Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword or section
Like this
54Activity
×
P. 1
Cinética Enzimática em um Reator em Batelada

Cinética Enzimática em um Reator em Batelada

Ratings: (0)|Views: 15,451|Likes:
Published by Ma_Alice

More info:

Published by: Ma_Alice on Oct 24, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, DOC, TXT or read online from Scribd
See More
See less

07/09/2013

pdf

text

original

 
Universidade Federal de São CarlosCentro de Ciências Exatas e TecnologiaDepartamento de Engenharia Química – DEQ
Laboratório de Engenharia das Reações
Cinética Enzimática em um Reator em Batelada
Professor:
Dr. Raquel Giordano
Aline Colaciti271667Caio Kurohane264644Maria Alice Grigoli dos Santos286630 Nathália Aguilar Santune 278637Thaís Helena de Almeida Siqueira278599
São Carlos, 23 de Setembro de 2009
1
 
Índice Geral
E
E
E
M
B
M
E
E
O
M
D
H
2
 
INTRODUÇÃO
Uma importante descoberta para a enzimologia foi feita em 1897, quandoBüchner conseguiu extrair a primeira enzima ativa de uma célula viva. Tal trabalho proporcionou diversas contribuições, dentre elas: primeiramente, que um biocatalisador  pode trabalhar de maneira eficiente e independente de qualquer bioprocesso; e emsegundo, novos estudos tiveram início, essencialmente, os relacionados ao isolamento e purificação das enzimas, sendo que a primeira separação sucedida de uma enzima puraocorreu em 1926, por Summer. Este estudo e os posteriores revelaram que as enzimassão proteínas, uma propriedade já admitida como generalidade.Assim, as enzimas são proteínas com altos pesos moleculares que atuam comocatalisadores. Recentemente, descobriu-se que algumas moléculas de RNA tambémapresentam este “poder”, porém a grande maioria das reações celulares é mediada pelasenzimas.Sua natureza e especificidade o, principalmente, devido a sua estruturatridimensional, a qual é determinada pela seqüência de aminoácidos que a compõem.Porém, são extremamente suscetíveis a mudanças no meio, tal como a alteração do pH,temperatura, forças iônicas e nas concentrações envolvidas. Caso, tais parâmetrosultrapassem o limiar permitido pela macromolécula, ocorrerá um processo denominadodesnaturação, ou seja, a enzima diminuirá, ou até mesmo perderá, a sua atividadecatalítica pouco tempo após o experimento.Enzimas têm sido muito significativas para diversos produtos industriais por mais de 100 anos. Pom, os diferentes tipos de aplicação m aumentado potencialmente, nas indústrias alimentícias, farmacêuticas e bioquímicas. Apesar daintenção de aumentar o uso das enzimas, a produção desta se desenvolve maislentamente. Em 1996, as vendas norte-americanas das indústrias de enzimas eram de$372 milhões, e a projeção para 2006 era de $686 milhões
[7]
. Diante deste fato, pode-sesupor que o preço final do produto deva ser altíssimo. Assim, foi-se necessário criar maneiras diferentes de usá-las, ao invés de deixá-las livres no meio, já que neste caso, asua reutilizão tornava-se impossível ou o processo de purificação inacessíveleconomicamente.Uma maneira muito utilizada, nos dias atuais, é a sua imobilização. Este processo pode-se dar por confinamento em uma matriz, encapsulão em umamembrana semipermeável, entre duas membranas ou adsorvida na superfície de um3

Activity (54)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Raysse Ribeiro liked this
Aline Mostaro liked this
ladiell liked this
Ana Clara Rabelo liked this
Cristina Beka liked this
Rebeca Rios liked this
Mayara Vieira liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->