Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
4Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Material Para Arte Patativa Luiz Gonzaga e Etc)

Material Para Arte Patativa Luiz Gonzaga e Etc)

Ratings: (0)|Views: 756|Likes:
Published by even_nilson
Sobre Patativa do Assaré e Luiz Gonzaga, entre outras coisas do nordeste brasileiro
Sobre Patativa do Assaré e Luiz Gonzaga, entre outras coisas do nordeste brasileiro

More info:

Categories:Types, Research, History
Published by: even_nilson on Oct 16, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

10/31/2012

pdf

text

original

 
PatativadoAssaré
 
Antônio Gonçalves da Silva
, dito Patativa do Assaré, nasceu a 5 demarço de 1909 na Serra de Santana, pequena propriedade rural, no municípiode Assaré, no Sul do Ceará. É o segundo filho de Pedro Gonçalves da Silva eMaria Pereira da Silva. Foi casado com D. Belinha, de cujo consórcio nasceramnove filhos. Publicou Inspiração Nordestina, em 1956, Cantos de Patativa, em1966. Em 1970, Figueiredo Filho publicou seus poemas comentados Patativado Assaré. Tem inúmeros folhetos de cordel e poemas publicados em revistase jornais. Está sendo estudado na Sorbonne, na cadeira da Literatura Popular Universal, sob a regência do Professor Raymond Cantel. Patativa do Assaréera unanimidade no papel de poeta mais popular do Brasil. Para chegar ondechegou, tinha uma receita prosaica: dizia que para ser poeta não era precisoser professor. 'Basta, no mês de maio, recolher um poema em cada flor brotada nas árvores do seu sertão', declamava.Cresceu ouvindo histórias, os ponteios da viola e folhetos de cordel. Empouco tempo, a fama de menino violeiro se espalhou. Com oito anos trocouuma ovelha do pai por uma viola. Dez anos depois, viajou para o Pará eenfrentou muita peleja com cantadores. Quando voltou, estava consagrado: erao Patativa do Assaré. Nessa época os poetas populares vicejavam e muitoseram chamados de 'patativas' porque viviam cantando versos. Ele era apenasum deles. Para ser melhor identificado, adotou o nome de sua cidade.Filho de pequenos proprietários rurais, Patativa, nascido Antônio Gonçalvesda Silva em Assaré, a 490 quilômetros de Fortaleza, inspirou músicos da velhae da nova geração e rendeu livros, biografias, estudos em universidadesestrangeiras e peças de teatro. Também pudera. Ninguém soube tão bemcantar em verso e prosa os contrastes do sertão nordestino e a beleza de suanatureza. Talvez por isso, Patativa ainda influencie a arte feita hoje. O grupopernambucano da nova geração 'Cordel do Fogo Encantado' bebe na fonte dopoeta para compor suas letras. Luiz Gonzaga gravou muitas músicas dele,entre elas a que lançou Patativa comercialmente, 'A triste partida'. Há até quemcompare as rimas e maneira de descrever as diferenças sociais do Brasil comas músicas do rapper carioca Gabriel Pensador. No teatro, sua vida foi tema dapeça infantil 'Patativa do Assa- o cearense do culo', de Gilmar deCarvalho, e seu poema 'Meu querido jumento', do espetáculo de mesmo nomede Amir Haddad. Sobre sua vida, a obra mais recente é 'Poeta do Povo - Vidae obra de Patativa do Assaré' (Ed. CPC-Umes/2000), assinada pelo jornalista epesquisador Assis Angelo, que reúne, além de obras inéditas, um ensaiofotográfico e um CD.Como todo bom sertanejo, Patativa começou a trabalhar duro na enxadaainda menino, mesmo tendo perdido um olho aos 4 anos. No livro 'Cante lá que
 
eu canto cá', o poeta dizia que no sertão enfrentava a fome, a dor e a miséria,e que para 'ser poeta de vera é preciso ter sofrimento'.Patativa só passou seis meses na escola. Isso não o impediu de ser Doutor Honoris Causa de pelo menos três universidades. o teve estudo, masdiscutia com maestria a arte de versejar. Desde os 91 anos de idade com asaúde abalada por uma queda e a memória começando a faltar, Patativa diziaque não escrevia mais porque, ao longo de sua vida, 'já disse tudo que tinha dedizer'. Patativa morreu em 08 de julho de 2002 na cidade que lhe emprestava onome.
Luiz Gonzaga
Luiz Gonzaga nasceu em Exu, Pernambuco, em 13 de dezembro de 1912. Foi umcompositor popular. Aprendeu a ter gosto pela música ouvindo as apresentações demúsicos nordestinos em feiras e em festas religiosas. Quando migrou para o sul,fez de tudo um pouco, inclusive tocar em bares de beira de cais. Mas foiexatamente aí que ouviu um cabra lhe dizer para começar a tocar aquelas músicasboas do distante nordeste. Pensando nisso compôs dois chamegos: "Pés de Serra"e "Vira e Mexe". Sabendo que o rádio era o melhor vínculo de divulgação musicaldaquela época (corria o ano de 1941) resolveu participar do concurso de calourosde Ary Barroso onde solou sua música “ Vira e Mexe” e ganhou o primeiro prêmio.Isso abriu caminho para que pudesse vir a ser contratado pela emissora Nacional.No decorrer destes vários anos, Luiz Gonzaga foi simbolizando o que melhor se temda música nordestina. Ele foi o primeiro músico assumir a nordestinidaderepresentada pela a sanfona e pelo chapéu de couro. Cantou as dores e os amores

Activity (4)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Hildemir Macedo liked this
Kilson Dias liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->