Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
12Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Como Um HD Funciona

Como Um HD Funciona

Ratings: (0)|Views: 1,274 |Likes:
Published by artinfo
Entenda como um HD funciona
Entenda como um HD funciona

More info:

Published by: artinfo on May 20, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/25/2012

pdf

text

original

 
:. Como um HD funciona
Antes de mais nada, aqui está um pouco de teoria de como funciona um HD atual,estes conhecimentos são importantes para as dicas a seguir.Dentro do disco rígido, os dados são gravados em discos magnéticos, chamados emInglês de
platters
. O nome “disco rígido” vem justamente do fato dos discos internosserem lâminas metálicas extremamente rígidas. Os platters são compostos de duascamadas.A primeira é chamada de
substrato
, e nada mais é do que um disco metálico,geralmente feito de ligas de alumínio. Este disco é polido em salas limpas, para que setorne perfeitamente plano. A fim de permitir o armazenamento de dados, este disco érecoberto por uma segunda camada, agora de material magnético. A aplicação dacamada magnética é feita dos dois lados do disco.Como a camada magnética tem apenas alguns mícrons de espessura, é recoberta poruma fina camada protetora, que oferece alguma proteção contra pequenos impactos.Esta camada é importante, pois apesar dos discos serem encapsulados em salaslimpas, eles internamente contêm ar, com pressão semelhante à ambiente. Comoveremos adiante, não seria possível um disco rígido funcionar caso internamentehouvesse apenas vácuo.Os HDs são hermeticamente fechados, a fim de impedir qualquer contaminaçãoproveniente do meio externo, porém, nunca é possível manter um ambiente 100%livre de partículas de poeira. Um pequeno dano na camada protetora não interfere noprocesso de leitura/gravação, que é feito de forma magnética.Os discos são montados em um eixo também feito de alumínio, que deve ser sólido osuficiente para evitar qualquer vibração dos discos, mesmo a altas rotações. Este émais um componente que passa por um processo de polimento, já que os discosdevem ficar perfeitamente presos e alinhados.Finamente, temos o motor de rotação, responsável por manter uma rotação constante.O motor é um dos maiores responsáveis pela durabilidade do disco rígido, pois amaioria das falhas graves provêem justamente do motor.Os HDs mais antigos utilizavam motores de 3.600 rotações por minuto, enquanto queatualmente, são utilizados motores de 5.600 ou 7.200 RPM, que podem chegar a maisde 10.000 RPM nos modelos mais caros. A velocidade de rotação é um dos principaisfatores que determinam a performance.Para ler e gravar dados no disco, usamos
cabeças de leitura
eletromagnéticas (headsem Inglês) que são presas a um
braço móvel
(arm), o que permite seu acesso a todoo disco. O braço de leitura é uma peça triangular feita de alumínio ou ligas deste, poisprecisa ser ao mesmo tempo leve e resistente. Um dispositivo especial, chamado de
atuador
, ou “actuator” em Inglês, coordena o movimento das cabeças de leitura.
 
