Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
850Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Resumo Lei das Licitações

Resumo Lei das Licitações

Ratings:

4.5

(2)
|Views: 111,291 |Likes:

More info:

Published by: Aline *Materiais de estudo para concursos* on Aug 23, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/03/2014

pdf

text

original

 
1
RESUMO Lei 8666 de 21/06/93Licitação
é a igualdade condições a todos os participantes e a escolha da propostamais vantajosa à Administração.
Essência
da licitação é a competição.
Comissão
de Licitação:
03 integrantes
, Presidente / Secretário / mais 01 Membro.
Licitação e contratos para:
 
1
) obras, serviços, compras, alienação, locação, inclusive serviços de publicidade,autorização para concessões, permissões.
2)
âmbito União, Estado, Distrito Federal, Municípios, administração direta e indireta(autarquias, fundações, sociedade de economia mista, empresas públicas) e entidadescontroladas direta ou indiretamente (Agências Executoras, Reguladoras, OSCIP,organismos sociais, e serviços sociais autônimos).
CONTRATO
Todo e qualquer ajuste entre órgãos e ou entidades de Administração eparticulares, com acordo de vontades para formação de vínculo e obrigaçõesrecíprocas.
LICITAÇÃO
para garantir isonomia (igualdade de condições a todos) e selecionarproposta mais vantajosa para a Administração atendendo aos princípios do Art. 37 daCF/88
(LIMPE)
,
probidade, igualdade, vinculação ao instrumento convocatório,julgamento objetivo e demais correlatos.
Em caso de
empate
assegurará preferência :
1)
bens e serviços produzidos por Empresas Brasileiras de capital nacional.
2)
produzidos no País.
3)
produzidas ou prestadas por empresas brasileiras, e
4)
produzidas ou prestadas por empresas que invistam na pesquisa e desenvolvimentode tecnologia do País.
Definições para efeito da Lei:I - Obra
- toda construção, reforma, fabricação, recuperação ou ampliação, realizadapor execução direta ou indireta.
II - Serviço
- toda atividade destinada a obter determinada utilidade de interesse para aAdministração, tais como: demolição, conserto, instalação, montagem, operação,conservação, reparação, adaptação, manutenção, transporte, locação de bens,publicidade, seguro ou trabalhos técnico-profissionais.
III - Compra
- toda aquisição remunerada de bens para fornecimento de uma só vez ouparceladamente.
IV - Alienação
- toda transferência de domínio de bens a terceiros.
V - Obras, serviços e compras de grande vulto
- aquelas cujo valor estimado sejasuperior a
25
vezes o limite estabelecido na alínea "c" do inciso I do art. 23 desta Lei(para obras e serviços de engenharia, concorrência: acima de R$ 1,5 milhão.
VI - Seguro-Garantia
- o seguro que garante o fiel cumprimento das obrigaçõesassumidas por empresas em licitações e contratos;
VII - Execução direta
- a que é feita pelos órgãos e entidades da Administração, pelospróprios meios;
VIII - Execução indireta
- a que o órgão ou entidade contrata com terceiros sobqualquer dos seguintes regimes:
a)
 
empreitada por preço global
- quando se contrata a execução da obra ou doserviço por preço certo e total;
b)
 
empreitada por preço unitário
- quando se contrata a execução da obra ou doserviço por preço certo de unidades determinadas;
 
2
c)
(Vetado). (Redação dada pela Lei nº 8.883, de 1994)
d) tarefa
- quando se ajusta mão-de-obra para pequenos trabalhos por preço certo,com ou sem fornecimento de materiais;
e) empreitada integral
- quando se contrata um empreendimento em suaintegralidade, compreendendo todas as etapas das obras, serviços e instalaçõesnecessárias, sob inteira responsabilidade da contratada até a sua entrega aocontratante em condições de entrada em operação, atendidos os requisitos técnicos elegais para sua utilização em condições de segurança estrutural e operacional e comas características adequadas às finalidades para que foi contratada;
IX - Projeto Básico
- conjunto de elementos necessários e suficientes, com nível deprecisão adequado, para caracterizar a obra ou serviço, ou complexo de obras ouserviços objeto da licitação, elaborado com base nas indicações dos estudos técnicospreliminares, que assegurem a viabilidade técnica e o adequado tratamento do impactoambiental do empreendimento, e que possibilite a avaliação do custo da obra e adefinição dos métodos e do prazo de execução, devendo conter os seguinteselementos:
a)
desenvolvimento da solução escolhida de forma a fornecer visão global da obra eidentificar todos os seus elementos constitutivos com clareza.
b)
soluções técnicas globais e localizadas, suficientemente detalhadas, de forma aminimizar a necessidade de reformulação ou de variantes durante as fases deelaboração do projeto executivo e de realização das obras e montagem.
c)
identificação dos tipos de serviços a executar e de materiais e equipamentos aincorporar à obra, bem como suas especificações que assegurem os melhoresresultados para o empreendimento, sem frustrar o caráter competitivo para a suaexecução.
d)
informações que possibilitem o estudo e a dedução de métodos construtivos,instalações provisórias e condições organizacionais para a obra, sem frustrar o carátercompetitivo para a sua execução.
e)
subsídios para montagem do plano de licitação e gestão da obra, compreendendo asua programação, a estratégia de suprimentos, as normas de fiscalização e outrosdados necessários em cada caso.
f)
orçamento detalhado do custo global da obra, fundamentado em quantitativos deserviços e fornecimentos propriamente avaliados.
X - Projeto Executivo
- o conjunto dos elementos necessários e suficientes àexecução completa da obra, de acordo com as normas pertinentes da AssociaçãoBrasileira de Normas Técnicas – ABNT.
XI - Administração Pública
- a administração direta e indireta da União, dos Estados,do Distrito Federal e dos Municípios, abrangendo inclusive as entidades compersonalidade jurídica de direito privado sob controle do poder público e das fundaçõespor ele instituídas ou mantidas.
XII - Administração
- órgão, entidade ou unidade administrativa pela qual aAdministração Pública opera e atua concretamente.
XIII - Imprensa Oficial
- veículo oficial de divulgação da Administração Pública, sendopara a União o Diário Oficial da União, e, para os Estados, o Distrito Federal e osMunicípios, o que for definido nas respectivas leis.
 
