Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
2Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Oficina de Paleografia III - (Técnica paleográfica - Tipos Caligráficos e Documentais)

Oficina de Paleografia III - (Técnica paleográfica - Tipos Caligráficos e Documentais)

Ratings: (0)|Views: 357|Likes:

More info:

Published by: Roberto Carlos Mayrink Teixeira on Feb 24, 2013
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

01/13/2015

pdf

text

original

 
 UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO – UFRRJPROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM HISTÓRIA – PPHRPROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL – PET – HISTÓRIAOFICINA DE PALEOGRAFIA III
(técnica paleográfica – tipos caligráficos e documentais)Prof. Ms. Nelson Henrique Moreira de OliveiraSeropédica, agosto de 2011.
 
 1Ementa: O estudo dos escritos antigos: origens e fundamentos. A técnica paleográfica: metodologiade trabalho, manuseio de documentos, leitura e transcrição (
ipsis litteris
, parcialmenteatualizada e atualizada). A Paleografia como instrumento auxiliar de pesquisa (fins emeios). Tecnologia – paleografia, microfilmagem e digitalização: preservação das fontes,perenidade dos conteúdos e acessibilidade de informações. Laboratório: fonte –catalogação – higienização – microfilmagem / digitalização – tratamento de imagens –armazenamento de suportes e conteúdos – transcrição. Os tipos caligráficos maisfrequentes em uso nas fontes documentais da América portuguesa nos séculos XVI aoXIX. A forma e o sentido da escrita: o traçado do escriba. As peculiaridades materiais: abase da escrita, o instrumento impressor e as tintas. Danos físicos na base e na escrita:dificuldades e possíveis soluções para a leitura. Identificação, leitura e transcrição detextos manuscritos: letras, palavras, abreviaturas e sinais. As normas para edição de textosmanuscritos. Os tipos documentais – paroquiais (batismos, matrimônios, óbitos etestamentos) e jurídico-cartoriais (inventários
 post-mortem
, processos-crime): formatos ecaracterísticas.Objetivos:- Conhecer a origem, fundamentos e novas perspectivas para a Paleografia;- Entender a técnica paleográfica e sua aplicação, conjugada com a microfilmagem, adigitalização e o tratamento de imagens;- Aprender como lidar com os suportes físicos, suas propriedades materiais e conteúdostextuais;- Compreender o processo de funcionamento de um laboratório técnico que englobe ostrabalhos de levantamento, catalogação, higienização, transcrição paleográfica,microfilmagem, digitalização, tratamento de imagens e preservação de fontes;- Desenvolver as ações de leitura e transcrição de acordo com a metodologia e as normasde transcrição e edição de textos manuscritos;- Preservar o conteúdo textual e as fontes dentro das desenvolvidas técnicas e suportesatuais;- Identificar os tipos caligráficos mais utilizados na América portuguesa entre os séculosXVI e XIX, nas fontes paroquiais e jurídico-cartoriais;- Perceber a forma da escrita através do “desenho” (traçado) das letras;- Notar as características materiais da base da escrita, do instrumento impressor e dastintas e seus efeitos geradores de dificuldades para a compreensão da escrita;- Aprender a solucionar as dificuldades da leitura: físicas e da escrita;- Colecionar as letras, abreviaturas e sinais, objetivando a prática da leitura de textosmanuscritos através do método comparativo da Paleografia;- Tomar conhecimento a respeito dos formatos e características de tipos documentaisespecíficos: paroquiais (batismos, matrimônios, óbitos e testamentos) e jurídico-cartoriais (inventários
 post-mortem
e processos-crime).Conteúdo:- Introdução à Paleografia: Paleografia e Diplomática – origens e usos;- O estudo das escritas antigas: as diversas especialidades e a paleografia latina;- Os tipos caligráficos: identificação e datação de textos;- As origens e características dos tipos caligráficos mais usuais entre os séculos XVI eXIX na América portuguesa;- Manuseio adequado de documentos manuscritos originais: preservação das fontes;- O paleógrafo e os cuidados com a saúde;- A transcrição a partir de outros suportes: fotocópias, microfilmes, imagens digitalizadas;- Normas para a transcrição de documentos manuscritos para edição;
 
 2- Peculiaridades e danos causados à base da escrita pelo instrumento impressor e pela tintae as dificuldades da leitura;- Transcrição de textos 1: características da escrita à mão, dos suportes, instrumentos deimpressão e tintas;- Transcrição de textos 2: leitura, transcrição e formatação dos documentos;- Transcrição de textos 3 – os tipos documentais: formatos e características de assentosparoquiais (batismos, matrimônios, óbitos e testamentos) e registros jurídico-cartoriais(inventários
 post-mortem
e processos-crime);- Identificação de letras, palavras, abreviaturas, termos, símbolos e sinais gráficos:coleções;- Técnica paleográfica: o método comparativo e as características estruturais e de forma daescrita – o traçado do escriba.

Activity (2)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->