto deacelerar a decadência da idéia deverdade,pelo menos tal como ela é entendida por algumas correntesda filosofia moderna.Com o termo"Pós-moderno",pretende antes de tudo designar o conjunto das trans-formões ocorridas nasregras do  jogo da prodão cultural e quemarcam o advento das sociedadespós-industriais.Sua preocupação básica,como indica osubtítulo do li- vro,não é a de avaliar todo ocon-  junto das modificações sofridaspe- la herança cultural deixada pelos modernos,mas sima de avaliar "as condões do saber produzidonas sociedades mais avaadas", mui- to particularmente ascondições do saber científico e seu suporte tradi-cional,a universidade.

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->