Welcome to Scribd. Sign in or start your free trial to enjoy unlimited e-books, audiobooks & documents.Find out more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword or section
Like this
2Activity

Table Of Contents

0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Livro O Universo

Livro O Universo

Ratings: (0)|Views: 8|Likes:
Published by Medina Márcio

More info:

Published by: Medina Márcio on Jul 22, 2013
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/06/2014

pdf

text

original

 
1
http://www.ifi.unicamp.br/~ghtc/Universo/  
O UNIVERSO
 TEORIAS SOBRE SUA ORIGEM E EVOLUÇÃOINTRODUÇÃOA origem do universo é um tema que sempre interessou a toda a humanidade.Em todos os povos, em todas as épocas, surgiram muitas e muitas tentativas decompreender de onde veio tudo o que conhecemos. No passado, a religião e amitologia eram as únicas fontes de conhecimento. Elas propunham uma certa visão decomo um ou vários deuses produziram este mundo.Há mais de dois mil anos, surgiu o pensamento filosófico. Ele propôs novasidéias, modificando ou mesmo abandonando a tradição religiosa. Por fim, com odesenvolvimento da ciência, apareceu um outro modo de estudar a evolução douniverso.Atualmente, a ciência predomina. É dessa ciência que muitos esperam obter aresposta às suas indagações sobre a origem do universo. Muitas vezes, lemosnotícias em jornais e revistas apresentando pesquisas recentes sobre a formação douniverso. Na tentativa de chamar a atenção para uma nova descoberta, os jornalistasàs vezes exageram sua importância e publicam manchetes do tipo: "Acaba de serprovado que o universo começou de uma explosão". Mas foi provado, mesmo?As notícias, quase sempre, dão a impressão de que acabaram todos osmistérios, que não há mais dúvidas sobre o início e evolução do cosmo. Mas averdade não é exatamente essa. Há dezenas de anos, os jornais repetem as mesmasmanchetes, com notícias diferentes. Quem se der ao trabalho de consultar tudo o que já se publicou sobre o assunto, verá que os meios de comunicação revelam sempreum enorme otimismo. O resultado de cada nova pesquisa é apresentado como setivesse sido conseguida a solução final. Mas se a notícia de trinta anos atrás fossecorreta, não poderiam ter surgido todas as notícias dos anos seguintes - até hoje -repetindo sempre que um certo cientista ou grupo de pesquisadores "acaba de provar"que o universo começou assim e assim.A ciência tem evoluído, isso é inegável. Durante o século XX, nossosconhecimentos aumentaram de um modo inconcebível. Entretanto, nem todos osproblemas foram resolvidos. A ciência ainda não esclareceu a maior parte dasdúvidas. As teorias sobre a origem do universo ainda devem sofrer muitas mudanças,no futuro. Por isso, ninguém deve esperar encontrar aqui a resposta final. A últimapalavra ainda não foi dita.A ciência não é o único modo de se estudar e tentar captar a realidade. Opensamento filosófico e religioso possuem também grande importância. As antigasindagações ressurgem sempre: será possível que esse universo tenha surgido semuma intervenção divina? até que ponto a ciência e a religião se contradizem ou secompletam?Ao longo da história da humanidade, desenrolou-se - e ainda se desenrola - umenorme esforço para descobrir de onde veio tudo aquilo que existe. É a história desseesforço que será descrita neste livro. Apenas sabendo todas as fases pelas quais jápassou o pensamento humano, podemos tentar avaliar corretamente o estágio atualde nossos conhecimentos. Para isso, não podemos nos limitar apenas àsinvestigações mais recentes, nem apenas à ciência. Devemos recuar a um passadodistante, e acompanhar essa grandiosa aventura intelectual da humanidade: atentativa de entender a origem do universo, a sua própria origem e o seu própriosignificado.Em nossa viagem, encontraremos alguns dos maiores pensadores de toda ahistória. Muitas teorias são difíceis ou obscuras. É preciso um certo esforço para
 
