Welcome to Scribd. Sign in or start your free trial to enjoy unlimited e-books, audiobooks & documents.Find out more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
3Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Adjuntos Do Director

Adjuntos Do Director

Ratings:

4.5

(1)
|Views: 743|Likes:
Published by educacaosa

More info:

Published by: educacaosa on Mar 07, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as RTF, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/08/2010

pdf

text

original

 
DESPACHO N.º x SEE/2009
Considerando que as escolas são estabelecimentos aos quais está confiada umamissão de serviço público, que consiste em dotar todos e cada um dos cidadãos dascompetências e conhecimentos que lhes permitam explorar plenamente as suascapacidades, integrar-se activamente na sociedade e dar um contributo efectivo para a vidapolítica, económica, social e cultural do País.Considerando que o Governo, a fim de garantir que as escolas cumprem a missãoque lhes incumbe em condições de qualidade, equidade, eficiência e eficácia, identificou anecessidade de revisão do regime jurídico da autonomia, administração e gestão dasescolas como uma das suas prioridades de actuação, com o duplo objectivo de reforçar aparticipação das famílias e comunidades na direcção estratégica dos estabelecimentos deensino e de favorecer a constituição de lideranças fortes.Considerando que a consecão deste último objectivo constituía mesmo,reconhecidamente e na opinião das escolas, uma das mais necessárias medidas dereorganização do regime de administração escolar, uma vez que o regime legal até aívigente em nada favorecia a emergência e muito menos a disseminação de liderançasdessa natureza.Considerando que se impunha, por isso, criar condições para a afirmação delideranças fortes e eficazes, para que em cada escola houvesse um rosto, um primeiroresponsável, dotado da autoridade necessária para desenvolver o projecto educativo daescola e executar localmente as medidas de política educativa.Considerando que essa era a única forma de garantir que a esse primeiroresponsável fossem assacadas as responsabilidades correspondentes à prestação doserviço público de educação e à gestão dos recursos públicos postos à sua disposição.Considerando que a solução encontrada para a consecução de tal fim se encontrahoje cristalizada no Decreto-Lei n.º 75/2008, de 22 de Abril e que a mesma passou pelacriação do cargo de director, coadjuvado por um Subdirector e um restrito número deadjuntos, enquanto órgão uni pessoal incumbido da gestão da escola em todas as suasdimensões mais relevantes.Considerando, no entanto, que, sendo o director coadjuvado no exercício das suasfunções por um subdirector e por um a três adjuntos, nos termos do art.º 19.º, n.º 1, doDecreto-Lei n.º 75/2008, de 22 de Abril, se impõe, em conformidade com o n.º 2 do mesmopreceito, proceder à fixação do mero de adjuntos em fuão da dimensão dosagrupamentos de escolas e escolas não agrupadas e da complexidade e diversidade dasua oferta educativa, nomeadamente dos níveis e ciclos de ensino e das tipologias de

Activity (3)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
oolhar liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->