Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
1Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Reflexão _ Despertar para que haja mais vida

Reflexão _ Despertar para que haja mais vida

Ratings: (0)|Views: 12|Likes:
Published by CVJ-Maia
Reflexão _ Despartar para que haja vida
Reflexão _ Despartar para que haja vida

More info:

Published by: CVJ-Maia on Apr 29, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/16/2009

pdf

text

original

 
Despertar para que haja mais vida
Cada manhã o despertador toca. Pode ser a voz da mãe atenciosa, um barulho mais oumenos irritante, ou mesmo as notícias do dia. Por de traz destes sons, destas vozes háum chamamento à vida, a abrir os olhos, os ouvidos, a pôr-se de pé e lançar-se de novoao caminho. Cada dia traz em si a oportunidade para dar mais um passo na realização davocação à qual se é chamado e exige atenção para poder discernir o caminho, o melhor caminho para que haja mais vida. Da minha resposta ou do meu silêncio depende a vidade outros.A todos, sem excepção, Deus chama à vida e à vida em plenitude. Toda a pessoahumana deveria encontrar neste mundo as condições que lhe permitam ser pessoa. A primeira vocação é o “nome” da pessoa. O nome exprime a identidade da pessoa, o ser único e insubstituível diante de Deus. É por este nome que Deus me chama, e se mechama pede-me uma resposta. Pede-me, mas não me exige, sou livre de responder masDeus continua a chamar, aí não há que duvidar, pois o seu povo continua a clamar.Escutar a voz de Deus é, pois, escutar a voz, o grito de tantos homens e mulheres queclamam por Justiça. A terra prometida continua uma miragem para muitos povos, oReino de Deus uma utopia que alguns “loucos” anunciam e procuram construir mas…sem sucesso. o massas que aderem, mas apenas e só pessoas que secomprometem… e pequenos focos de esperança surgem. Tudo começa por um pequenotoque, por um simples SIM à vida, cada manhã, cada dia, todos os dias da minha vida,da tua vida…
Maria e o despertar de um SIM
Estamos no mês de Maio, o mês dedicado aquela que aceitou ser desperta por Deus:“Salve o cheia de graça, o Senhor está contigo”. Eis a provocação, o despertador, oinício de um diálogo que culmina aos pés da cruz. Maria não compreendeu à primeiramas aceitou iniciar as conversações em vista de um projecto de vida. O seu “eis-meaqui” é um SIM à Vida. Não é só o seu futuro que está em jogo, não é só o da suafamília, o do seu povo… é o da humanidade.Maria é o exemplo de uma jovem que aceitou dialogar com Deus do princípio ao fim.Muitas vezes não compreendeu, mas guardou no seu coração o “inaceitável”, esperandoque chegasse a Sua hora. Deixou-se moldar, transformar, gerar por Aquele que ela criou.A missão à qual foi chamada transcendia-a e ela não hesita em fazer silêncio, em deixar Deus fazer: “Fazei tudo o que Ele vos disser”.Foi no Sábado Santo, ao contemplar o silêncio de Maria, juntamente com os jovens que participaram na Páscoa jovem, que eu compreendi as consequências do seu SIM. A vidanão acaba no sepulcro, a vida começa ou recomeça no cenáculo. Maria estava lá com osdiscípulos quando o Espírito Santo os liberta dos seus medos e os lança na aventura daconstrução do Reino de Deus. E por instantes senti-me envolvido pelo “Sim” de Maria.A minha vida já estava naquele “Sim”.

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->