Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
1Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
O que é Suframa

O que é Suframa

Ratings: (0)|Views: 6 |Likes:
Published by Wallacy Araujo

More info:

Published by: Wallacy Araujo on Jun 02, 2013
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/13/2014

pdf

text

original

 
O que é Suframa?
 A Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) é uma Autarquiavinculada ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior queadministra a Zona Franca de Manaus - ZFM, com a responsabilidade de construirum modelo de desenvolvimento regional que utilize de forma sustentável osrecursos naturais, assegurando viabilidade econômica e melhoria da qualidade devida das populações locais.Com quatro decênios de existência, a Suframa viabilizou a implantação dos trêspólos que compõem a ZFM - comercial, industrial e agropecuário - e promove ainteriorização do desenvolvimento por todos os estados da área de abrangência domodelo, identificando oportunidades de negócios e atrai investimentos para aregião tanto para o Pólo Industrial de Manaus quanto para os demais setoreseconômicos da sua área de atuação.Com recursos arrecadados com a prestação de serviço das empresas beneficiadascom os incentivos fiscais do modelo ZFM, a Suframa faz parcerias com governosestaduais e municipais, instituições de ensino e pesquisa e cooperativas, financiaprojetos de apoio à infra-estrutura econômica, produção, turismo, pesquisa & desenvolvimento e de formação de capital intelectual. O objetivo é minimizar ocusto amazônico, ampliar a produção de bens e serviços voltados à vocaçãoregional e, ainda, capacitar, treinar e qualificar trabalhadores.
 
Apresentação
Atendendo orientação do Sistema de Planejamento institucional, a SUFRAMA revisaa versão do Plano Estratégico de 2003, em momento histórico extremamentepropício, na medida em que o cenário de atuação da autarquia passou porprofundas modificações. A convergência digital como foco organizador da eletrônicade consumo se consolidou no Brasil, com as iniciativas para implantação da TVDigital; a percepção de que educação, ciência, tecnologia e inovação
E&C&T&Isão elementos chaves para sustentar um processo de desenvolvimento regionalpassou a se refletir em dezenas de iniciativas conduzidas por entes públicos eprivados; as demandas por mais desenvolvimento para os estados da área deatuação da autarquia se materializaram com a ampliação nas possibilidadesprodutivas das áreas de livre comércio e por aprovações de zonas deprocessamento de exportação; a busca por mais enraizamento regional dos fatoresde produção do Pólo Industrial de Manaus ganhou materialidade com o advento desegmentos industriais novos como biocosméticos, biotecnologia e outros; aconsolidação das preocupações ambientais inseriram na agenda regional anecessidade de dinâmicas econômicas mais associadas à proteção do biomaamazônico; a oportunidade do avanço cientifico-tecnológico que sinalizar novasdinâmicas econômicas com base no aproveitamento dos insumos e saberes dafloresta, e outros.Em meio a essa intensa mutação do seu entorno a instituição buscou manter-secomo protagonista relevante. Qualificou sua atuação demonstrando por meioscabais a excelência da política pública que gere; apresentou-se nos diversos fórunsnacionais e internacionais, públicos e privados, acadêmicos e produtivos, afirmandoa importância de sua atuação na região; transformou-se em voz respeitada nasdiscussões sobre os rumos e políticas regionais, convertendo-se, por isso, em atorindispensável no encaminhamento das questões relativas ao desenvolvimento naAmazônia.
 
Assim, a missão da autarquia ganha um maior refinamento, qual seja: “promover o
desenvolvimento econômico regional, mediante geração, atração e consolidação deinvestimentos, apoiado em ciência, tecnologia e inovação, visando à integração
nacional e inserção internacional competitiva”. Ao ratificar sua
visão de futuro
de
buscar “ser uma agência padrão de excelência na indução do desenvolvimentosustentável, reconhecida no país e no exterior”, sinalizou que o desenvolvimento
que deseja está inserido na lógica da sustentabilidade. Ao adicionar a perspectivada integração, incorpora a exigência de que o desenvolvimento não só se volta parao comércio exterior, mas absorve os conceitos dos mercados regional e nacional.Essa trajetória está pautada sob a égide da Ciência, Tecnologia e Inovação.Os Fatores Críticos de Sucesso e os Objetivos Estratégicos foram re-consolidados.Assim, todas as ações necessárias vinculadas à estrutura organizacional e seu
modus operandi 
restaram expressas
no conteúdo crítico “desenvolvimentoorganizacional em contínuo aprimoramento”. Por sua vez, Objetivos Estratégicosqual “intensificar o processo de articulação e de parceria com órgãos e entidadespúblicas e privadas” foram considerados de caráter funcio
nal, bem como o
 “contribuir para a conscientização e consolidação do conceito de desenvolvimentosustentável na região” foi considerado inserido no Fator Crítico de Sucesso “atuaçãoconsistente com o desenvolvimento sustentável”.
 As Áreas Estratégicas foram ampliadas com a finalidade de albergar iniciativashistóricas e hodiernas, contemplando além do desenvolvimento organizacional, dalogística, da tecnologia e inovação, atração de investimentos, inserção internacionale desenvolvimento econômico, adotou-se a gestão de incentivos fiscais e, capitalintelectual e empreendedorismo.Igualmente ampliado restaram os Grandes Temas Regionais, cujas temáticasincluem TIC, mudanças climáticas, biodiversidade, integração continental, recursoshídricos, urbanização, cultura, educação e convergência tecnológica. Tais temas

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->