XIV - Contratante
- é o órgão ou entidade signatária do instrumento contratual.
XV - Contratado
- a pessoa física ou jurídica signatária de contrato com aAdministração Pública.
 
3
XVI - Comissão
permanente ou especial criada pela Administração com a função dereceber, examinar e julgar todos os documentos e procedimentos relativos às licitaçõese ao cadastramento de licitantes.
 As licitações
 
para execução de obras e prestação de serviços devem obedeceraos seguintes requisitos:1)
 
Projeto Básico
elementos para obra ou serviço;
 2)
 
Projeto Executivo
para execução completa da obra ( ABNT)
 3)
 
Execução de obras e serviços
realização direta ou indireta, empreitada, tarefa.
 Somente
poderão ser licitadas quando houver projeto básico, orçamento detalhado,previsão de recursos orçamentários e meta estabelecida no plano plurianual.
Não
poderá participar, mesmo
indiretamente
, da licitação ou da execução de obra ouserviço e do fornecimento de bens a eles necessários (
autor do projeto, empresa eservidor
), exceto se incluírem a elaboração de
projeto executivo
como encargo docontratado ou pelo preço previamente fixado pela Administração.
I - o autor do projeto
, básico ou executivo, pessoa física ou jurídica;
II - empresa
, isoladamente ou em consórcio, responsável pela elaboração do projetobásico ou executivo ou da qual o autor do projeto seja dirigente, gerente, acionista oudetentor de mais de 5% (cinco por cento) do capital com direito a voto ou controlador,responsável técnico ou subcontratado, salvo como consultor ou técnico, nas funções defiscalização, supervisão ou gerenciamento, exclusivamente a serviço da Administraçãointeressada.
III - servidor ou dirigente
de órgão ou entidade contratante ou responsável pelalicitação.Considera-se
participação indireta
a existência de qualquer vínculo de naturezatécnica, comercial, econômica, financeira ou trabalhista entre o autor do projeto, pessoafísica ou jurídica, e o licitante ou responsável pelos serviços, fornecimentos e obras,incluindo-se os fornecimentos de bens e serviços a estes necessários. Aplica-se aosmembros da comissão de licitação
.
Consideram-se serviços
estudos, projetos básicos e executivos, avaliaçõesassessorias, pareceres, perícias, consultorias, fiscalização e gerenciamento das obrase serviços, defesas de causas judiciais, restauração de obras, auditorias, patrocínios,treinamento e aperfeiçoamento de pessoal.
As compras
para serem realizadas deverão ter a caracterização de seu objeto e aindicação dos recursos orçamentários, sob pena de nulidade. Sempre que possível,deverão:
I
- atender a padronização.
II
- ser processadas através de sistema de
registro de preços
. Este Regulamentadopor
Decreto.
Precedido de ampla pesquisa de mercado.Validade para
01 ano
. Compublicações
trimestrais
. Quando possível, deverá ser informatizado.Qualquer cidadãoé parte legítima para impugnar preço constante do quadro.
III
- submeter-se às condições de aquisição e pagamento semelhantes às do setorprivado.
IV
- ser subdivididas em tantas parcelas quantas necessárias.
V
- balizar-se pelos preços praticados no âmbito dos órgãos e entidades daAdministração Pública.
O recebimento de material
(para compras de valor superiores a R$ 80.000,00) seráconfiado a uma comissão de no mínimo 03 (três) membros.

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->