Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
2Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
MIssões para Ministério Infantil - Lição 1

MIssões para Ministério Infantil - Lição 1

Ratings: (0)|Views: 559|Likes:
Published by Sammis Reachers
Lições para o Ministério Infantil com base em Missões - Publicação de Secretaria de Missões da Convenção das Igrejas Batistas Independentes
- http://cibi.org.br/
Lições para o Ministério Infantil com base em Missões - Publicação de Secretaria de Missões da Convenção das Igrejas Batistas Independentes
- http://cibi.org.br/

More info:

Published by: Sammis Reachers on May 13, 2013
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/29/2013

pdf

text

original

 
 SM
 –
CIBI Campanha de Missões 2012 - Esta lição é uma contribuição deTatiana Santos - Correspondente Regional Nordeste daPortas Abertas Brasil e Membro da IBI Betel em Ribeirão / PE ,www.portasabertas.org.br 
 É mais importante obedecer a Deus 
Uma lição para crianças sobre a Igreja Perseguida(Material publicado na Revista Portas Abertas VOL 28, Nº 10, 2010)
Texto:
Atos 3.11-4.22
Versículo para memorizar:
“Pois não podemos deixar de falar do que vimos e ouvimos” (Atos
4.20).
Música:
 
 
Toda Criança De Cada País (CSPC vol.13, nº 57
APEC), trocando a palavra
“Chile” da música, por “Egito”.
 
“ 
Toda criança de cada paísPor Cristo é amada, a Bíblia nos diz.No Egito, Brasil e além do mar, A todas, pois, vamos a Bíblia levar.
” 
 
Material:
 
Figuras (podem ser em flanelógrafo ou em cartazes): Jesus falando àsmultidões (1); Pedro e João pregando (2); Pedro e João presos e diante dasautoridades (3).
 
Foto dos gêmeos Andrew e Mário (4)
 
Bandeirinha do Egito presa num palito de churrasco como mastro (5)
(anexo)
 
 
Mapa da classificação de países por perseguição da Missão Portas Abertasdestacando o Egito (6)
 Hora da história 
 
(Professor adapte a linguagem à faixa etária de sua turma e esclareça palavras ou termosdifíceis)
Quando Jesus ainda estava aqui na terra deu uma ordem, não somente aos discípulosque estavam o tempo todo com ele, mas também a todos os seus servos, inclusive nós
(fig.1)
.Ele disse que deveríamos pregar o evangelho a todas as pessoas e que o Espírito Santo nostornaria capazes para desempenhar esta tarefa em Seu nome.Foi um período em que muitos passaram a crer em Jesus, pois todos estavamempenhados em anunciar as boas novas do evangelho. Pedro e João
(fig.2)
eram dois homensde Deus, discípulos que também andaram com Jesus e obedeciam a Sua ordem. Em certa
 
 SM
 –
CIBI Campanha de Missões 2012 - Esta lição é uma contribuição deTatiana Santos - Correspondente Regional Nordeste daPortas Abertas Brasil e Membro da IBI Betel em Ribeirão / PE ,www.portasabertas.org.br 
ocasião eles estavam pregando e em nome de Jesus pessoas eram curadas, e tantas pessoascriam em, Jesus que isso passou a incomodar e chamar a atenção das autoridades.Eles foram presos e no interrogatório
(fig.3)
foram orientados a não mais falarem donome de Jesus para outras pessoas. Pedro, no entanto, cheio de coragem, disse que era maisimportante obedecer a Deus do que obedecer aos homens, e que jamais poderiam deixar defalar de Jesus. Eles foram soltos depois disso e após diversas advertências das autoridades.Faz muito tempo desde que isto aconteceu, mas nos dias de hoje nós tambémencontramos exemplos de coragem e fé como o de Pedro.Foi o caso dos irmãos gêmeos Andrew e Mário, do Egito
(Fig.4 e 5)
. Eles foram obrigadosa tornaram-se muçulmanos porque seu pai se converteu ao islamismo e assim pôde trocar areligião dos filhos na certidão de nascimento
(é assim que as coisas funcionam no Egito).
Um diaos
 
gêmeos tiveram que fazer uma prova de religião islâmica para passarem para o anoseguinte, mas eles se recusaram e escreveram na prova:
“Eu sou
 
cristão” 
, e deixaram em brancotodas as questões. Os corajosos irmãos foram levados a julgamento onde o futuro delesdependia das leis do país, e houve muitos problemas diante do juiz, mas por enquanto a mãedeles venceu a batalha, significando que eles podem viver com sua mãe cristã. No entanto, elesainda são considerados muçulmanos, apesar do desejo de permanecerem cristãos.
(Continue com a fig. 5 e mostre a 6)
No Egito os cristãos enfrentam muitas dificuldades.Eles são proibidos de falar sobre a fé em Jesus para outras pessoas e só o presidente pode darpermissão para construir uma igreja ou até reformar e pintar o templo, mas isto quase nunca épermitido. Muitos são expulsos de casa quando aceitam a Jesus, perdem seus empregos ou sãoexpulsos da escola e podem até ser presos por causa disso.Devemos orar pelos gêmeos Andrew e Mário, pois o caso deles ainda não foi encerrado,mas devemos orar também pelos outros cristãos que enfrentam diversas dificuldades porcausa da fé em Cristo, tanto os do Egito quanto os cristãos de outros países. Que eles tenhamuma atitude semelhante à de Pedro e João e concluam que é melhor obedecer a Deus.
Oferta:
Encoraje as crianças a ofertarem e mostre a importância deste ato.
 ATIVIDADES 
1. As ações institucionaisVocê vai precisar de:
 
 
01 folha grande para fazer um cartaz
 
Canetas hidrocor
 
F
igura de um juiz atrás de uma mesa com a inscrição “Juiz” à frente (pode ser recorte
derevista ou apenas silhueta)
 
Silhuetas ou recortes de jornais ou revistas de pessoas com os braços erguidos
 
Retângulos coloridos para cada criança
 
ColaPrepare um cartaz que deve ter a figura ou silhueta de um juiz olhando à frente esilhueta de várias pessoas como se segurassem cartazes num protesto (também podem seraqueles desenhos de palitinhos).As crianças deverão escrever frases a favor dos cristãos como se estivessemintercedendo às autoridades por eles. Frases como:
“libertem os cristãos”, “os cristãos querem o

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->