Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
0Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
16051_12_Decisao_jalves_RC2-TC.pdf

16051_12_Decisao_jalves_RC2-TC.pdf

Ratings: (0)|Views: 0 |Likes:

More info:

Published by: Tribunal de Contas do Estado da Paraíba on Apr 24, 2013
Copyright:Public Domain

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

04/24/2013

pdf

text

original

 
 TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO2ª CÂMARA
PROCESSO TC 16051/12
1/3
Origem: Secretaria de Estado da SaúdeNatureza: Licitação – dispensa 198/2012Responsável: Waldson Dias de Souza – SecretárioAdvogada: Ana Amélia Paiva e outrosRelator: Conselheiro André Carlo Torres Pontes
DISPENSA DE LICITAÇÃO
. Secretaria deEstado de Saúde. Dispensa de procedimentolicitatório. Aquisição do medicamento calcitonina200UI spray nasal. Ausência de documentaçãonecessária à análise. Prazo.
RESOLUÇÃO RC2 – TC 00029/13RELATÓRIO1. Dados do procedimento:
1.1.
 
Órgão/entidade: Secretaria de Estado da Saúde.1.2.
 
 Licitação/modalidade: dispensa 198/2012.1.3.
 
Objeto: aquisição de 4.800 (quatro mil e oitocentos) frascos do medicamento CALCITONINA200UI spray nasal, destinados ao Centro Especializado de Dispensação de MedicamentosExcepcionais (CEDMEX).1.4.
 
Classificação orçamentária/fonte de recursos: 25101.10.303.5154.4735. 339032-.10.1.5.
 
 Autoridade ratificadora: Waldson Dias de Souza –Secretário de Estado da Saúde.
2. Dados do contrato:
2.1.
 
Contratada: Central Distribuidora de Medicamentos Ltda – CNPJ 09.122.605/0001-20,contrato substituído por nota de empenho, fl. 96/98.2.2.
 
Valor: R$379.200,00.
 
 TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO2ª CÂMARA
PROCESSO TC 16051/12
2/3
Em relatório inicial, a Auditoria dessa Corte de Contas observou, como mácula aoprocesso, a ausência, nos autos, da comprovação da afirmação de que os medicamentos adquiridos pormeio desta dispensa de licitação tiveram como justificativas a ocorrência dos processos fracassados dopregão 80/2011 e das dispensas 251111566 e 160312556.Notificado, o responsável apresentou defesa às fls. 90/98. Após análise, a d. Auditoriaemitiu relatório de fls. 101/104, concluindo pela irregularidade do processo licitatório, ante a ausênciade manifestação do defendente no ponto reclamado pela d. Auditoria, atinente à comprovação de que adispensa de licitação, ora em análise, ocorreu pelo fato de que os procedimentos licitatórios anterioresforam fracassados (fl. 06).Os autos foram encaminhados para o Ministério Público que emitiu parecer de lavra doSubprocurador-Geral Marcílio Toscano Franca Filho, fls. 106/110, opinando pela irregularidade doprocedimento de dispensa de licitação, aplicação de multa e recomendação de que atente para aobservância das normas consubstanciadas na lei de licitação e contratos.Os autos foram agendados para a presente sessão com as intimações de estilo.
VOTO DO RELATOR
A licitação, em sua dupla finalidade, tanto é procedimento administrativo tendente aconceder à pública administração melhores condições (de técnica e de preço) nos contratos quecelebrar, quanto e precipuamente se revela como instituto de concretude do regime democrático, poisvisa, também, facultar à sociedade a oportunidade de participar dos negócios públicos.No caso dos autos, como bem frisou a d. Auditoria, no item 3.5 do relatório de fls.81/85, a apresentação da documentação que comprova a afirmação constante na requisição 002/2012(fls. 06) se faz necessária para a análise do presente procedimento de aquisição de medicamentos.Assim, o Relator
VOTA
no sentido de que esta egrégia Câmara
ASSINE
o prazo de 30 (trinta) diaspara que o Sr. WALDSON DIAS DE SOUZA, Secretário de Estado da Saúde, adote as providênciasnecessárias no sentido de encaminhar, a esta Corte de Contas, a documentação e os esclarecimentosreclamados pela d. Auditoria.

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->