Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
34Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Carlos Pio & Mauro Porto Elitistas Pluralist As Marxistas

Carlos Pio & Mauro Porto Elitistas Pluralist As Marxistas

Ratings: (0)|Views: 4,950|Likes:
Published by textos15

More info:

Published by: textos15 on Aug 30, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See More
See less

02/07/2013

pdf

text

original

 
Capítulo 13
 
TEORIA POLÍTICA CONTEMPORÂNEA:
 
POLÍTICA E ECONOMIA
 
SEGUNDO OS ARGUMENTOS
 
ELITISTAS, PLURALISTAS E MARXISTAS
 
Carlos Pio Mauro Porto
 
O PROBLEMA
1
 
Neste artigo, pretendemos enfocar algumas questões que estão
 
intrinsecamente associadas ao campo de estudo definido pelo rótulode
teoria política contemporânea
— TPC. Delimitaremos com clareza operíodo coberto pela TPC, assim como apresentaremos, sucinta-mente, as principais divergências que envolvem suas três correntesfundamentais: o elitismo, o marxismo e o pluralismo. Escolhemos,como questão central, a análise da relação entre os sistemas político eeconômico, mais especificamente, de como os diferentes autoresinterpretam as afinidades e as incompatibilidades entre ademocracia-representativa e a economia de mercado.
 
Optamos por esse enfoque porque, em contraposição aos teóri-cos modernos, a relação entre democracia e sociedade — particu-larmente suas relações econômicas — constituiu um dos aspectoscentrais dos debates dos autores contemporâneos. A defesa das li-berdades no manejo dos negócios privados ocorreu concomitantecom a própria formação do Estado moderno. Não é, pois, produti-
 
vo dissociar os processos de liberalização política e econômica, vis-
1 Devidoaospropósitos meramente expositivos, não ocuparemos o leitor comreferências bibliográficas ecitações,comoserequer de um bom trabalho acadêmico. No entanto, nãoserá precisomuito requinte para queseperceba que tratamos, aqui, simplesmente de reproduzir de maneira organizadaasidéiasdediversosautores bastante conhecidos no campo da ciência políticae da sociologia.
 

Activity (34)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Idaline Medeiros liked this
Oxony20 liked this
Oxony20 liked this
leleuo liked this
FAO-BR liked this
Bianca Azenha liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->