Nos primeiros discos rígidos, eram usados antiquados motores de passo paramovimentar os braços e cabeças de leitura. Porém, além de muito lentos, eles erammuito susceptíveis a problemas de desalinhamento, além de não serem muitoconfiáveis. Os discos contemporâneos (qualquer coisa acima de 40 MB) utilizam ummecanismo bem mais sofisticado para esta tarefa, justamente o actuator, compostopor um dispositivo que atua através de atração e repulsão eletromagnética.Basicamente temos dois eletroímãs, um de cada lado do braço móvel. Alterando aintensidade da corrente elétrica e, consequentemente a potência de cada imã, o braçoe consequentemente as cabeças de leitura se movimentem. Apesar de parecersuspeito, esse sistema é muito mais rápido, preciso e confiável que os motores depasso.Outro dado interessante é a maneira como as cabeças de leitura lêem os dados, semtocar na camada magnética. Se você tiver a oportunidade de ver um disco rígidoaberto, verá que, com os discos parados, as cabeças de leitura são pressionadaslevemente em direção ao disco, tocando-o com uma certa pressão. Porém, quando osdiscos giram à alta rotação, forma-se uma espécie de colchão de ar (pois os discos sãofechados hermeticamente, mas não à vácuo, temos ar dentro deles). Este colchão dear repele a cabeça de leitura, fazendo com que fique sempre a alguns mícrons dedistância dos discos, é mais ou menos o mesmo princípio utilizado nos aviões.Veja que enquanto o HD está desligado, as cabeças de leitura ficam numa posição dedescanso, longe dos discos magnéticos. Elas só saem dessa posição quando os discos já estão girando à velocidade máxima. Para prevenir acidentes, as cabeças de leituravoltam à posição de descanso sempre que não estão sendo lidos dados, apensar dosdiscos continuarem girando.É justamente por isso que às vezes ao sofrer um pico de tensão, ou o micro serdesligado enquanto o HD é acesso, surgem setores defeituosos. Ao ser cortada aenergia, os discos param de girar e é desfeito o colchão de ar, fazendo com que ascabeças de leitura possam vir a tocar os discos magnéticos.Para diminuir a ocorrência deste tipo de acidente, nos HDs modernos é instalado umpequeno imã em um dos lados do actuator, que se encarrega de atrair as cabeças deleitura à posição de descanso, toda vez que a eletricidade é cortada (tecnologiachamada de auto-parking). A camada de proteção dos discos magnéticos, tambémoferece alguma proteção contra impactos, mas mesmo assim, às vezes os danosocorrem, resultando em um ou vários setores defeituosos, por isso, é sempre bom
 
desligar o micro apenas na tela “o seu computador já pode ser desligado comsegurança” do Windows.
:. A placa controladora
Todo o funcionamento do disco rígido, a movimentação da cabeça de leitura, avelocidade de rotação, a leitura e gravação dos dados, o envio e recebimento de dadosatravés da porta IDE, etc. é coordenado pela placa controladora. Nos HDs maisantigos, a placa controladora era uma placa separada, conectada a um slot ISA eligada ao HD por dois cabos de dados. Este arranjo era muito ineficiente, pois adistância tornava a comunicação muito susceptível a interferências e corrupção dedados.A partir do advento dos discos IDE, a placa controladora passou a fazer parte dopróprio disco rígido. Nada mais lógico, pois a placa controladora precisa ser construídade acordo com a arquitetura física do disco, e jamais funcionaria em outro modelo,sendo assim, não existiria motivo para mante-los separados. Além da praticidade, estearranjo permite uma comunicação de dados muito mais eficiente, já que são usadoscabos muitos mas curtos. É por isso que não dizemos “controladora IDE” e sim “interface IDE”, pois ela funciona apenas como um meio de comunicação, já que acontroladora faz parte do próprio disco rígido.
:. Os defeitos mais comuns
Como você viu, os HDs atuais ainda baseiam-se em componentes mecânicos, que nãosão tão confiáveis quanto componentes eletrônicos, um processador por exemplo.Os problemas físicos mais comuns nos HDs são em primeiros lugar, os setoresdefeituosos, que surgem depois de piscadas na energia elétrica, ou mesmo peloenvelhecimento da mídia. Os setores defeituosos não podem ser corrigidos, maspodem ser marcados, para que o restante do HD pode continuar sendo usado.Outro defeito comum, desta vez mais grave, é quando o motor de rotação do HDsimplesmente para de funcionar, neste caso os discos não giram, o HD não é maisreconhecido no Setup, simplesmente "morre".Outra possibilidade são os erros de posicionamento nas cabeças de leitura. Istoacontece quando por qualquer motivo, a controladora não consegue detectar a posiçãodas cabeças de leitura sobre os discos magnéticos. Este defeito é comum em HDsantigos, onde os sinais magnéticos que permitem a identificação já estão mais fracos.Neste defeito, o HD gira, mas você ouvirá alguns clicks, e ele não será reconhecido noSetup.Apesar de ser mais raro, a culpada também pode ser a placa controladora do HD.Neste caso a gama de problemas é grande. Pode ser que o HD simplesmente "morra",que os discos girem, mas o HD não seja reconhecido no Setup, nem funcione de formaalguma, etc. Pegue uma lupa e examine a placa lógica em busca de capacitores ouchips queimados, contatos rompidos, que possam ser responsáveis pelos defeitos.

Activity (12)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Draenne Micarla liked this
Valdez Max liked this
agsterzinho liked this
Sergio Henrique liked this
gilberto barrios liked this
darimoreira liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->