Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
1Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
ORIGEM E EVOLUCAO DO PLANO CORPÓREO DE GASTROPODES 01

ORIGEM E EVOLUCAO DO PLANO CORPÓREO DE GASTROPODES 01

Ratings: (0)|Views: 120 |Likes:
Published by Vanessa Bezerra

More info:

Published by: Vanessa Bezerra on Sep 13, 2013
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/24/2013

pdf

text

original

 
1
ORIGEM E EVOLUCAO DO PLANO CORPÓREO DE GASTROPODESNayana Pimentel de Sá
1
 Vanessa Bezerra da Silva
2
 RESUMO
O presente artigo apresenta a origem e evolução do plano corpóreo dos Gastrópodes,Cefalophodes e Bivalvia, que são classes do filo Mollusca; faz uma rápida retrospectiva sobreas hipóteses, que giram em torno de seu surgimento. Apresenta ainda as características destesgrupos, que foram baseadas em uma ferramenta didática, denominada molusco ancestral emostra as principais transformações sofridas pelos mesmos, ao decorrer do tempo, ocorrida deforma diferenciada em cada grupo. Relata também os pontos de vista de diferentes autoresque aborda este assunto, na tentativa de encontrar um consenso entre as diversas pesquisasenvolvendo o filo mollusca.
Palavras-chave:
Origem. Evolução. Plano corpóreo.
ABSTRACT
This article presents the origin and evolution of the body plan of gastropods, Cefalophodesand Bivalvios, which are classes of the phylum Mollusca; do a quick retrospective on theassumptions that revolve around its emergence. Yours characteristics are based on a teachingtool, mollusk called ancestor and shows the main changes undergone by the same over time,occurred in each group. Also reports the views of different authors who talks about it, tryingto find a consensus among the various research involving the phylum mollusca.
Keywords:
Origin. Evolution. Plan body
1 INTRODUÇÃO
Mollusca é o segundo táxon em número de espécies viventes, depois dos Artrópodes.São animais marinhos bilaterais de corpo mole, sua movimentação e alimentação ocorrem nasuperfície de um substrato duro. Ele inclui muitas famílias de animais, tais como ostras,mexilhões, caracóis, lesmas, polvos e lulas, em sete classes viventes. Apesar de suasdiferenças óbvias, esses animais são todos moluscos e dividem muitas características básicas.
1
Graduanda do 6º período do Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Estadual doMaranhão - Campus de Imperatriz
 – 
nayana_pimentel@hotmail.com
2
Graduanda do 6º período do Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Estadual doMaranhão - Campus de Imperatriz
 – 
vanessa_zerra@hotmail.com
 
2
Existem aproximadamente 100.000 mil espécies descritas e um vasto registro fóssil,que chega a cerca de 35.000 mil espécies fossilizadas desde o Cambriano. Os moluscosconstituem um grupo bem sucedido por ocuparem vários ambientes, tanto terrestres quantoaquáticos, além de exibirem hábitos de vida diversificados.As classes Gastropoda, Cephalopoda e Bivalvia (ou Pelecypoda) são as maisrepresentativas do filo Mollusca. Consideradas assim por possuírem grande importânciaeconômica, um exemplo é a utilização de lulas na gastronomia e a produção de jóias a partir de perolas encontradas em ostras.Os Gastrópodes são caracterizados por apresentarem uma concha externa única(espiralada) e os Cefalópodes podem conter ou não concha interna. Os Pelecípodes (ostras,mexilhões.) por sua vez são dotados de concha externa bivalve.Esses respectivos táxons compartilham um plano corpóreo comum, que sofrerammodificações em algum aspecto desse padrão básico, que ocorre de acordo a classe. Assim,nenhum deles apresenta esse plano corpóreo completo e que se possa definir como modelo deMollusca. Por essa razão foi criado uma ferramenta didática, o molusco generalizado, que nãotem uma estreita ligação filogenética, mas que poderia ser parecido com o verdadeiro moluscoancestral.Visto que cada táxon sofreu alguma modificação neste plano corpóreo, este artigo tem por objetivo perpassar pelas hipóteses da origem dos mollusca e abordar a origem e evoluçãodo plano corpóreo das classes principais deste filo, (Gastropoda, Cephalopoda e Bivalvia ouPelecypoda). Além disso, expondo e discutindo as teorias que foram utilizadas, apresentando-as e relacionando-as com a dúvida investigada.
2 CONCEITO DE ESTADO
O conceito de Estado apresenta formas distintas de acordo com as realidades
políticas vivenciada naquele tempo. Segundo Bastos, ”a denominação ‘Estado’ nem
sempre foi utilizada para expressar sociedade política, pois esta designação só foi
aceita a partir do século XVI e XVII”, ou seja
, ao longo da historia existiram váriostipos de Estados que pelo o seu ambiente estrutural, se aproximaram de algumamaneira do Estado que se tem atualmente.De acordo com Bastos (2004), na Grécia antiga usava-
se a expressão “polis”
que significava cida
de, já os romanos utilizava a palavra “civitas”. Na Idade Média e
na Idade Moderna passou
 –
se a utilizar os termos: principado, reino, república
 
3
dentre outro para designar Estado. Os povos germânicos adotaram o termo “reich” e“staat”.
Muitos zoologistas consideram os moluscos como protostômios associados aosanelídeos e artrópodes, visto que apresenta clivagem espiral característica, a formação domesoderma derivado do blastômero 4d e larva tracófora.(RUPPERT, BARNES, 1996, p. 472) afirma que:
A célula 4d (um blastômero de clivagem) divide-se formando duas célulasmesoteloblásticas, cada uma das quais produzindo uma faixa mesodérmica. Dentrode cada faixa surge um celoma através de uma esquizocelia. Todas essassemelhanças têm constituído as principais evidências para sustentar o ponto-de-vistade que os anelídeos e os moluscos surgiram de alguma linhagem ancestral comum.
Enquanto que para (HICKMAN, ROBERTS, LARSON,2004, p. 330):
O que existem são opiniões controversas sobre a ancestralidade dos moluscos. Se osmoluscos derivaram de ancestrais do tipo platielmintes, independente dos anelídeos;se compartilha um ancestral com os anelídeos o advento do celoma; ou secompartilham com os anelídeos um ancestral comum, metamérico.
 No entanto, a hipótese mais aceita é que os moluscos tenham uma linha evolutiva em comumaos anelídeos. Em decorrência do aparecimento do celoma, antes mesmo do surgimentometamerismo. Uma vez que esta suposição é sustentada por analises e evidencia molecular,que associam os moluscos mais aos anelídeos do que com os demais filos.
3 ORIGEM E EVOLUÇÃO DO PLANO CORPÓREO DE GASTROPODES
Os Gastrópodes constituem um dos grupos de molusco que pertencem ao táxonmonofilético Conchifera, o ancestral comum a esse grupo é considerado similar a ummonoplacóforo, classe que também se inclui ao táxon monofilético. A origem dos gastrópodesé atribuída a um monoplacóforo que sofreu uma torção, um giro radical de 180° da massavisceral.Para (RUPPERT, FOX, BARNES, 2005)
Todos os gastrópodes denotam algum graude torção e conseqüências dela advinda, e esta é a única característica unificadora do táxon
.O plano corpóreo geral formou-se a partir da evolução do corpo torcido, enrolado em espiral,e assimétrico comuns aos mesmos, vista a uma série de processos seqüenciais, comorepresentado na Fig.1 a seguir:

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->