Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
22Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Romantismo

Romantismo

Ratings:

4.8

(5)
|Views: 4,822 |Likes:
Published by jessicasouza
Trabalho de Romantismo, por @jessicasouza
Trabalho de Romantismo, por @jessicasouza

More info:

Categories:Types, School Work
Published by: jessicasouza on Apr 24, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as ODT, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/18/2013

pdf

text

original

 
Romantismo
TrabalhodeLiteratura
 Jéssica Marques Oliveira de Souza2ªB
 
ROMANTISMO
O romantismo foi um movimento artístico, político e filosófico surgido no séculoXVIII na Europa, que durou até meados do século XIX. Ela se caracterizou como umavisão de mundo contrária ao racionalismo que marcou o período neoclássico e buscou umnacionalismo que viria a consolidar os estados na Europa.O Romantismo toma forma de um movimento e o espírito romântico passa adesignar toda uma visão de mundo centrada no indivíduo. Os autores românticosvoltaram-se cada vez mais para si mesmos, retratando o drama humano, amorestrágicos, ideias utópicas e desejos de escapismo.
Origens
O romantismo surgiu na Europa numa época em que o ambiente intelectual era degrande rebeldia. Na política, caíam os sistemas de governo despóticos e surgia oliberalismo político. No campos social imperava o inconformismo. No campo artístico, orepúdio às regras. A Revolução Francesa é o clímax desse século de oposição.No Brasil, o romantismo coincidiu com a independência política em 1822, com oSegundo reinado, com a guerra do Paraguai e com a campanha abolicionista.Alguns autores neoclássicos já nutriam um sentimento mais tarde dito românticoantes de seu surgimento de fato, sendo assim chamados pré-românticos. Nestaclassificação encaixam-se Francisco Goya e Bocage.O Romantismo viria a se manifestar de formas bastantes variadas nas diferentesartes e marcaria, sobretudo, a literatura e a música. À medida que a escolha foi sendoexplorada, foram surgindo críticos à sua demasiada idealização da realidade. Destescríticos surgiu o movimento que daria forma ao Realismo.
Características
As características centrais do romantismo viriam a ser o lirismo, o subjetivismo, osonho de um lado, o exagero, a busca pelo exótico e pelo inóspito de outro. Tambémdestacam-se o nacionalismo, a idealização do mundo e da mulher, assim como a fuga darealidade e o escapismo. Eventualmente também serão notados o pessimismo e um certogosto pela morte, religiosidade e naturalismo.
SubjetivismoO romancista trata dos assuntos de forma pessoal, de acordo com sua opiniãosobre o mundo. O subjetivismo pode ser notado através do uso de verbos na primeirapessoa.Com plena liberdade de criar, o artista romântico não se acanha em expor suasemoções pessoais, em fazer delas a temática sempre retomada em sua obra. O eu é ofoco principal do subjetivismo, o eu é egoísta, forma de expressar seus sentimentos.Idealização
 
Empolgado pela imaginação, o autor idealiza temas, exagerando em algumas desuas características. Dessa forma, a mulher é uma virgem frágil, o índio é um heróinacional, e a pátria sempre perfeita. Essa característica é marcada por descriçõesminuciosas e muitos adjetivos.
SentimentalismoPraticamente todos os poemas românticos apresentam sentimentalismo já que essaescola literária é movida através da emoção, sendo as mais comuns a saudade, a tristezae a desilusão. Os poemas expressam o sentimento do poeta, suas emoções e são como orelato sobre uma vida.O romântico analisa e expressa a realidade por meio dos sentimentos. E acreditaque só sentimentalmente se consegue traduzir aquilo que ocorre no interior do indivíduo.
EgocentrismoComo o nome já diz, é a colocação do ego no centro de tudo. Vários artistasromânticos colocam, em seus poemas e textos, os seus sentimentos acima de tudo,destacando-os no texto. Pode-se dizer, talvez, que o egocentrismo é um subjetivismoexagerado.Natureza interagindo com o eu líricoA natureza, no Romantismo, expressa aquilo que o eu-lírico está sentindo nomomento narrado. A natureza pode estar presente desde as estações do ano, comoformas de passagens, à tempestades, ou dias de muito sol.Grotesco e sublimeHá a fusão do belo e do feio, diferentemente do arcadismo que visa a idealizaçãodo personagem principal, tornando-o a imagem da perfeição. Como exemplo, temos oconto de A Bela e a Fera, no qual uma jovem idealizada, se apaixona por uma criaturahorrenda.
MedievalismoAlguns românticos se interessavam pela origem de seu povo, de sua língua e deseu próprio país. Na Europa, eles acharam no cavaleiro fiel à pátria um ótimo modo deretratar as culturas de seu país. Esses poemas se passam em eras medievais eretratavam grandes guerras e batalhas.
IndianismoÉ o medievalismo "adaptado" ao Brasil. Como os brasileiros não tinham umcavaleiro para idealizar, os escritores adotaram o índio como o ícone para a origemnacional e o colocam como um herói. O indianismo resgatava o ideal do "bom selvagem"(Jean-Jacques Rousseau), segundo o qual a sociedade corrompe o homem e o homemperfeito seria o índio, que não tinha nenhum contato com a sociedade européia.
ByronismoInspirado na vida e na obra de Lord Byron, poeta inglês. Estilo de vida boêmio,voltado para vícios, bebida, fumo e sexo, podendo estar representado no personagem ouna própria vida do autor romântico. O byronismo é caracterizado pelo narcisismo, peloegocentrismo, pelo pessimismo, pela angústia.
A POESIA ROMÂNTICA
No Brasil, a poesia romântica é marcada, num primeiro momento, pelo teor

Activity (22)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Samara Ferreira liked this
Allan Clayton liked this
Romario Avelino liked this
Tânia Nunes liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->