Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
1Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Apostila para uso de Fantoches - Teatro Evangélico - Bruno Soares

Apostila para uso de Fantoches - Teatro Evangélico - Bruno Soares

Ratings: (0)|Views: 81 |Likes:
Published by Sammis Reachers
Apostila para o teatro de bonecos (fantoches), de Bruno Soares.
Apostila para o teatro de bonecos (fantoches), de Bruno Soares.

More info:

Published by: Sammis Reachers on Oct 05, 2013
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

01/22/2014

pdf

text

original

 
 1
Bruno Soares
 
 
 2
APOSTILA PARA TEATRO DE BONECOSINTRODUÇÃOA presente apostila que aqui se encontra, foi preparada para vocêque quer ingressar neste fantástico mundo do teatro de bonecos.Acredito que aqueles que colocarem em prática as regras basilaresda manipulação estará dando margem ao ato de criar,experimentar, avaliar e recriar suas idéias e concepções notrabalho com teatro de bonecos, ao invés de deixá-las somente nopapel.Além do boneco ser uma peça para entretenimento, eles tem umgrande potencial de expressão no auxílio da educação da criança ena divulgação da Palavra de Deus. Agora só depende de você, boaleitura...UM BREVE HISTÓRICO DO TEARO DE BONECOSO teatro de bonecos teve sua origem na mais remota antigüidade.Acreditasse que os primitivos encantavam-se com suas sombrasmovendo-se nas paredes, nessa época as mães teriamdesenvolvido o TEATRO DE DEDOS, projetando, com as mãossombras diversas nas paredes para distrair os filhos.Com o passar do tempo, os homens começaram a modelarbonecos de barro, sem movimentos a princípio. Mais tardeconseguiram articular a cabeça e os membros dos bonecos, para,a seguir fazer representações com eles.Na Índia, China e Jawa, também eram realizados teatro debonecos. Os Egípcios ensinavam espetáculos sagrados nos quaisa divindade falava e era representada por uma figura articulada.Na Grécia antiga os bonecos articulados tinham, além daimportância cultural, conotações religiosas. O Império romano
 
 3
assimilou da cultura grega o teatro de bonecos, que rapidamentese espalhou pela Europa.Na idade média, os bonecos eram utilizados nas doutrinaçõesreligiosas e apresentadas em feiras populares. Houve um períodoem que os integrantes desses grupos de teatro foram muitoperseguidos porque representavam personagens que faziamcríticas as autoridades religiosas. Na Itália, o boneco maisconhecido foi o MACEUS, que antecedeu o POLICHINELO. NaTurquia havia o KARAGÓZ, na Grécia, as ATALANAS, naAlemanha, o KASPER, na Rússia, o PRETUSKA, em Jawa, oWAYANG, na Espanha, o CRISTÓVAM, na Inglaterra, o PUNCH,na França, o GUINHOL, no Brasil, o MAMULENGO.Todos esses bonecos, de poucos recursos técnicos mas comgrande possibilidades expressivas, possuem algo em comum: Airreverência, a espontaneidade, a não submissão ao estabelecido,a comicidade e por vezes, a crueldade. Na América os fantochesforam trazidos pelos colonizadores.Entretanto, os nativos já confeccionavam bonecos articulados, queimitavam movimentos de homens e animais. Depois da primeiraguerra, as marionetes foram difundidas pelo mundo introduzidasnas escolas, principalmente na Checoslováquia e nos EstadosUnidos.No Brasil, os bonecos começaram a ser utilizados emrepresentações no século XVI. No tempo dos vice-reis eram muitoapreciados. Foi no nordeste que o teatro de bonecos apareceu comdestaque, principalmente em Pernambuco, onde até hoje étradição. É o teatro MAMULENGO, rico em situações cômicas esatíricas.A muito tempo grupos vem se esforçando para desenvolver oteatro de bonecos no Brasil, mas só a partir de meados do séculopassado os resultados começaram a aparecer. Nos últimos anos, oteatro de bonecos tomou grande impulso em nosso País, com oaperfeiçoamento da atuação dos grupos. Esses grupos além deapresentarem seus trabalhos, desenvolve oficinas do gênero e

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->