Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
7Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
agua

agua

Ratings: (0)|Views: 1,481 |Likes:

More info:

Published by: rodriguesojoaquim5486 on Apr 30, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

09/24/2012

pdf

text

original

 
A água
A água e os seus processos físicos
Introdução
A água é a realidade primordial cuja importância e simbolismo toca todos osníveis da existência. Os antigos mitos e a ciência moderna convergemquando vêem na água o suporte da vida, o líquido amniótico que sustenta oembrião em sua evolução e crescimento. Como componente básico de todomaterial orgânico, água é necessária para a existência de tudo que vive,humano, animal ou vegetal.A sua presença assegura a vida e crescimento; sua falta é presságio demorte e abatimento. Água refresca e renova: um poço reanima e restaura osmembros cansados e enfraquecidos; uma fonte refresca e acalma o espíritoque está oprimido e perturbado; um banho limpa e purifica um corpo queestá sujo e contaminado. Não surpreende que as pessoas escolham lugarespróximos à água para as férias a fim de restaurar-se e refrescar-se.Pode dizer-se que a quantidade total de água existente na Terra, nas suastrês fases, sólida, líquida e gasosa, se tem mantido constante, desde oaparecimento do Homem.
 
A água da Terra, que constitui a hidrosfera, distribui-se por trêsreservatórios principais, os oceanos, os continentes e a atmosfera, entre osquais existe uma circulação ininterrupta: ciclo da água ou ciclo hidrológico.O movimento da água no ciclo hidrológico é mantido pela energia radiante deorigem solar e pela atracção gravítica.
O ciclo hidrológico
Pode definir-se ciclo hidrológico a sequência de fenómenos, pelos quais aágua passa do globo terrestre para a atmosfera, na fase de vapor, eregressa àquele, nas fases líquida e sólida. A deslocação de água dasuperfície do Globo para a atmosfera, sob a forma de vapor, dá-se porevaporação directa, através do calor do sol, por transpiração das plantas edos animais e por sublimação (passagem directa da água da fase sólida paraa de vapor).
 
1
 
A água
O ciclo da água na Terra permite-nos basicamente avaliar os processoscíclicos de constituição de reservas através dos movimentos da água. Sãoprocessos deste tipo, o movimento a partir da atmosfera, a entrada e oarmazenamento temporário na terra, seguido de saída para o reservatóriomais importante, os oceanos. O ciclo consta de três fases principais:precipitação, evaporação e escoamento superficial e subterrâneo. Todas asfases envolvem transporte, armazenamento temporário e alteração doestado físico da água.A quantidade da água mobilizada pela sublimação/volatilização no ciclohidrológico é insignificante comparada com a que é envolvida na evaporaçãoe na transpiração, cujo processo conjunto se designa por evapotranspiração
.
O vapor de água é transportado pela circulação atmosférica e condensa-seapós percursos muito varveis, que podem ultrapassar 1000 km. A águacondensada dá lugar à formação de nevoeiros e nuvens e a precipitação apartir de ambos.Essas nuvens, ao aglomerar determinada quantidade de vapores, quandoencontram correntes de ar frio ou baixas preses atmosféricas,condensam e precipitam-se sob a forma de chuva, granizo ou neve. Umafracção da água precipitada evapora antes de alcançar o solo. A restantechega em forma de chuva ou chuvisco, ou na fase sólida (neve, granizo ousaraiva).A água precipitada na fase sólida apresenta-se com estrutura cristalina nocaso da neve e com estrutura granular, regular em camadas, no caso dogranizo, e irregular, por vezes em agregados de nódulos, que podem atingir adimensão de uma bola de ténis no caso da saraiva.A precipitação inclui também a água que passa da atmosfera para o globoterrestre por condensação do vapor de água (orvalho) ou por congelaçãodaquele vapor (geada) e por intercepção das gotas de água dos nevoeiros(nuvens que tocam no solo ou no mar).A água que se precipita nos continentes pode tomar vários destinos:Uma parte é devolvida directamente à atmosfera por evaporação
;
A outra origina escoamento à superfície do terreno, isto é, o escoamentosuperficial, que se irá concentrar em sulcos e cujo ajuntamento dá lugar aoscursos de água.A parte restante infiltra-se, isto é, penetra no interior do solo,subdividindo-se numa parcela que se acumula na sua parte superior e podevoltar à atmosfera por evapotranspiração e noutra que caminha para a
2
 
A água
profundidade até atingir os lençóis aquíferos (ou simplesmente aquíferos) evai constituir o escoamento subterrâneo.Tanto o escoamento superficial como o escoamento subterneo oalimentar os cursos de água que desaguam nos lagos, rios e nos oceanos, ouvão alimentar directamente estes últimos.
 
O escoamento superficial constitui uma resposta rápida à precipitação ecessa pouco tempo depois dela. Por seu turno, o escoamento subterrâneo,em especial quando se dá através de meios porosos, ocorre com grandelentidão e continua a alimentar os cursos de água ao longo tempo após terterminado a precipitação que o originou
.
Em consequência disso, os cursosde água alimentados por aquíferos apresentam caudais mais regulares..Os processos do ciclo hidrológico decorrem, como se descreveu, naatmosfera e no globo terrestre, pelo que se pode admitir dividido o ciclo daágua em dois ramos: reo e terrestre. A água que se precipita noscontinentes vai, assim, repartir-se em três parcelas: uma é reenviada para aatmosfera por evapotranspiração e as restantes duas produzemescoamentos, o superficial e o subterrâneo
 
3

Activity (7)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Renato Landim liked this
Tete Lionete liked this
ncnegreiro liked this
EduardoLourenco liked this
SamanthaSammySam liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->