Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
5Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Portugal Pais Imigracao

Portugal Pais Imigracao

Ratings: (0)|Views: 652|Likes:
Published by mffnunes
Texto de Maria Fátima Nunes sobre o tema «Portugal, país de imigração».
Texto de Maria Fátima Nunes sobre o tema «Portugal, país de imigração».

More info:

Published by: mffnunes on Oct 29, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

09/06/2010

pdf

text

original

 
Página | 1
P
ORTUGAL
,
PAÍS DE IMIGRAÇÃO
 
Maria Fátima NunesPortugal foi desde o século XV
1
um país de emigração, no entanto, sobretudo a partirda década de oitenta do século XX passou a ser também um novo país de imigração, àsemelhança de outros países da Europa do Sul, como a Espanha, a Itália, a Grécia. Estefacto resulta de uma série de circunstâncias históricas e de uma conjuntura social eeconómica específica: o 25 de Abril, o fim do Império colonial e o processo dedescolonização, o desenvolvimento do turismo, sobretudo no Algarve, devido aoinvestimento estrangeiro (inglês e alemão), a intervenção do Fundo MonetárioInternacional, a integração na União Europeia (1985).Para além destes factores mais respeitantes a uma realidade local, podemos aindaacrescentar outros mais globais, tais como fortes agitações políticas, instabilidade a nívelsocial e graves conflitos étnicos a Leste, conflitos religiosos, crescimento da taxa dedesemprego, guerra em África; que contribuíram para que Portugal, bem como os outrospaíses da Europa do Sul, se tornasse num espaço de atracção para os fluxos migratóriosdecorrentes dessas situações de turbulência e agitação política, social e religiosa. Também“a intensificação dos processos de globalização está a promover uma reestruturaçãoprofunda da indústria, uma relocalização das fontes de fornecimento de mão-de-obra, umredireccionamento dos fluxos de capitais e novos padrões de competição internacional[...] e a minar as políticas laborais e sociais, bem como a alterar a estrutura efuncionamento dos mercados de trabalho dos países da Europa Ocidental e do Sul”(Baganha, Góis, 1999: 255).Enquanto país de imigração, Portugal tem vindo a acolher um número cada vezmaior de migrantes estrangeiros, sobretudo nas três últimas décadas. Segundo Rocha-Trindade (2001), neste fluxo de entrada no nosso país, há a considerar três situaçõesdistintas: 1. imigração económica, de cariz internacional, de indivíduos oriundos de paísesde língua oficial portuguesa (sobretudo Cabo-verdianos e Brasileiros), ou seja, imigraçãoassente em laços históricos, na identidade linguística e na afinidade cultural entre o nosso
1
 
Para Joel Serrão (1970), a emigração portuguesa situa-se no início da colonização da Madeira (porvolta de 1425). Até aproximadamente 1820, esteve essencialmente associada a objectivos mercantis eimperiais da coroa portuguesa, ou seja, antes da independência do Brasil (1822), saía-se sobretudo do paísao serviço da coroa ou como colono, para áreas do Império Colonial Português. A partir dessa época, o fluxomigratório mudou: transformou-se
 
num movimento internacional de trabalho (emigração económica)direccionado para espaços fora do Império.
 
Página | 2
país e as antigas colónias em África e na América do Sul; 2. “imigrantes” provenientes dospaíses da União Europeia, devido à liberalização da entrada, residência, trabalho epermanência de que estes cidadãos gozam; 3. outras situações, destacando-se duasregiões de proveniência asiática: a Índia e a China.O ano de 1981 é considerado como um “ano charneira na imigração em Portugal”(Baganha, Góis, 1999: 266), porque foi definido, nesse ano, o enquadramento jurídicoatravés do Decreto-Lei 264-B/81 de 3 de Setembro, que regula as entradas, permanênciase saídas de estrangeiros em território nacional. Se compararmos o número de imigranteslegais entre os anos 1981 e 2007, vemos que houve um aumento exponencial a partir dosanos 90: de apenas 54 414 em 1981, segundo dados do Serviço de Estrangeiros eFronteiras (SEF), passou-se para 136 932 em 1993, 172 912, em 1996, 350 898, em 2001e 435 736 em 2007
2
. Uma das razões possíveis para este aumento de entrada deimigrantes pode dever-se ao facto de terem ocorrido processos de regularizaçãoextraordinária de estrangeiros residentes em Portugal, respectivamente em 1992/1993(Decreto-Lei 212/92 de 12 de Outubro), 1996 (Lei nº 17/96 de 24 de Maio), 2001(Decreto-Lei nº 4/2001, de 10 de Janeiro, que regulamenta as Condições de Entrada,Permanência, Saída e Afastamento de Estrangeiros do Território Português, criando otítulo de Autorização de Permanência). Foi em 2001 que se registou o aumento maissignificativo desde 1981, situando-se na ordem dos 89,02%, segundo os dados do SEF.Como já referido no capítulo terceiro, em situações desta natureza, é normalobservar-se um acréscimo de processos de regularização de imigrantes ilegais, por razõesque advêm da rapidez de circulação das notícias entre imigrantes do mesmo gruponacional e étnico, espalhado por diferentes países da Europa e também pelo facto deserem comunidades transnacionais assentes em redes informativas, económicas, afectivasnão só com conterrâneos do espaço migratório onde se encontram, mas também com osvários pólos do espaço migratório e mesmo com o país de origem.A partir de 2005, segundo os dados do SEF, registou-se um decréscimo de 7,27%relativamente à população estrangeira residente em Portugal, cifrando-se em 414 659,tendência inversa à da maioria dos estados membros da Organização para a Cooperação eDesenvolvimento Económico (OCDE), onde as migrações internacionais, permanentes outemporárias, cresceram entre 10% e 11% relativamente ao ano anterior, tendo os
2
Estes dados do SEF referentes ao ano de 2007 são ainda provisórios.

Activity (5)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
Rui Almeida liked this
pedro5757 liked this
jduartesjm liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->