Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
1Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Galinha Morta

Galinha Morta

Ratings: (0)|Views: 10|Likes:
Published by Família Urso

More info:

Published by: Família Urso on Sep 04, 2013
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

02/03/2014

pdf

text

original

 
04/09/13Folha de S.Paulo - Comida - Críticas a Atala são 'hipocrisia', dizem chefs - 04/09/2013tools.folha.com.br/print?url=http%3A%2F%2Fwww1.folha.uol.com.br%2Fcomida%2F2013%2F09%2F1336287-criticas-a-atala-sao-hipocrisia-dizem-chefs…1/3
04/09/2013 - 04h00
Críticas a Atala são 'hipocrisia', dizemchefs
LUIZA FECAROTTA
EDITORA ASSISTENTE DE "COMIDA" E "TURISMO"Chefs, especialistas e pesquisadores da cozinha brasileira classificaram como hipócritasas reações negativas à apresentação de Alex Atala na terceira edição do MADSymposium, na semana passada, em Copenhague.Na ocasião, o chef do paulistano D.O.M. (o sexto melhor do mundo segundo ranking darevista inglesa "Restaurant") matou uma galinha no palco (leia ao lado).O tema do simpósio internacional, um dos principais do setor, era "guts" -em português,coragem, entranhas.Vídeo, fotos e relatos do evento geraram repercussão em redes sociais e na imprensa."Morte e comida são coisas naturais, mas matar uma galinha em uma 'performance' parauma plateia (...) é uma falta de respeito", comentou um usuário em um vídeo do evento,publicado no portal de vídeos YouTube.uma crueldade irrestrita. Ele [Atala] quer simplesmente aparecer. Não há necessidadede comer outro animal", diz Izabel Cristina Nascimento, presidente da Suipa (SociedadeUnião Internacional Protetora dos Animais).Para o sociólogo Carlos Alberto Dória, existe uma crise de criatividade na gastronomiaatual, de "órfãos do Ferran Adrià". Essa crise a teria transformado em uma coisa "chata edesencantadora". "Não há 'happening', performance, capaz de salvá-la", disse à Folha.
REACIONÁRIOS
 A repercussão ganhou força nas redes sociais também graças aos relatos contraditóriossobre o que aconteceu na apresentação de Atala, que teve como tema "o elo da morte coma gastronomia"."Estamos há 6.000anos consumindo aves domésticas e matando-as na hora de comer",disse Ricardo Mar anhão, doutor em história e professor da Anhembi Morumbi. "Essaspessoas que acharam cruel são equivocadas, burras e reacionárias."Para o chef Laurent Suaudeau, francês radicado no Brasil, a apresentação foi um marco."Alguns vão dizer que é marketing, mas Alex Atala não precisa disso. Ele está, sim, em emuma posição em que precisa ser polêmico."
Divulgação/Food Republic
 
04/09/13Folha de S.Paulo - Comida - Críticas a Atala são 'hipocrisia', dizem chefs - 04/09/2013tools.folha.com.br/print?url=http%3A%2F%2Fwww1.folha.uol.com.br%2Fcomida%2F2013%2F09%2F1336287-criticas-a-atala-sao-hipocrisia-dizem-chefs…2/3
 Atala durante a apresentação do MAD
Segundo Suaudeau, o gesto de Atala foi uma forma de nos propor a pensar na origem doalimento que consumimos. "Hoje há muita hipocrisia com a alimentação, as pessoas nãoquerem enxergar a realidade: a gente come um animal que morreu."O chef André Mifano (do Vito), que estava presente na plateia, compartilha opiniãosemelhante. "A nossa geração acha que a comida vem do supermercado", disse."Existe um espetáculo sim -e é controverso. Mas a gente precisa chamar a atenção para orespeito ao alimento."Para ele, o cozinheiro precisa se conectar ao produto e à natureza. "O que Alex Atala fez foifechar o ciclo, esse é o ciclo da vida. Pega o animal, mata, limpa, cozinha e serve. Isso érespeitar."
APRESENTAÇÃO
René Redzepi, um dos mais importantes chefs do mundo, fez ecoar a frase "Por trás decada prato há uma morte" durante a apresentação de Alex Atala, no último MAD.Ela foi proferida três vezes no escuro, sempre após um dos vídeos exibidos por Atala.Vídeos curtos e plásticos, que mostravam o abate de animais como um peixe, um porco, umbode. Em seguida, surgiam os pratos do D.O.M. aos quais os animais davam forma.Estética impecável.Foi no salão de seu restaurante Dalva e Dito que Atala, recém-chegado da Dinamarca,buscou reconstruir à Folha a sequência da apresentação feita no simpósio.Imossível recriar a escuridão ue fez cena ara uase a aula inteira. Tamouco a resena

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->