Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword or section
Like this
62Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
afo Aula 03

afo Aula 03

Ratings: (0)|Views: 1,820 |Likes:
Published by rafaelbil

More info:

Published by: rafaelbil on Aug 08, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/09/2013

pdf

text

original

 
Ponto dos Concursos
 
www.pontodosconcursos.com.br
 
Atenção.
 
O
 
conteúdo
 
deste
 
curso
 
é
 
de
 
uso
 
exclusivo
 
do
 
aluno
 
matriculado,
 
cujonome
 
e
 
CPF
 
constam
 
do
 
texto
 
apresentado,
 
sendo
 
vedada,
 
porquaisquer
 
meios
 
e
 
a
 
qualquer
 
título,
 
a
 
sua
 
reprodução,
 
cópia,divulgação
 
e
 
distribuição.
 
É
 
vedado,
 
também,
 
o
 
fornecimento
 
de
 
informações
 
cadastraisinexatas
 
ou
 
incompletas
 
 
nome,
 
endereço,
 
CPF,
 
e-mail
 
-
 
no
 
ato
 
damatrícula.
 
O
 
descumprimento
 
dessas
 
vedações
 
implicará
 
o
 
imediatocancelamento
 
da
 
matrícula,
 
sem
 
prévio
 
aviso
 
e
 
sem
 
devolução
 
devalores
 
pagos
 
-
 
sem
 
prejuízo
 
da
 
responsabilização
 
civil
 
e
 
criminal
 
doinfrator.
 
Em
 
razão
 
da
 
presença
 
da
 
marca
 
d’ 
 
água,
 
identificadora
 
do
 
nome
 
e
 
CPF
 
do
 
aluno
 
matriculado,
 
em
 
todas
 
as
 
páginas
 
deste
 
material,recomenda-se
 
a
 
sua
 
impressão
 
no
 
modo
 
econômico
 
da
 
impressora.
 
-16
O c o n teú d  od e s te cu r s oé d eu s oe x clu siv o d eCa ri ne El pi d i o ,C P F: 9 388 566 57  2 ,ve d  a d  a , p o rqu ai sque r mei o se aqu alque r tí  tul o , a su a re p r o d  ã o , c ó pi a , d ivul g a ç ã oe d i s t ri bu ã o , su jei t a n d  o- se o si n f  r a t o re sà re s p o n s a bili z a ç ã o civile c ri mi nal .
 
ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA P/ CGUPROFESSOR DEUSVALDO CARVALHO
 
AULA 03: RECEITA PÚBLICA
ÚLTIMA PARTE
 Caro amigo(a) estudante! Desejo-lhe bom estudo e uma excelenteassimilação do conteúdo das nossas aulas.Uma dica!Evite ficar com alguma dúvida acerca do conteúdo receitapública, haja vista que esse assunto é bastante exigido em concursos.Procuramos abordar e enfatizar os tópicos que mais visitam as provasde concursos, extrapolando inclusive o conteúdo editalício para evitarsurpresas.Vamos continuar a assunto receita pública....!Antes de começar este estudo recomendo que dê uma recordada notópico
natureza da receita
‖ 
da aula anterior.Com o intuito de melhor assimilação do conteúdo e para evitardescontinuidade do aprendizado, farei uma pequena síntese doconteúdo até então abordado:Assim, na primeira parte do assunto receita pública discorremos acercados seguintes pontos:
A receita pública encontra-se inserida no contexto do planejamento público e a suainclusão na LOA é obrigatória
princípio da universalidade;Ingressos públicos são representados por todos os valores arrecadados, abrangendotanto as receitas orçamentárias quanto as extra-orçamentárias;Insere-se no conceito de
receita pública
somente os ingressos de recursos comcaráter não devolutivo, a exemplo das receitas orçamentárias;Que as receitas extra-orçamentárias são consideradas simples entrada de recursos emcaixa com caráter devolutivo, portanto, em princípio são recursos de terceiros;
Receita pública
é representada pela arrecadação de recursos que integra aopatrimônio público de forma permanente, acrescendo ao seu vulto como elementonovo e positivo;Como classificação doutrinária a receita pública é classificada em receitas
originárias
e
 derivadas,
sendo as originárias aquelas provenientes do patrimônio público, ouseja, aquelas que o Estado aufere através de seu patrimônio (bens e direitos)colocados à disposição da sociedade mediante cobrança de determinada tarifa;As receitas originárias também são denominadas de receitas de
economia privada
 ou de
direito privado;
 
