Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
1Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
2005.Palmeira&Campos.PeriodizaçãoTreinamentoSurfistCompet.RevBaianaEducFís.pdf

2005.Palmeira&Campos.PeriodizaçãoTreinamentoSurfistCompet.RevBaianaEducFís.pdf

Ratings: (0)|Views: 859 |Likes:
Published by Araguaci

More info:

Published by: Araguaci on Sep 12, 2013
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

10/02/2013

pdf

text

original

 
presente trabalho refere-se a um estudo de caso onde o objetivoprincipal é ressaltar, e apresentar, a relevância da periodizaçãodo treinamento físico para o aumento do desempenho técnicodo surfista competidor. Tal pesquisa é alicerçada pelos princípioscienficos do treinamento desportivo em paralelo às bases dafisiologia do exercício e as qualidades físicas, gerais e específicas, quecompõem a modalidade. O estudo é composto por capítulos que secomplementam abordando as qualidades sicas gerais e espeficas,culminando com a periodização do treinamento físico e os resultados obtidosdurante o processo de aplicação do mesmo. Chegamos à conclusão de que éde suma importância periodizar, e executar, o treinamento físico específicopara aumentar o desempenho do atleta de surf em competições, assim comoem qualquer processo de treinamento onde o objetivo é a evolução geral doatleta ou da equipe.The present production makesreference to a course of studythat the main target is toemphasize and present itself,the pertinence of making thephysical training in cycles toincrease the techinic of acompetitive surfer. Suchresearch is based on scientificsources of the sportingtraining. Attached to theexercice physiology basis andthe physical grades. Generaland specific, which make upthe modality. The course ofstudy is formed by chaptersthat completes each otherdealing with general physicalgrades and the specific,heading with a cyclingphysical training and the othera chieved results. We finishthat is very important makethe physical training in cyclesand accomplish the specificdrill to increase thecompetitive surfer'sperformance as in any othertraining program. Where asthe target is the generaldevelopment of the athlete oreven the team.
AbstractAbstractAbstractAbstractAbstract
Surf Competitivo, Treinamento Físico, Periodização.
Palavras-Chave
:
Surfing, Contest, Physical Training,Physical Grades, Training Cycling.
Resumo
PERIODIZAÇÃO PPERIODIZAÇÃO PPERIODIZAÇÃO PPERIODIZAÇÃO PPERIODIZAÇÃO PARA O TREINAMENTO FÍSICOARA O TREINAMENTO FÍSICOARA O TREINAMENTO FÍSICOARA O TREINAMENTO FÍSICOARA O TREINAMENTO FÍSICODE SURFISTDE SURFISTDE SURFISTDE SURFISTDE SURFISTAS COMPETIDORESAS COMPETIDORESAS COMPETIDORESAS COMPETIDORESAS COMPETIDORES
THE PHYSICAL TRAINING IN CYCLES TOINCREASE THE TECHINIC OFA COMPETITIVE SURFER 
1
Mestrando em Educação FísicaUniversidade São Judas Tadeu, São Paulo.Especialista em Treinamento DesportivoUniversidade Federal da Bahia.Graduado em Educação FísicaUniversidade Federal da Bahia.
2
Prof. Dr. Livre DocenteAmerican World University,Prof. AdjuntoUniversidade Federal da Bahia - UFBA.Prof. TitularUniversidade Católica - UCSAL,Orientador do Curso de Especialização emAtividade Física e SaúdeUniversidade Federal da Bahia - UFBA.Grupo de Pesquisa em Educação Física e SaúdeUniversidade Federal da Bahia - UFBA.
ORIGINALORIGINALORIGINALORIGINALORIGINAL
 3
Marcus Vinícius Palmeira
1
Key Words:
OO
Helio José Bastos Carneiro de Campos
2
 
