Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
17Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Prova 3ºB LP 9º ano 2009

Prova 3ºB LP 9º ano 2009

Ratings: (0)|Views: 3,273|Likes:
Published by Janaina Antunes

More info:

Published by: Janaina Antunes on Oct 16, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See More
See less

06/09/2013

pdf

text

original

 
Queridoalunofaçaaprovacomcalmaeatenção.Estou certaquesesairábem.
?á 
Leia o texto abaixo para responder as questões de 1 a 4.
O inferno é aqui mesmo.
INFERNONACIONAL
A história abaixo transcrita surgiu no folclore de Belo Horizonte e foi contada lá, numa vero política. Não é o nosso caso. É contada aqui no seu mais puro estilo folclórico, sem maiores rodeios.
iz que era uma vez um camarada que abotoouo paletó. [...] Ao morrer nem conversou: foi direto para oInferno. Em lá chegando, pediu audiência a Satanás eperguntou:- Qual é o lance aqui?Satanás explicou que o inferno estava divididoem diversos departamentos, cada um administrado porum ps, mas o falecido o precisava ficar nodepartamento administrado pelo seu país de origem.Podia ficar no departamento do país que escolhesse. Eleagradeceu muito e disse a Satas que ia dar umavoltinha para escolher o seu departamento.Está claro que saiu do gabinete do Diabo e foilogo para o Departamento dos Estados Unidos, achandoque lá devia ser mais organizado o inferninho que lhecaberia para toda a eternidade. Entrou no Departamentodos Estados Unidos e perguntou como era o regime.- Quinhentas chibatadas pela manhã, depoispassar duas horas num forno de 200 graus. Na parte datarde: ficar numa geladeira de 100 graus abaixo de zeroaté às três horas, e voltar ao forno de 200 graus.O falecido ficou besta e tratou de cair fora, embusca de um departamento menos rigoroso. Esteve no dassia, no do Jao, no da França, mas era tudo amesma coisa. Foi aí que lhe informaram que tudo eraigual: a divisão em departamento era apenas parafacilitar o servo no Inferno, mas em todo lugar oregime era o mesmo; quinhentas chibatadas pela manhã,forno de 200 graus durante o dia e geladeira de 100graus abaixo de zero, pela tarde.O falecido já caminhava desconsolado por umarua infernal, quando viu um departamento escrito naporta: Brasil. E notou que a fila à entrada era maior doque a dos outros departamentos. Pensou com suaschaminhas: “Aqui tem peixe por debaixo do angu”.Entrou na fila e começou a chatear o camarada da frente,perguntando por que a fila era maior e os enfileiradosmenos tristes. O camarada da frente fingia que oouvia, mas ele tanto insistiu que o outro, com medo dechamarem a atenção, disse baixinho:- Fica na moita, e não espalha não. O forno daquiestá quebrado e a geladeira anda meio enguiçada. Não dámais de 35 graus por dia.- E as quinhentas chibatadas? perguntou ofalecido.- Ah... o sujeito encarregado desse serviço vemaqui de manhã, assina o ponto e cai fora.
PONTE PRETA, Stanislaw.
Tia Zulmira e eu.
6.ed. Rio de Janeiro:Civilização Brasileira, 1975. p.175-7.
1. Ao sair do gabinete do Diabo, o personagem foi direto para o Departamento dos Estados Unidos, pois pensou queencontraria por lá um inferno organizado. Por que motivo ele pensou assim?
(1,0) 
__________________________________________________________________________________________________
Aluno (a): Nº. da chamada ____Série:
9º Ano
Turma:
901
Turno:
Manhã
Teste
X
ProvaProfessora:
Janaina Antunes
Nota:Data:
14 / 10 / 2009
Bimestre:
Objetivos formativos:Disciplina:
Língua Portuguesa
Total:
NOME DA INSTITUIÇÃO

Activity (17)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
adriannanet liked this
Juscy Souza liked this
tederixe liked this
Celso Silveira liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->