Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
14Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
AYURVEDA - VÁRIOS TEXTOS - Gilberto Coutinho - Holismo - Terapias Naturais

AYURVEDA - VÁRIOS TEXTOS - Gilberto Coutinho - Holismo - Terapias Naturais

Ratings: (0)|Views: 722|Likes:
Published by Vinho

More info:

Published by: Vinho on May 25, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/03/2013

pdf

text

original

 
AYURVEDA (VÁRIOS TEXTOS)
Gilberto Coutinho
1 – História do Ayurveda2 – Entrevista: Terapeuta naturopata desvenda osfundamentos da medicina Ayurveda - Parte I3 – Ayurveda: milenar terapia holística com métodosnaturais – Parte II4 – Entenda o significado do conceito ayurveda
(organizado por Nelson)
1 – História do ayurveda
HolismoDicas para viver com saúde plena através de terapias naturais
Por 
Gilberto Coutinho
,No texto anterior expliquei o conceito de ayurveda -clique aqui.Agora falarei sobre sua história.Segundo uma antiga tradição védica, inicialmente feita por transmissão oral – de mestre para discípulo –, a respeito dadescendência ou linhagem (Ayurveda vatarana = linhagem), osconhecimentos do ayurveda já existiam muito antes da criação douniverso.O senhor Brahma – o Deus Criador do universo –, considerado odescobridor, e não o inventor dessa ciência, propôs o nome deayurveda. Com seu grande poder divino, Brahma memorizoucompletamente o ayurveda, compondo-o em centenas de milharesde versos. Mais tarde, percebendo que os seres humanos tinhamuma vida curta na terra e uma memória não tão prodigiosa, dividiu oayurveda em oito ramos, ou especialidades médicas, para facilitar oseu aprendizado.
 
Como as misérias e as doenças estavam aumentando na Terra,pessoas foram procurar os grandes sábios (rishis) para pedir-lhesajuda no sentido de libertá-los de seus sofrimentos e daquelasdoenças. Após uma longa reflexão e meditação, esses sábiosdecidiram enviar um importante erudito e santo, chamado DakshaPrajapati, a Brahma para com ele estudar o ayurveda; objetivavamque esse, virtuoso sábio, posteriormente, auxiliasse a humanidadea se libertar das misérias, dos sofrimentos e das doenças que aafligissem. Então, Daksha Prajapati, o primeiro discípulo deBrahma, ensinou o ayurveda aos jovens irmãos gêmeos Ashwinikumari (kumara = jovens; divinos médicos celestiais). Esses, por sua vez, transmitiram os ensinamentos a Indra (o Senhor dos Céus,chefe dos deuses). Indra transmitiu os ensinamentos a Bharadwajaou a Atri (pai de Atreya) – aqui o conhecimento do ayurveda chegaa Terra (ao mundo físico) – e também a Kashyapa (a partir desse,surge a Escola de Pediatria). Bharadwaja, ou Atri, ensina aPunarvasu Atreya (o nome de sua mãe é Chandrabhaga).Em diversos simpósios, organizados em várias regiões da Índia,Atreya debateu importantes tópicos da medicina ayurveda comestudiosos eruditos e formulou, de forma apropriada, muitos deseus conceitos básicos. Teve seis ilustres discípulos: Agnivesa,Bhela, Jatukarna, Parasara, Harita e Ksarapani. Agnivesa, um dosdiscípulos mais brilhantes de Atreya, documentou os ensinamentosde seu mestre em um compêndio, que se tornou conhecido como“Agnivesa-Tantra” (Tratado de Agnivesa).A partir de Bharadwaja ou Atri, Punarvasu Atreya, Agnivesa eCharaka, surge a Escola de Medicina Geral (da Clínica Geral).Agnivesa transmitiu os conhecimentos do ayurveda a Charaka(esse foi o primeiro a aprimorar o tratado de seu mestre Agnivesa –escrito, inicialmente, na forma de sutras (textos) ou aforismos – e atorná-lo mais volumoso, a partir de suas anotações (bhasyas) einterpretações. Sua interferência literária e terapêutica foi tãomagnífica que o original tratado “Agnivesa-Tantra”, após ser totalmente reformulado, passou a ser conhecido como “CharakaSamhita” – Coleções de Charaka).Mais tarde, Drdhabala, filho de Kapilabala, reconstruiu uma parteperdida do “Cháraka Samhitá” – a partir de outros relevantestrabalhos –, talvez, mutilado pelo lapso do tempo. Indra teve outroimportante discípulo: Adideva Dhañvañtari, sucedido por DivodasaDhañvañtari (rei de Kási, encarnação de Adideva Dhañvañtari, veio
 
ao mundo para ensinar o Salya Tañtra – a Cirurgia). Tanto Adideva,quanto Divodasa Dhañvañtari foram importantes para apreservação e o desenvolvimento do ayurveda. Assim, DivodasaDhañvañtari tornou-se mestre do grande sábio e cirurgião Sushruta.Dhañvañtari é conhecido como o “Pai ou Deus do Ayurveda.De acordo com a tradição védica, a eterna ciência do Ayurveda érevelada em cada ciclo da criação do universo. De tempo emtempo, o deus Vishnu (o “preservador”, o “que penetra todas ascoisas”) manifesta-se como Dhañvañtari (outras de suasimportantes encarnações – avatara – foram Rama e Krishna) paraensinar e restaurar os ensinamentos do ayurveda. A partir deDivodasa Dhañvañtari e Sushruta, nasce, então, a importanteEscola dos Cirurgiões.
Artigos relacionados - clique no título
Gilberto Coutinhoé terapeuta naturopata com formação em Medicina Tradicional Indiana
Fonte:http://www2.uol.com.br/vyaestelar/holismo.htm- - - - - - - - - - - - - - - - - - -
2 – Entrevista: Terapeuta naturopata desvenda osfundamentos da medicina Ayurveda - Parte I

Activity (14)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Luis Alves liked this
Cari Luiz liked this
Cari Luiz liked this
Vinícius Rocha liked this
Erika Botelho liked this
Erika Botelho liked this
Erika Botelho liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->