Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
34Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
PIC - Capitulo 6 - Exemplos

PIC - Capitulo 6 - Exemplos

Ratings: (0)|Views: 1,769 |Likes:
Published by Nando

More info:

Published by: Nando on Sep 28, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

04/22/2013

pdf

text

original

 
Microcontroladores
 
PIC
on-line 
GRÁTIS
!
IndiceSistema de desenvolvimentoContacte-nos
 
CAPÍTULO 6
 
Exemplos
 
Introdução
 
6.1 Alimentando o microcontrolador
 
6.2 Utilização de macros em programas
 
6.3 Exemplos
Introdução
 
Os exemplos que se mostram neste capítulo, exemplificam como se deve ligar o microcontrolador PIC aperiféricos ou a outros dispositivos quando projectamos o nosso próprio sistema de microcontrolador. Cadaexemplo contém uma descrição detalhada do hardware com o esquema eléctrico e comentários acerca doprograma. Todos os programas podem ser copiados da página da internet da ‘
i-magazine
’.
6.1 Alimentando o microcontrolador
 
De um modo geral, uma tensão de alimentação correcta é da maior importância para o bom funcionamento dosistema de microcontrolador. Pode comparar-se este sistema a um homem que precisa de respirar. É provávelque um homem que respire ar puro viva mais tempo que um que viva num ambiente poluído.
 
Para que um microcontrolador funcione convenientemente, é necessário usar uma fonte de alimentação estável,uma função de ‘reset ao ligar’ fiável e um oscilador. De acordo com as especificações técnicas fornecidas pelofabricante do microcontrolador PIC, em todas as versões, a tensão de alimentação deve estar compreendidaentre 2,0V e 6,0V. A solução mais simples para a fonte de alimentação é utilizar um regulador de tensãoLM7805 que fornece, na sua saída, uma tensão estável de +5V. Uma fonte com estas características, mostra-sena figura em baixo.
 
Teclado
 
Optoacopladores
 
Optoacoplador numa linha de entrada
 
Optoacoplador numa linha de saída
 
O Relé
 
Produzindo um som
 
Registos de deslocamento
 
Registo de deslocamento de entrada 74HC597
 
Registo de deslocamento de saída paralela
 
Displays de 7-Segmentos (multiplexagem)
 
DISPLAY LCD
 
Macros para LCD
 
Conversor Analógico-Digital de 12 bits
 
Comunicação Série
 
Página 1 de 27CAPTULO 6 - Exemplos12/8/2003
http://www.i-agazine.com.br 
 
 
Para que o circuito funcione correctamente, de modo a obter-se 5V estáveis na saída (pino 3), a tensão deentrada no pino 1 do LM7805 deve situar-se entre 7V e 24V. Dependendo do consumo do dispositivo, assimdevemos usar o tipo de regulador LM7805 apropriado. Existem várias versões do LM7805. Para um consumo decorrente até 1A, deve usar-se a versão TO-220, com um dissipador de calor apropriado. Se o consumo forsomente de 50mA, pode usar-se o 78L05 (regulador com empacotamento TO92 de menores dimensões paracorrentes até 100mA).
 
6.2 Utilização de macros em programas
 
Os exemplos que se apresentam nas secções seguintes deste capítulo, vão utilizar frequentemente as macrosWAIT, WAITX e PRINT, por isso elas vão ser explicadas com detalhe.
 
Macros WAIT, WAITX
 
O ficheiro Wait.inc contém duas macros WAIT e WAITX. Através destas macros é possível conseguir diferentesintervalos de tempo. Ambas as macros usam o preenchimento do contador TMR0 como intervalo de tempobásico. Modificando o valor do prescaler, nós podemos variar o intervalo de tempo correspondente aoenchimento do contador TMR0.
 Página 2 de 27CAPTULO 6 - Exemplos12/8/2003
http://www.i-magazine.com.br 
 
 
Se usarmos um oscilador (ressonador) de 4MHz e para valores do prescaler de 0, 1 e 7 a dividir o clock básicodo oscilador, os intervalos de tempo causados por transbordo do temporizador TMR0, serão nestes três casos derespectivamente 0,512mS, 1,02mS e 65,3mS. Na prática isso significa que o maior intervalo de tempo possívelserá de 256x65,3mS = 16,72 segundos.
 
Para se poderem usar macros no programa principal, é necessário declarar as variáveis wcycle e prescWAIT,como é feito nos exemplos que se seguem neste capítulo.
 
A Macro WAIT tem um argumento. O valor standard atribuído ao prescaler nesta macro é 1 (1,02mS) e nãopode ser alterado.
 
WAIT timeconst_1
 
timeconst_1
é um número de 0 a 255. Multiplicando esse número pelo tempo de enchimento, obtemos otempo total: TEMPO=timeconst_1 x 1,02mS.
 
Exemplo:
WAIT .100
 
O exemplo mostra como gerar um atraso de 100x1,02mS no total de 102mS.
 Página 3 de 27CAPTULO 6 - Exemplos12/8/2003
http://www.i-magazine.com.br 

Activity (34)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Alex Dux liked this
Wallisson Farias liked this
Celso liked this
fmvs3 liked this
massanakayama liked this
a1b22 liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->