Receita pública derivada é aquela que deriva
do patrimônio da sociedade. O
www.pontodosconcursos.com.br
1 
-16
O c o n teú d  od e s te cu r s oé d eu s oe x clu siv o d eCa ri ne El pi d i o ,C P F: 9 388 566 57  2 ,ve d  a d  a , p o rqu ai sque r mei o se aqu alque r tí  tul o , a su a re p r o d  ã o , c ó pi a , d ivul g a ç ã oe d i s t ri bu ã o , su jei t a n d  o- se o si n f  r a t o re sà re s p o n s a bili z a ç ã o civile c ri mi nal .
 
ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA P/ CGUPROFESSOR DEUSVALDO CARVALHO
 governo exerce a sua competência ou o poder de tributar os rendimentos ou opatrimônio da população;Legalmente a receita pública é subdividida em orçamentárias e extra-orçamentárias;Os ingressos orçamentários são aqueles pertencentes ao ente público, arrecadadosexclusivamente para aplicação em programas e ações governamentais;Os ingressos extra-orçamentários são aqueles pertencentes a terceiros e sãodenominados de recursos de terceiros;
A receita pública efetiva
é aquela em que os ingressos de disponibilidades derecursos não foram precedidos de registro de reconhecimento do direito e nãoconstituem obrigações correspondentes e, por isso, alteram a situação líquidapatrimonial;A receita pública é dividida em duas categorias econômicas: receitas correntes ereceitas de capitalQue basicamente todas as receitas correntes são efetivas, exceto quanto à receitaproveniente da dívida ativa;
A receita pública não efetiva
é aquela em que os ingressos de disponibilidades derecursos foram precedidos de registro do reconhecimento do direito e, por isso, nãoalteram a situação líquida patrimonial;Que basicamente todas as receitas de capital são não efetivas;A receita classifica-se quanto a sua natureza da seguinte forma:Categoria XOrigem YEspécie ZRubrica WAlínea TTSubalínea KKQue o superávit do orçamento corrente, apurado no balanço orçamentário, é receitaextra-orçamentária e se constitui em item da recita de capital.Importante para finsde concursos! Que a receita possui classificação orçamentária conforme as suas fontes de recursos,sendo:1 - Recursos do tesouro
exercício corrente;2 - Recursos de outras fontes - exercício corrente;3 - Recursos do tesouro
exercícios anteriores;6 - Recursos de outras fontes - exercícios anteriores;9 - Recursos condicionados.As receitas correntes causam modificação no patrimônio líquido ou saldo patrimonial,ou seja, são fatos modificativos;As receitas de capital geralmente não causam aumento do patrimônio líquido e,portanto, geram fatos permutativos, sendo denominadas de receitas por mutaçãopatrimonial;
www.pontodosconcursos.com.br
2 
-16
O c o n teú d  od e s te cu r s oé d eu s oe x clu siv o d eCa ri ne El pi d i o ,C P F: 9 388 566 57  2 ,ve d  a d  a , p o rqu ai sque r mei o se aqu alque r tí  tul o , a su a re p r o d  ã o , c ó pi a , d ivul g a ç ã oe d i s t ri bu ã o , su jei t a n d  o- se o si n f  r a t o re sà re s p o n s a bili z a ç ã o civile c ri mi nal .

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->