Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
24Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Internacionalização de Empresas

Internacionalização de Empresas

Ratings: (0)|Views: 3,074 |Likes:
Published by roberttamota
A literatura sobre o tema “internacionalização de empresa” ressalta, entre outros aspectos, a importância e o caráter crítico de duas das diversas decisões estratégicas a serem tomadas por uma organização no momento de empreender atividades internacionais, são elas: a “forma de entrada em mercados internacionais” e a “seleção de mercados”. Este trabalho tem como objetivo principal iniciar um estudo exploratório sobre estas decisões, considerando que o acerto das mesmas pode ser a diferença entre a continuidade ou a interrupção do processo de internacionalização de uma empresa. Para isso, realiza-se uma breve revisão das perspectivas teóricas sobre internacionalização e dimensões do conceito, buscando uma melhor compreensão sobre esta temática; posteriormente, o estudo enfoca as formas através das quais as empresas desenvolvem e conduzem suas atividades comerciais em outros países, resumindo as teorias e perspectivas sobre os possíveis caminhos estratégicos para empreender essas atividades internacionais; por fim, aborda-se a importância da seleção de mercados para uma efetiva inserção da empresa em âmbito internacional, centrando-se em aspectos do marketing internacional referentes aos fatores determinantes na seleção de mercados.
A literatura sobre o tema “internacionalização de empresa” ressalta, entre outros aspectos, a importância e o caráter crítico de duas das diversas decisões estratégicas a serem tomadas por uma organização no momento de empreender atividades internacionais, são elas: a “forma de entrada em mercados internacionais” e a “seleção de mercados”. Este trabalho tem como objetivo principal iniciar um estudo exploratório sobre estas decisões, considerando que o acerto das mesmas pode ser a diferença entre a continuidade ou a interrupção do processo de internacionalização de uma empresa. Para isso, realiza-se uma breve revisão das perspectivas teóricas sobre internacionalização e dimensões do conceito, buscando uma melhor compreensão sobre esta temática; posteriormente, o estudo enfoca as formas através das quais as empresas desenvolvem e conduzem suas atividades comerciais em outros países, resumindo as teorias e perspectivas sobre os possíveis caminhos estratégicos para empreender essas atividades internacionais; por fim, aborda-se a importância da seleção de mercados para uma efetiva inserção da empresa em âmbito internacional, centrando-se em aspectos do marketing internacional referentes aos fatores determinantes na seleção de mercados.

More info:

Published by: roberttamota on Nov 18, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/25/2013

pdf

text

original

 
1
Decisões Estratégicas no Processo de Internacionalização de Empresas: “Forma deEntrada” e “Seleção de Mercado”Robertta MotaMaio de 20073E’s – ANPADResumo
A literatura sobre o tema “internacionalização de empresa” ressalta, entre outros aspectos, aimportância e o caráter crítico de duas das diversas decisões estratégicas a serem tomadas por uma organização no momento de empreender atividades internacionais, são elas: a “forma deentrada em mercados internacionais” e a “seleção de mercados”. Este trabalho tem comoobjetivo principal iniciar um estudo exploratório sobre estas decisões, considerando que oacerto das mesmas pode ser a diferença entre a continuidade ou a interrupção do processo deinternacionalização de uma empresa. Para isso, realiza-se uma breve revisão das perspectivasteóricas sobre internacionalização e dimensões do conceito, buscando uma melhor compreensão sobre esta temática; posteriormente, o estudo enfoca as formas através das quaisas empresas desenvolvem e conduzem suas atividades comerciais em outros países,resumindo as teorias e perspectivas sobre os possíveis caminhos estratégicos para empreender essas atividades internacionais; por fim, aborda-se a importância da seleção de mercados parauma efetiva inserção da empresa em âmbito internacional, centrando-se em aspectos domarketing internacional referentes aos fatores determinantes na seleção de mercados.
Palavras-chave:
Internacionalização de empresas, Formas de Entrada e Seleção de Mercado.
1. Introdução
A globalização tem trazido excelentes oportunidades de ampliação de mercado para asempresas, entretanto também tem trazido concorrência para o mercado interno, através dainserção local de várias empresas e produtos estrangeiros. Por isso, com o aumento daconcorrência e das instabilidades nas condições de mercado, muitas empresas têm sidolevadas a pensar no mercado como global e não como mercado doméstico ou interno eestrangeiro ou externo. Estes fatores interferem no comportamento e nas decisões tomadas eesse ambiente altamente competitivo tem impulsionado as empresas a buscarem qualidade eeficiência, requisitos fundamentais para a sobrevivência no mercado globalizado.A mudança deste comportamento vem facilitando a percepção das diferenças eoportunidades e permitindo que as empresas passem a considerar modelos de inserção nomercado global através de um processo denominado “internacionalização de empresa”. Neste processo ela passa a empreender atividades comerciais em um país com característicasdiferentes do seu país de origem. A internacionalização é, portanto, a inserção da empresa nomercado externo e as sinergias resultantes deste processo alteram o referencial da empresa nadeterminação da produtividade exigida e no alcance de suas ações mercadológicas.Independentemente do setor analisado, qualquer empresa que opte pela possibilidadede internacionalizar seus negócios deve proceder a uma análise rigorosa das condiçõescompetitivas do mercado, ameaças e oportunidades, além da evolução interna de suascapacidades e dimensões estratégicas como as administrativas, financeiras, tecnológicas, de pessoal, mercadológicas etc. Ademais, a decisão de escolher uma estratégia de inserção emmercados internacionais deve levar em conta os objetivos desejados.
 
