Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
1Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Introdução à vida devota - A5.pdf

Introdução à vida devota - A5.pdf

Ratings: (0)|Views: 22|Likes:

More info:

Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/28/2014

pdf

text

original

 
FilotéiaIntrodução à Vida Devota
 
2
 
Prefácio de São Francisco de Sales3
Prefácio de São Francisco de Sales
Peço-te, caro leitor, que leias este prefácio, tanto para a tuacomo para a minha satisfação.Uma mulher por nome Glicria sa!ia distri!uir as flores eformar um ramalhete com tanta ha!ilidade que todos os seusramalhetes pareciam diferentes uns dos outros. "onta-se que ocle!re pintor Pausias, tendo procurado imitar com o seu pinceltamanha #ariedade, o o p$de conse%uir e declarou-se#encido. &e modo semelhante o 'spirito Santo disp(e e arran)acom uma admirá#el #ariedade as liç(es de #irtude que nos dá pela !oca e pela pena de seus ser#os. * sempre a mesmadoutrina, apresentada de mil modos diferentes. +a presenteo!ra outro fim não temos em mira senão repetir o que )á tantas#ees se tem dito e escrito so!re esta matria. São as mesmasflores, !en#olo leitor, que te #enho ofertar aquia nicadiferença que há  que o ramalhete está disposto di#ersamente./ maior parte dos autores que trataram so!re a de#oçãodiri%iram-se e0clusi#amente a pessoas retiradas do mundo ouao menos se esforçaram por lhes ensinar o caminho desteretiro. 1 meu intento, porm,  ser til queles que se #eemo!ri%ados a #i#er no meio do mundo e que não podem le#ar uma #ida di#ersa da dos outros. /contece muitas #ees queestas pessoas, so! o prete0to duma impossi!ilidade pretensa,nem sequer pensam em aspirar  de#oção. ma%inam que,assim como animal al%um ousa tocar naquela er#a chamada
 Palma Christi
, do mesmo modo pessoa al%uma que #i#e nomeio de ne%4cios temporais pode fomentar pretens(es  palmada piedade cristã. 5as #ou mostrar-lhes que muito se en%aname que a %raça  em suas operaç(es ainda muito mais fecundaque a naturea. /s madreprolas são !anhadas pelas á%uas domar e contudo não são penetradas delas perto das ilhas de"elid$nia e0istem fontes de á%ua doce no meio do mar os piranetas #oam por entre as chamas sem se queimar as almas

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->