Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword or section
Like this
6Activity

Table Of Contents

0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
A Biblia e o Cristianismo; Uma perspectiva Islâmica - Imam Muhammad Shirazi

A Biblia e o Cristianismo; Uma perspectiva Islâmica - Imam Muhammad Shirazi

Ratings: (0)|Views: 301 |Likes:
Published by Antonio da Alva
Na busca pela verdade dois caminhos podem ser adotados para se alcançar o objetivo pretendido. Um consiste tão-somente de utilizar a razão e a lógica para se chegar àquilo que se está em busca, o outro consiste de analisar as várias religiões, ideologias e escolas de pensamento comparando umas com as outras – com o auxílio da razão e da lógica – para se identificar o conjunto de ensinamentos ou a escola de pensamento que fornece, acima de qualquer dúvida, o melhor meio de se chegar à verdade.
Neste livro são apresentados alguns trabalhos do autor concernentes a duas religiões, cada qual reunindo cerca de dois bilhões de seguidores: o Islam e o Cristianismo.

Na primeira parte, são apresentados alguns encontros entre o Profeta do Islam, Muhammad – bem como os Imams da sua progênie – e outros indivíduos. Esses encontros refletem a conduta e a atitude do Profeta em relação às demais pessoas.
Na segunda parte do livro, são apresentados alguns debates e discussões que o autor manteve com cristãos. Nesses debates, o autor adota as mesmas atitudes que àquelas adotadas pelo Profeta do Islam e pelos Imams da sua progênie, mencionadas brevemente na primeira parte do livro. Várias questões pertinentes, variando do legal e do geral ao histórico e científico, são mencionadas de um modo calmo e racional, seguindo a diretriz do versículo corânico:

“Convoca (os humanos) à senda do teu Senhor com sabedoria e uma bela exortação; dialoga com eles de maneira benevolente”. 16: 125

Aqueles indivíduos que tinham vindo com uma imagem adquirida do Islam, geralmente distorcida e equivocada, conseguiram enxergar a verdade do Islam ao cabo desses debates com o autor, tanto que eles acabaram abraçando o Islam como um modo de vida para eles.

O lado muçulmano nesses debates era a mais eminente autoridade do Islam dos últimos tempos, o saudoso Ayatollah al-Uzma Imam Muhammad Shirazi. Os debates apresentados nesta obra foram conduzidos no tempo em que ele residia no Iraque. Desnecessário dizer que o saudoso Imam Shirazi continuou com o seu método de debate racional e diálogo científico com outros indivíduos ao longo de toda a sua vida e durante toda a sua estada no Kuwait (1970-1979) e no Irã (1980-2001), período durante o qual milhares de pessoas debateram com ele acerca do Islam, muitos dos quais acabaram abraçando o Islam posteriormente, sem contar aqueles que abraçaram o Islam depois de ouvir as suas conferências ou depois de ler os seus livros que excedem a marca de mais de mil títulos. Relatos de pessoas abraçando o Islam também ecoavam freqüentemente na imprensa e isso continuou até a sua morte no dia 17 de dezembro de 2001.

Esta parte foi publicada originalmente em árabe como uma obra separada e foi traduzido para o português para que o leitor de língua portuguesa pudesse ter a oportunidade de se beneficiar daqueles diálogos, num esforço para promover o Islam independentemente de quão limitado esse esforço seja. O Islam é a religião da lógica e da razão que encoraja a busca do conhecimento e que está em harmonia com a natureza inerente dos seres humanos. Os seus ensinamentos são relevantes e aplicáveis a qualquer época, lugar ou geração e, por conseguinte, seria algo benéfico para nós, aprender as leis e os ensinamentos do Islam, bem como ajudar os outros a aprender sobre os mesmos, de modo que os ensinamentos do Islam sejam aderidos e implementados em benefício do bem-comum e para uma maior iluminação da humanidade.

Na terceira parte deste livro, o autor lança mão de uma breve e concisa investigação sobre as contradições presentes na Bíblia, algumas das quais na forma de falsos atributos a Deus, bem como falsos e imorais atributos aos Seus mensageiros. Essa parte foi publicada originalmente em árabe como um livro separado.

O autor rejeita a noção de que os Profetas de Deus, que estão entre os indivíduos mais ilibados e piedosos da raça humana, tenham sido capazes de terem cometido crimes como fraude, adultério e até mesmo assass
Na busca pela verdade dois caminhos podem ser adotados para se alcançar o objetivo pretendido. Um consiste tão-somente de utilizar a razão e a lógica para se chegar àquilo que se está em busca, o outro consiste de analisar as várias religiões, ideologias e escolas de pensamento comparando umas com as outras – com o auxílio da razão e da lógica – para se identificar o conjunto de ensinamentos ou a escola de pensamento que fornece, acima de qualquer dúvida, o melhor meio de se chegar à verdade.
Neste livro são apresentados alguns trabalhos do autor concernentes a duas religiões, cada qual reunindo cerca de dois bilhões de seguidores: o Islam e o Cristianismo.