Revista Baiana de Educação Física, v. 6, n. 1, jan/jul 2005
 24
INTRODUÇÃOINTRODUÇÃOINTRODUÇÃOINTRODUÇÃOINTRODUÇÃO
 Abordaremos nesse artigo o 'Treinamentofísico específico para surfistas competidores',partindo de um tema/problema que objetivapromover uma reflexão sobre 'Qual a relevânciada periodização para o treinamento físicoobjetivando o aperfeiçoamento da performancetécnica de surfistas competidores?'. Estetrabalho foi delineado a partir da abordagem noensaio monográfico para conclusão do curso deEspecialização em Treinamento Desportivorealizado na Universidade Federal da Bahia noano de 2002. Essa proposta foi construída apartir de investigações a cerca das variáveisfísicasecnicasquecompõeosurfcompetitivo;em seguida organizei um programa detreinamento físico que objetivou suprir asexigências específicas, dos sistemas orgânicoe neuromuscular, que fazem parte da execuçãotécnica desta complexa modalidade esportivaem seu aspecto competitivo. A maneira mais eficaz existente paraaumentar o desempenho de um atleta competidor é oferecer-lhe um treinamento adequado, eespecífico, à modalidade desportiva em que elecompete; prática esta, pouco comum no cenáriodo surf no Brasil e principalmente no estado daBahia. No âmbito nacional, as regiões sul esudeste, em especial os estados de São Paulo,SantaCatarinaeRiodejaneiro,queesosempreà frente dos outros estados, principalmente, daregião Nordeste, no que se refere a treinamentode atletas, organização de eventos, premiação deatletas e escolinhas de surf, pois são ospercursores do esporte no país, todavia, nadaainda que se compare a estrutura existente empaísescomoaAustliaeEUA,ondeaspesquisaseaestruturadetreinamentodeatletassedestacamem relação aos outros países. Para adquirir melhorias significativas no desempenho o atletanecessitadeumacompanhamentopersonalizado,onde a periodização do treinamento deve ser estruturada, e planejada, de acordo com ocalendário de competições, as qualidades físicasrelevantes à prática do surf competitivo e osobjetivos do atleta.No que diz respeito a preparação física, aprescrição do treinamento deve ser elaborada àpartir das qualidades físicas gerais, e asespecíficas utilizadas na prática do surf competitivo, relacionando-as com as bases dafisiologia do exercício e os princípios científicosdo treinamento desportivo, sendo esses oalicerce básico para se conquistar os objetivosdesejados com o treinamento em qualquemodalidade desportiva. A preparação físicaconstitui-sepelosmétodoseprocessosdetreino,utilizados de forma seqüencial em obediênciaaosprincípiosdaperiodizaçãoequevisamlevar o atleta ao ápice de sua forma física específica,a partir de uma base ótima (DANTAS, 1995).Na fase básica o treinamento deverá dar maior ênfase às qualidades gerais para que oatleta possa aperfeiçoar o seu lastro orgânico,pois essa é a base para obteão deperformances máximas através da elevação donível geral das possibilidades orgânicasfuncionais, do enriquecimento do conjunto dosdiversos hábitos motores e da destreza eassimilação dos fundamentos doaperfeiçoamento desportivo (MATVEEV, 1981). Ao passarmos para fase específica, otreinamento deverá priorizar o trabalho dasqualidades físicas consideradas específicas noponto de vista fisiológico da prática competitiva.Dentro do contexto das qualidades físicas osurf apresenta em sua prática a utilização dasseguintes valências físicas: coordenação motora;agilidade, velocidade de reação viso-motora,equilíbrio dinâmico e recuperado; resistênciasaeróbia e anaeróbia; RML (Resistência Muscular Localizada) e força. Sendo que para otimizar osresultadosobtidosnotreinamentofísicodevehaver uma preocupação especial com oacompanhamento de todos os estágios deaplicação de estímulo, adaptação e sobrecargasvisando minimizar a ocorrência de lesões ligadasao excesso de treinamento.Decidimos realizar tal estudo no momentoem que diagnosticamos a inexistência e anecessidade emergente de se abordar aimportância da preparação física para surfistascompetidores na região Nordeste, maisprecisamente no estado da Bahia, após arealizãodeumapesquisadecampobuscandoadquirir dados para o ensaio monográfico quefazia parte do conteúdo da disciplina Seminário
 
