Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
7Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Umbanda - Uma religião brasileira

Umbanda - Uma religião brasileira

Ratings: (0)|Views: 175|Likes:
Essa monografia pretende apresentar uma visão geral da única religião autenticamente Brasileira, a Umbanda, que conta com milhares e milhares de adeptos em todo o País, tendo sido exportada para o exterior, principalmente Estados Unidos da América e Argentina. A Umbanda jamais se preocupou em contestar ou atacar qualquer religião, mas tem sofrido inacreditáveis perseguições, que ferem a Constituição. Reunindo uma grande variedade de ritos e modos de apresentação, que vão das formas light parecidas com espiritismo de mesa a outras que se assemelham em muitos pontos ao Candomblé, a Umbanda não possui um comando central que discipline a sua ritualística e é por essa característica que foge da burocracia esotérica que marca manifestações religiosas na sociedade de consumo. A monografia apresenta, entre outras ilustrações, fotos de rituais de Kimbanda.

Eduardo Parra é autor do livro “A Filosofia Oculta nas Religiões” e do livro " A ciência da Yurema "
Essa monografia pretende apresentar uma visão geral da única religião autenticamente Brasileira, a Umbanda, que conta com milhares e milhares de adeptos em todo o País, tendo sido exportada para o exterior, principalmente Estados Unidos da América e Argentina. A Umbanda jamais se preocupou em contestar ou atacar qualquer religião, mas tem sofrido inacreditáveis perseguições, que ferem a Constituição. Reunindo uma grande variedade de ritos e modos de apresentação, que vão das formas light parecidas com espiritismo de mesa a outras que se assemelham em muitos pontos ao Candomblé, a Umbanda não possui um comando central que discipline a sua ritualística e é por essa característica que foge da burocracia esotérica que marca manifestações religiosas na sociedade de consumo. A monografia apresenta, entre outras ilustrações, fotos de rituais de Kimbanda.

Eduardo Parra é autor do livro “A Filosofia Oculta nas Religiões” e do livro " A ciência da Yurema "

More info:

Published by: Eduardo Parra Yabhaktiswara on Nov 09, 2012
Copyright:Traditional Copyright: All rights reserved

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/29/2012

pdf

text

original

 
Monografia P
ú
blica EspecialALGUNS FUNDAMENTOS E REVELA
ÇÕ
ES SOBRE A
Umbanda
Ú
NICA RELIGI
Ã
O AUTENTICAMENTE BRASILEIRA
por Eduardo Parra (YabhaktiSwara) *
“Cada lado da pir 
â
mide representa um pilar do conhecimentohumano (Filosofia, Ci
ê
ncia, Religi
ã 
o e Arte);O
á
 pice da pir 
â
mide representa a s
í 
ntese desse conhecimento; E a partir desse ponto, o ent 
ã 
o iniciado nos pequenos mist 
é 
rios,est 
á
habilitado
à
trilhar o caminho que conduz para a ilumina
çã 
o(amor-sabedoria ).”
 
Abstract
STA Monografia P
ú
blica de Illuminates Of Kemet, Brasil (IOK-BR)pretende apresentar uma vis
ã
o geral da
ú
nica religi
ã
o autenticamenteBrasileira, a Umbanda, que conta com milhares e milhares de adeptosem todo o Pa
í 
s, tendo sido exportada para o exterior, principalmente EstadosUnidos da Am
é
rica e Argentina. A Umbanda jamais se preocupou emcontestar ou atacar qualquer religi
ã
o, mas tem sofrido inacredit
á
veispersegui
çõ
es, que ferem a Constitui
çã
o. Reunindo uma grande variedade deritos e modos de apresenta
çã
o, que v
ã
o das formas light parecidas comespiritismo de mesa a outras que se assemelham em muitos pontos aoCandombl
é
, a Umbanda n
ã
o possui um comando central que discipline a suaritual
í 
stica e
é
por essa caracter
í 
stica que foge da burocracia esot
é
rica quemarca manifesta
çõ
es religiosas na sociedade de consumo, constru
í 
da emcima de deturpa
çõ
es do cristianismo original.
E
Dedicat
ó
ria
 Dedico esta modesta monografia a todos aqueles que militam nas lides daUmbanda, trabalhando com dedica
çã 
o e amor no prop
ó
sito simples dacaridade e do auto-aperfei
ç
oamento que conduz
à
liberta
çã 
o da alma.
Pre
â
mbulo
OR QUE n
ó
s, brasileiros, nos reconhecemos por default comocrist
ã
os? Este
é
para mim um efeito cultural e hist
ó
rico que tamb
é
mreflete o n
í 
vel mediano de consci
ê
ncia predominante em nossasociedade em geral, j
á
que nos foi ensinado que esse caminho crist
ã
o seria ocaminho correto em detrimento a outros; Ou seja, o pag
ã
o, pante
í 
sta, bruxo,ou amante da natureza, que tem essa como via de espiritualiza
çã
o,
é
tidocomo um elemento inferior e rebelde em uma sociedade que vela pelo
P
 
controle e submiss
ã
o com leis bem desenhadas para estrategicamente manteras desigualdades e diferen
ç
as sociais desse mundo capitalista selvagem.aNa minha vis
ã
o, o modelo crist
ã
o que querem nos impor, se parece com oburro manso, domado, submisso, impotente, e preparado para n
ã
o questionaro poder de seus lideres, e logo
é
um modelo ideal para aqueles interessadosem manter o estado atual das coisas... Ironicamente esse
é
at
é
um mote parao golpe do momento, j
á
que n
ã
o se pode mais vender um terreno no mar ouas pir
â
mides do Egito, ent
ã
o est
ã
o se disfar
ç
ando de pastores e vendendosalva
çã
o e casinhas no c
é
u de conto de fadas para ovelhas infectadas pelov
í 
rus da cristandade.vAlguns podem dizer que estou indo contra aos ensinamentos de Jesus Cristomas na verdade quem faz isso
é
esse tal cristianismo. Jesus sempre pregoupela igualdade entre os homens e se colocou em oposi
çã
o aos poderosos daterra, ele n
ã
o ensinou religi
ã
o mas sim religiosidade e a pr
ó
pria b
í 
blia
é
 apenas um conjunto de vis
õ
es particulares sobre esse mito solar venerado.aOutro ponto interessante
é
que nas pr
á
ticas de terreiro predominantes, vemosque o multiculturalismo presente na Umbanda dissimula a presen
ç
a de ra
ç
as equalidades, e o personagem
á
pice do rito caracterizando o mais velho ous
á
bio, se traveste de manso preto-velho mas que na pr
á
tica parece semanifestar como um sacerdote crist
ã
o, o que claramente podemos vislumbraranalisando seus ditos pontos cantados ou mesmo sinais tra
ç
ados. E sobreesse personagem utilizado pelos nossos irm
ã
os espirituais, alguns acreditamque foi uma forma de reprimir id
é
ias racistas e elitistas de kardecistas da
é
poca , mas outros acreditam que essa foi uma forma de evangeliza
çã
o dopovo do santo que verdadeiramente era praticamente da f 
é
trazida da m
ã
e
Á
frica. Enfim, o fato
é
que essa linha espiritual de trabalho em um n
í 
velelementar lembra ao homem a necessidade de suprimir o impulso instintivo ese voltar para a espiritualidade como forma de liberta
çã
o, e em um n
í 
velb
á
sico isso inicialmente parece at
é
refletir como regras morais para o homemt
ã
o adoecido mas gradativamente essa doutrina da luz se desdobra comolinha do conhecimento at
é
chegar as praticas que conduzem ao verdadeirodespertar da consci
ê
ncia.

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->