Na primeira parte, são apresentados alguns encontros entre o Profeta do Islam, Muhammad – bem como os Imams da sua progênie – e outros indivíduos. Esses encontros refletem a conduta e a atitude do Profeta em relação às demais pessoas.
Na segunda parte do livro, são apresentados alguns debates e discussões que o autor manteve com cristãos. Nesses debates, o autor adota as mesmas atitudes que àquelas adotadas pelo Profeta do Islam e pelos Imams da sua progênie, mencionadas brevemente na primeira parte do livro. Várias questões pertinentes, variando do legal e do geral ao histórico e científico, são mencionadas de um modo calmo e racional, seguindo a diretriz do versículo corânico:

“Convoca (os humanos) à senda do teu Senhor com sabedoria e uma bela exortação; dialoga com eles de maneira benevolente”. 16: 125

Aqueles indivíduos que tinham vindo com uma imagem adquirida do Islam, geralmente distorcida e equivocada, conseguiram enxergar a verdade do Islam ao cabo desses debates com o autor, tanto que eles acabaram abraçando o Islam como um modo de vida para eles.

O lado muçulmano nesses debates era a mais eminente autoridade do Islam dos últimos tempos, o saudoso Ayatollah al-Uzma Imam Muhammad Shirazi. Os debates apresentados nesta obra foram conduzidos no tempo em que ele residia no Iraque. Desnecessário dizer que o saudoso Imam Shirazi continuou com o seu método de debate racional e diálogo científico com outros indivíduos ao longo de toda a sua vida e durante toda a sua estada no Kuwait (1970-1979) e no Irã (1980-2001), período durante o qual milhares de pessoas debateram com ele acerca do Islam, muitos dos quais acabaram abraçando o Islam posteriormente, sem contar aqueles que abraçaram o Islam depois de ouvir as suas conferências ou depois de ler os seus livros que excedem a marca de mais de mil títulos. Relatos de pessoas abraçando o Islam também ecoavam freqüentemente na imprensa e isso continuou até a sua morte no dia 17 de dezembro de 2001.

Esta parte foi publicada originalmente em árabe como uma obra separada e foi traduzido para o português para que o leitor de língua portuguesa pudesse ter a oportunidade de se beneficiar daqueles diálogos, num esforço para promover o Islam independentemente de quão limitado esse esforço seja. O Islam é a religião da lógica e da razão que encoraja a busca do conhecimento e que está em harmonia com a natureza inerente dos seres humanos. Os seus ensinamentos são relevantes e aplicáveis a qualquer época, lugar ou geração e, por conseguinte, seria algo benéfico para nós, aprender as leis e os ensinamentos do Islam, bem como ajudar os outros a aprender sobre os mesmos, de modo que os ensinamentos do Islam sejam aderidos e implementados em benefício do bem-comum e para uma maior iluminação da humanidade.

Na terceira parte deste livro, o autor lança mão de uma breve e concisa investigação sobre as contradições presentes na Bíblia, algumas das quais na forma de falsos atributos a Deus, bem como falsos e imorais atributos aos Seus mensageiros. Essa parte foi publicada originalmente em árabe como um livro separado.

O autor rejeita a noção de que os Profetas de Deus, que estão entre os indivíduos mais ilibados e piedosos da raça humana, tenham sido capazes de terem cometido crimes como fraude, adultério e até mesmo assass

More info:

Published by: Antonio da Alva on Oct 06, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

02/06/2013

pdf

text

original

 
Imam Muhammad Shirazi
A Bíblia e o Cristianismo
Uma Perspectiva Islâmica
Traduzido por:Ahmad Sadiq
 
 
f
ountain books
BM Box 8545London WC1N 3XXUK
www.fountainbooks.com
Em parceria com:
Imam Shirazi World Foundation1220 L. Street N.W. Suite # 100 – 333Washington, D.C. 20005 – 4018, U.S.A.
 Primeira Edição, 2006ISBN 1-903323-32-0
©
fountain books
Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação deve serreproduzida, estocada em banco de dados ou transmitida em qualquermeio ou forma, seja mecânico, eletrônico, fotocópia, gravação ou dequalquer outro modo sem a prévia autorização de
 
fountain books 
 
ii
 
CONTEÚDO
iii

Activity (6)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Antonio da Alva liked this
infochel liked this
John Paul Rock liked this
John Paul Rock liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->