Revista Baiana de Educação Física, v. 6, n. 1, jan/jul 2005
25
I, onde abordamos o tema: 'Qual a relevânciado acompanhamento técnico qualificado parasurfistas competidores na Bahia?' com o qualtivemos a felicidade de concluir a graduação nocurso de Educação Física na UniversidadeFederal da Bahia no ano de 1999. A pesquisafoi realizada com 40 competidores do circuitobaiano de surf em todas as categorias entre osdias 12 de setembro e 22 de novembro de 1998.Onde 52% dos atletas entrevistados competiamnacategoriaPró/Am;dessetotal,57%afirmaramnão fazerem nenhum tipo de treinamento físicopara acompanhar a prática do surf. Os 43%restantes praticavam algum esporte paralelo,sendo que o havia nenhum tipo detreinamento específico para o surf competitivo.Sendo a preparação física um dos quatropilares que devem compor uma proposta detreinamento, em qualquer modalidadedesportiva, seguida pela preparação técnica,preparação tática e a parte complementar, queengloba a parte nutricional e psicológica doatleta; torna-se evidente a necessidade dedispensar uma atenção especial a mesma paraque se possa avançar no processo deassimilação dos conteúdos que fazem parte doconjuntotécnico-tático.Havendoequilíbrioentreesses quatro pontos o treinador poderá conduzir o atleta com uma maior margem de segurançaa alcaar sua performance plena namodalidade em que compete.Estetrabalhofoidelineadoapartirdotemaproblemaquepromoveumareflexãosobre'Quala relevância da periodização para o treinamentofísico objetivando o aperfeiçoamento daperformancetécnicadesurfistascompetidores?'.Sendo esta proposta analisada através doreflexo exercido pelo treinamento físico sobre aevoluçãododesempenhotécnicodoatleta,ondeanalisamos todos os fenômenos em tempo real.Entre os objetivos traçados com tal investigaçãoestão os seguintes:
Apresentar uma periodização detreinamento sico para surfistascompetidores da categoria profissional apartir das qualidades físicas específicas edos critérios de avaliação utilizados para julgar esta categoria nos eventos de surf doscircuitosestaduais,nacionalemundial.
Aprimorar a performance física docompetidor visando aumentar o rendimentocardiovascular e neuromuscularelacionados à prática do surf;
Aprimorar as capacidadesneuromuscular e cardiovascular com autilização de trabalhos de musculação,natação, hidroginástica e outros métodosdetrabalhoslocalizadospriorizandoutilizar formas de treinamento mais específicaspossíveis da prática do surf competitivo. A diretriz metodológica utilizada napresente proposta de trabalho consistiu emrealizar uma investigação que se caracteriza emser um estudo de caso fundamentado emevidencias de observações diretas ondepudemos analisar os fenômenos em tempo real.
QUQUQUQUQUALIDALIDALIDALIDALIDADES FÍSICADES FÍSICADES FÍSICADES FÍSICADES FÍSICAS UTILIZADAS UTILIZADAS UTILIZADAS UTILIZADAS UTILIZADAS NOAS NOAS NOAS NOAS NOSURF COMPETITIVOSURF COMPETITIVOSURF COMPETITIVOSURF COMPETITIVOSURF COMPETITIVO
 Ao iniciar o planejamento da periodizaçãodetreinamentofísicoemdeterminadamodalidadeesportiva, na qual objetiva-se uma elevaçãogradativa na performance técnica de um atleta,ouuma equipe, é prioritário identificar qual o sistemaenergético predominante durante sua evoluçãoprática, e quais as qualidade físicas que compõea modalidade que se propõe trabalhar, para comisso obter resultados positivos com o processo detreinamento. Após a identificação das qualidadesfísicas, deve o preparador físico dividi-las em:gerais, que são todas as qualidades presentes naprática da modalidade; e específicas, que sãoaquelas qualidades físicas mais importantes eimprescindíveis para que se possa alcançar umaboaperformancedesportivacomaltoníveltécnico.É nessa fase de planejamento que há anecessidade do preparador físico definir quaisserão os protocolos de testes que deverão ser realizados com o atleta para avaliar seu estadosicoantesdeiniciaroprocessodetreinamento,na fase de testes diagnósticos, e sua evoluçãodurante o período de treinos com a execuçãodos testes de controle, realizados no decorrer do treinamento com o objetivo de avaliar aevolução do atleta e, também, os métodos ecargas de treino que estão sendo utilizadasdurante os treinamentos.

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->