2Atuar em diversos mercados e, principalmente, ter a possibilidade de acesso a ummercado com características distintas do mercado interno aumenta, em vários sentidos, acapacidade de sobrevivência da empresa frente às dificuldades presentes. Entretanto, os processos de internacionalização não são simples e nem podem estar separados das estratégiascompetitivas das empresas.Por isso, é possível considerar que a internacionalização pode ser percebida como uma parte do processo estratégico contínuo de muitas empresas. A principal diferença entre ainternacionalização e outros tipos de processos estratégicos radica, em primeiro lugar, no fatode que, quando uma empresa decide transferir produtos ou serviços além de suas fronteiras,então, terá que selecionar onde e com quem fechará ditas transações internacionais. Emsegundo lugar, a empresa deverá selecionar como deseja fechar a transação, o que implicadecidir a forma de entrada nos mercados internacionais (ANDERSEN, 1997; BRADLEY,1998). Neste contexto, a importância e o caráter crítico, principalmente, das decisõesestratégicas referentes à forma de entrada em mercados internacionais ou estratégia deinternacionalização (como as empresas realizam suas operações) e à seleção de mercado(onde as empresas situam suas operações) têm sido ressaltadas na literatura sobre“internacionalização de empresas”. O acerto destas decisões pode ser a diferença entre acontinuidade ou a interrupção do processo de internacionalização de uma empresa.Portanto, este trabalho se propõe a realizar um estudo sobre estes aspectos ressaltandoas diferentes perspectivas sobre internacionalização e dimensões do conceito; as formasatravés das quais as empresas desenvolvem e conduzem suas atividades comerciais em outros países e a importância da seleção de mercados para uma efetiva inserção da empresa emâmbito internacional. Com isso, pretende-se também proporcionar ao leitor uma melhor compreensão sobre a temática estudada, através do esforço exploratório pela revisão teórica econceitual ao qual este artigo se propõe a realizar.
2. Internacionalização de Empresa: Perspectivas e Dimensões
A internacionalização da empresa é fenômeno que, desde diversas perspectivas, temdespertado o interesse de um grande número de pesquisadores. Entende-se por internacionalização, todo aquele conjunto de operações que facilitam o estabelecimento devínculos mais ou menos estáveis entre a empresa e os mercados internacionais, ao longo deum processo de crescente implicação e projeção internacional (WELCH e LOUSTARINEN,1988; ROOT, 1994; RIALP, 1999).Existem diferentes enfoques teóricos que tentam explicar o processo deinternacionalização das empresas (LEONIDOU e KATSIKEAS, 1996; MCDOUGALL,SHANE e OVIATT, 1994; O’FARRELL e WOOD, 1998). Alguns trabalhos descrevem ainternacionalização desde uma perspectiva econômica, englobam teorias puramente baseadasnos custos e nas vantagens econômicas da internacionalização (HYMER, 1976; VERNON,1966; DUNNING, 1981, 1988a, 1988b, 1992).Outros estudos consideram a internacionalização desde una perspectiva de processo,concebem a atuação internacional da empresa como um processo de compromissoincremental de aprendizagem baseado no acúmulo de conhecimentos e no incremento derecursos comprometidos nos mercados externos (JOHANSON e VAHLNE, 1977, 1990;JOHANSON e WIEDERSHEIM-PAUL, 1975; LEE e BRASCH, 1978; ALONSO eDONOSO, 1998; VERNON, 1966).Há também novas idéias que centram o processo de internacionalização como umdesenvolvimento lógico das redes inter-organizacionais e sociais das empresas (MITCHELL,1969; ROGERS e KINCAID, 1981; TICHY, 1981; WEIMAN, 1989) e algumas abordagens
 
