Welcome to Scribd. Sign in or start your free trial to enjoy unlimited e-books, audiobooks & documents.Find out more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
16Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Eurípides - Medéia

Eurípides - Medéia

Ratings:

4.5

(1)
|Views: 815|Likes:
Published by pehdefigo

More info:

Published by: pehdefigo on Oct 03, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

09/28/2014

pdf

text

original

 
Eurípides
Medéia
TransubstanciaçãodeMillôr
Fernandes
ct
vtLrzAÇÃo
tìRAStLtÌtRA
-
io
deJaneiro
2004
 
li
i
-lôR
TERNANDES
alma,
espírito
e
agora
também
o
corPo.BinLaden,
Bush?
O
nosso
tempo.Medéia,
a
meu
ver'
nos
coloca
nos dias
de
hoje.
O
crime
da esquina,
os
grandes crimes da
hu-manidade,
e
o
crimenenhum.
Apenas
a
resposta
a
umaconstante
e
perpétua humilhação
aos
maishumildes
-
os
"bárbaros".Eurípides
nos
entregou
essa
corda
bamba,
esse
terreno
preciso
e
nebuloso,
e
Millôr
nos
entregouocaminho.Nestemomento
-
neste século
-,
€ú
que
as
palavras
perderam
sua
importância,
emqueos
sentimentos
fo-
ram
banalizados
e
fragmentados,
penso
que
essa
reto-
mada
daessência
-
tanto
no conteúdocomono sentido
da
forma
(palavras poucase
objetivas)
-
podetÍazer
ao
teatro
algoque
ele
perdeu.O
valor
de cadapalavra.
Nada
é
dito
quenão
seja es-
sencial.
Como
se
o
texto
voltasse
a
ter
valor,
ele
não
é
o
representante
de
pensamentos
aleatórios,
mas
a
represen-taçãodoque
é
absolutamente
necessário.
Esse
para
mim
é
otrabalhodo
Millôr
sob a
Medéia
de
Eurípides.Agrade-ço
a
honra
de
podertertrabalhadodiante
de
sua
batuta.
maio
de
2004
Bia
Lessa*
*Bia
Lessaé
diretorado
espetáculo
Medéia,
em cârtâz
no Rio
de
Janeiroem
abril de2004.
Personagens(Por
ordem
da
entrada
em
cena)AMA
TUTOR
Coro
das
mulheres de
Corinto
MEDÉIA, neta
do
Sol,
filha
de
Aietes,
rei
da
Cólquida
CREONTE,
rei
de
Corinto
JASÃO,
comandante
dos
Argonautas.
Filho
de Esone,
rei
de
Iolco.
EGEU,
rei
de
AtenasMENSAGEIRO
Filhos
de
Jasão
e
Medéia
(Acena
é
em
Corinto,
em
frenteà
mansiÍo
de
Medéia,
perto
do
palácio
deCreonte.)
 
lB
l,
AMA
Ah,
que
os
céus
jamaistivessem
permitido
à
nave
Argo voarsobre
as
neblinascinzentasque
cobrem
o
mar azul
dasrochas Cienaias,
essas
montanhas
de
pedras
movediçasqueesmagam
os
barcos
temerários.
Quenunca
os
bosques de
pinheirosdoPélion
tivessem
sido derrubados
e
transfor-
mados
empoderosos remos
nas
máosdos
nobresheróis
que
foram
se
apossar
do Velocino
de
Ouro
para
Pélias.
Pois
aí, Medéia,minha
senhora,
também
não
teria
navegadopâra
as
torres
de
Iolco,
com
sua
alma
incen-
diada
por
amor
a
Jasão,
nem, dominada
por
essa
pai-
xão, teria
convencido
as
filhas
de
Pélias
a matarem
opai,
enquanto
ela
fugia
com
seus
próprios
filhos,
vindo
viver aqui
em
Corinto,
com
eles
e
omarido,
Jasão.
Aqui,
emboraestrangeira
e
fugitiva,encontrou
sim-patiaeproteção
de
todos
os
coríntios,
pois
vivia
em
per-feita
harmonia
comJasão,
os
dois
formando
uma
pessoa
só, ela
e
o
marido.
Pois
o escudo
para
a
felicidade con-
jugal
é
a
mulher
náo
discordar
jamais
de seu
esposo.
Mas

Activity (16)

You've already reviewed this. Edit your review.
adabaia reviewed this
Rated 5/5
A tragédia no seu ápice.
1 thousand reads
1 hundred reads
Suzana Castro liked this
Nessa_sm liked this
Josemar Alves liked this
muzachio liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->