2
entendê-las. Mas vale à pena esse esforço de elevar-se e poder dialogar com algunsdos maiores gênios da humanidade.Nossa viagem pela história do pensamento humano nos mostrou muitastentativas realizadas para se compreender a origem de nosso universo. Essa buscaexistiu em todas as civilizações, em todos os tempos. Mas a forma de buscar essaexplicação variou muito. O mito, a filosofia, a religião e a ciência procuraram dar umaresposta às questões fundamentais: O universo existiu sempre, ou teve uminício? Se ele teve um início, o que havia antes? Por que o universo é como é?Ele vai ter um fim?Nosso conhecimento moderno sobre o universo está muito distantedaquilo que era explicado pelos mitos e pela religião. Nenhum mito ou religiãodescreveu o surgimento do sistema solar, do Sol, das galáxias ou da própria matéria.Esperaríamos da ciência uma resposta às nossas dúvidas, mas ela também não temas respostas finais.Por que não desistimos, simplesmente, de conhecer o início de tudo? Queimportância pode ter alguma coisa que talvez tenha ocorrido há 20 bilhões deanos?A presença universal de uma preocupação com a origem do universomostra que esse é um elemento importante do pensamento humano. Possuiralguma concepção sobre o universo parece ser importante para que possamosnos situar no mundo, compreender nosso papel nele. Em certo sentido, somos ummicrocosmo. O astrônomo James Jeans explicava o interesse dos cientistas porcoisas tão distantes de nossa vida diária, da seguinte maneira:
Ele quer explorar o universo, tanto no espaço quanto no tempo, porque ele próprio faz parte do universo, e o universo faz parte do homem.
 Essa busca de uma compreensão do universo e do próprio homem ainda nãoterminou. De uma forma ou de outra, todos participamos dessa mesma procura.Uma procura que tem acompanhado e que ainda deverá continuar a acompanhartodos os passos da humanidade.
CAPÍTULO 1 - A ORIGEM DO UNIVERSO NA MITOLOGIA E NA RELIGIÃO
 1.1 UM MITO INDÍGENA DO BRASILDe onde veio este mundo? Como ele surgiu? De onde vieram os homens?Qual o significado de tudo isso que existe? Em todos os tempos e em todas ascivilizações, essas foram perguntas que sempre inquietaram a humanidade e quereceberam diferentes tipos de respostas.Uma lenda indígena nheengatu, da Amazônia, assim conta a origem domundo:
No princípio, contam, havia só água, céu.Tudo era vazio, tudo noite grande Um dia, contam, Tupana desceu de cima no meio de vento grande,quando já queria encostar na água saiu do fundo uma terra pequena, pisou nela.Nesse momento Sol apareceu no tronco do céu, Tupana olhou para ele.Quando Sol chegou no meio do céu seu calor rachou a pele de Tupana, a pele de Tupana começou logo a escorregar pelas pernas dele abaixo. Quando Sol ia desaparecer para o outro lado do céu a pele de Tupana caiu do corpo dele,estendeu-se por cima da água para já ficar terra grande.No outro Sol [no dia seguinte] já havia terra, ainda não havia gente.Quando Sol chegou no meio do céu Tupana pegou em uma mão cheia de terra, amassou-a bem, depois fez uma figura de gente, soprou-lhe no nariz,deixou no chão. Essa figura de gente começou a engatinhar, não comia, não chorava, rolava à toa pelo chão. Ela foi crescendo, ficou grande como Tupana,ainda não sabia falar.
 
3
Tupana, ao vê-lo já grande, soprou fumaça dentro da boca dele, então começou já querendo falar. No outro dia Tupana soprou também na boca dele,então, contam, ele falou. Ele falou assim: 
 
- Como tudo é bonito para mim ! Aqui está água com que hei de esfriar minha sede. Ali está fogo do céu com que hei de aquecer meu corpo quando ele estiver frio. Eu hei de brincar com água, hei de correr por cima da terra; como o fogo do céu está no alto, hei de falar com ele aqui de baixo.Tupana, contam, estava junto dele, ele não viu Tupana.
Essa lenda indígena mostra um tipo de explicação para a origem do mundo edo próprio homem. As explicações mais antigas, como essa, eram “mitos”: históriasque descreviam como um ou vários personagens sobrenaturais (deuses ou outrosseres) fizeram o mundo primitivo, criaram os animais, as plantas, os homens eestabeleceram os costumes, as leis, a estrutura da sociedade. A lenda nheengatuindicada acima é um mito de origem do mundo, pois tenta descrever esse início comoo resultado da ação de “Tupana”, um ser sobrenatural.Esses mitos estão sempre associados a uma visão religiosa: os seressobrenaturais descritos nos mitos devem ser respeitados e e obedecidos; dependendoda religião, devem ser feitos cultos dedicados a esses deuses que produziram ouniverso e o homem.O mito nheengatu citado acima é muito mais longo do que o trecho que foiapresentado. Ele explica como surgiram as plantas, os animais, e tudo o que temimportância para a vida na natureza. Diz também como surgiu o erro, fala sobre adesobediência do primeiro homem e descreve como teria ocorrido a destruição domundo por uma espécie de inundação ou dilúvio.1.2 A ORIGEM BÍBLICA DO UNIVERSOEssa descrição tem grande semelhança com a origem do universo descrita noGenesis – o início da Bíblia judaica. Nos dois casos, existe um início de trevas,existem certas “águas” primitivas, existe uma divindade invisível que vai formandotodas as coisas, e que irá formar o homem a partir do barro, soprando sobre ele paralhe dar a vida. Embora o Genesis seja bem conhecido, vamos relembrar o seu início:
No princípio, Deus criou o céu e a terra.
 
E a terra era informe e vazia, e havia trevas sobre a face do abismo; e o espírito de Deus se movia sobre as águas.
 
E disse Deus: que seja feita a luz. E a luz se fez.
 
E Deus viu que a luz era boa. E separou a luz das trevas.
 
Chamou a luz de Dia, e as trevas de Noite. E fez-se a tarde e a manhã do dia um.
 
E disse também Deus: seja feito o firmamento em meio às águas, e divida as águas das águas.
 
E Deus fez o firmamento, dividindo as águas que estavam sob o firmamento e as que estavam sobre o firmamento. E isso se fez assim.
 
E Deus deu ao firmamento o nome de Céu. E fez-se a tarde e a manhã do segundo dia.
 
Deus disse: reunam-se as águas que estão sob o céu, em um lugar, e que apareça o seco. E isso se fez assim.
 
E Deus chamou o seco de Terra, e denominou a reunião das águas de Mar. E Deus viu que era bom.
 Depois, nos “dias” seguintes, Deus produz as plantas, os astros, osanimais, das águas e da terra e, por fim, o homem:
E disse: Façamos o homem a nossa imagem e semelhança; e que ele presida os peixes dos mares, os que voam no céu, as feras de toda a terra, e todos os 

Activity (2)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->