3sobre o fenômeno conhecido como
born global 
, empresas internacionais de criação recenteque seguem um enfoque global desde sua criação ou que se internacionalizam nos dos primeiros anos de vida. Pode-se considerar este enfoque como uma nova perspectivaemergente do processo de internacionalização, devido à abundante literatura que tem tratadode explicar tal fenômeno e que resulta de grande utilidade para entender a internacionalizaçãoda empresa no século XXI (JOLLY, ALAHUHTA e JEANNET, 1992; KNIGHT eCAVUSGIL, 1996; MADSEN e SERVAIS, 1997; MCAULEY, 1999; FILLIS, 2000;MCDOUGALL, SHANE e OVIATT, 1994; OVIATT e MCDOUGALL, 1994, 1995, 1997;PLÁ BARBER e COBOS CABALLERO, 2002).Seguindo com as definições desenvolvidas na literatura, Welch e Luostarinen (1988)ofereceram uma ampla estrutura para avaliar a internacionalização em varias dimensiones
1
 diferentes que levaram em conta a diversidade das operações internacionais.Segundo Welch e Luostarinen (1988), enquanto segue o debate sobre a natureza do processo de internacionalização, fica uma importante pergunta a responder: Por queinternacionalização? Que fatores levam uma empresa de pequeno ou nenhum envolvimentointernacional a, em alguns casos, um envolvimento internacional extenso? Como o exposto por Starbuck (1971, Apud WELCH e LUOSTARINEN, 1988), o crescimento não éespontâneo, é o resultado de uma decisão, portanto, se é para compreender os processos, entãose deve explicar porque uma empresa empreende envolver-se em operações internacionais. Não basta ser uma empresa com recursos e oportunidades no entorno, a internacionalizaçãodeve ser pretendida e deve ser ativada por um empresário que toma as decisões-chave e leva acabo a internacionalização (ANDERSSON, 2000). Assim, dado o papel central dosempresários na internacionalização da empresa (WESTHEAD
et al.
2001; MIESENBOCK,1988), é importante esclarecer por que o este empreende entrar no mercado internacional eidentificar as forças impulsionadoras que influem nas percepções do mesmo, decisões e açõesque, conseqüentemente, levam a empresa ao envolvimento em mercados internacionais.Entretanto, para descrever o papel das forças impulsionadoras, Wiedersheim-Paul
et al.
(1978, p. 51) se referem a elas como “fatores ou influências que levam uma empresa aconsiderar a exportação como uma possível estratégia” que representam os “sinais de alerta”com relação às decisões sobre o comportamento “pre-exportação”. Como exposto por Aharoni (1966, p.13), o processo de decisão do investimento estrangeiro envolve “umaestrutura intrincada de atitudes e opiniões, as relações sociais dentro e fora da empresa, e amaneira que tais atitudes, opiniões e relações sociais estão se modificando. Contem várioselementos do comportamento individual e organizacional, influenciados pelo passado e pela percepção do futuro, assim como pelo presente. É composto por um grande número dedecisões feitas por pessoas diferentes em diferentes épocas”. Explicando ou predizendo o processo de internacionalização, de acordo com Bilkey (1978), “um grande número devariáveis influencia o comportamento exportador das empresas”, mas “a simples relação dasrazões para exportar, estímulos à exportação etc., provavelmente, não gera algum progresso”(MIESENBOCK, 1988, p.50). “O ponto crucial deste problema está na falta de uma teoriaapropriada” (ANDERSEN, 1993, p.217).Por outro lado, desde que “a internacionalização das empresas não seja conceitounidimensional (a ser analisado apenas através da dimensão operacional), mas sim umconceito multidimensional” (LUOSTARINEN, 1994, p.12), deve-se decidir que dimensionesda internacionalização são de interesse. Comparado com as decisões como: o tipo de produto,número e qualidade de pessoal, estrutura organizacional, aspectos financeiros etc., atividadescomuns em qualquer estratégia de crescimento, “a forma ou estratégia de entrada” e “aseleção de mercado” são considerados como os componentes principais e característicasdistintivas da internacionalização e outros tipos de estratégias de crescimento (BRADLEY,1998; ANDERSEN, 1997).

Activity (24)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Carina Fernandes liked this
Bruno Lopes liked this
Tomas Geraldes liked this
Verónica Pinho liked this
Cândida Borges liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->