Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
45Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
FISIOLOGIA DA AUDIÇÃO

FISIOLOGIA DA AUDIÇÃO

Ratings:

3.0

(1)
|Views: 4,412 |Likes:
Published by ursulagalvao
Relata a fisiologia da audiçao fazendo referência também a anatomia
Relata a fisiologia da audiçao fazendo referência também a anatomia

More info:

Categories:Types, Resumes & CVs
Published by: ursulagalvao on Nov 28, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/17/2013

pdf

text

original

 
FISIOLOGIA DA AUDIÇÃO
A orelha externa possui a função de coletar e encaminhar as ondassonoras até a orelha média, amplificar o som, auxiliar na localização, e proteger a orelha média e interna. O meato acústico externo transfere e amplifica o sompara a orelha média principalmente em freqüências de 2000 a 5000 Hz, sendomáxima entre 2000 e 3000 Hz (aproximadamente 20dB). Também serve paraauxiliar na localização da fonte sonora, que consiste na impressão de volumesonoro causada pela aplicação de pressão sobre as orelhas. Há o efeitosombra da cabeça, no qual ondas de pequeno comprimento são bloqueadaspela cabeça e a pressão sonora é reduzida no lado oposto à fonte sonora.Entretanto, a principal função da orelha externa é proteção da membranatimpânica, além de manter um certo equilíbrio de temperatura e umidadenecessários à preservação da elasticidade da membrana.1.Orelha externa2.Orelha média3.Orelha internaA orelha média trata-se de uma “bolsa” (câmera estreita, localizada naparte petrosa do osso temporal) preenchida por ar, comunica-se com anasofaringe através da tuba auditiva (tem função de igualar a pressão daorelha média com a atmosférica). Possui em seu interior a cadeia ossicular,composta por: martelo (em contato direto com a membrana timpânica); bigornae estribo (em contato com a cóclea através da janela oval).
 
123
 
Seu papel mais importante é a equalização das impedâncias da orelhamédia (vibrações aéreas que invadem a membrana timpânica) e da interna(vibrações de pressão nos compartimentos líquidos da orelha interna).Sob o impacto de ondas sonoras sucessivas a membrana timpânica vibrano seu todo, deslocando-se para dentro e para fora da orelha média (fases decompressão e rarefação), como um pistão, juntamente com o cabo do martelo,ao qual está intimamente fixado. O deslocamento da membrana timpânicaapresenta a capacidade de variar de amplitude em cada zona da membranatimpânica de acordo com a freqüência sonora, porém o deslocamento máximosempre ocorre na região póstero-superior.A cadeia ossicular transmite a vibração acústica desde a membranatimpânica até a base do estribo, passando pelo martelo e bigorna. Há umaperda da transmissão da onda sonora do meio para o meio líquido, e a orelhamédia serve para corrigir essa perda para o meio líquido da cóclea. Isso ocorrepor 2 mecanismos:
1.
Mecanismo hidráulico: responsável pelo aumento da pressão quechega à janela oval de 17 – 25 vezes (aproximadamente 26 dB).2.Mecanismo de alavanca martelo-bigorna: esses ossículos vibramem conjunto em torno do seu eixo de rotação, aumentando apressão acústica numa relação de 2:1.O eixo de rotação é, a princípio, fixo e é formado pela linha que une oligamento anterior do martelo ao ligamento posterior da bigorna. O movimentode deslocamento da cadeia ossicular é complexo e compreende doismovimentos: de rotação (já descrito), que ocorre nas freqüências baixas e o detranslação, que ocorre nas freqüências altas e pode ser mais proeminente quea rotação.A amplificação global da pressão transmitida da membrana do tímpanoaté a platina do estribo é de 22 vezes, correspondendo a 27-35 dB. Portanto, aadaptação da impedância entre o meio aéreo e a cóclea é indispensável à boatransmissão sonora. Sem este mecanismo de adaptação de impedâncias,haveria uma perda auditiva de aproximadamente 30 dB.
OBS.:
 Os ossículos da audição, desse modo, aumentam a força (pressão),mais diminuem a amplitude das vibrões transmitidas da membranatimpânica.A cóclea consiste em três tubos enrolados lado a lado: (1) rampa dovestíbulo; (2) rampa média e (3) rampa do tímpano. Sobre a superfície damembrana basilar fica o órgão de Corti, que contêm as células ciliadas. Elessão órgãos receptores terminais que geram impulsos nervosos em resposta àsvibrações sonoras, ou seja, responsável pela transdução de energia acústica(mecânica) em energia elétrica. A membrana de Reissner separa a rampa dovestíbulo da rampa média, e a membrana basilar da rampa média para arampa do tímpano. A membrana tectórica separa a rampa média do órgão deCorti.Há predomínio intenso de pressão acústica das ondas que chegam à janela oval em relação às que chegam à janela redonda e as ondas alcançamas janelas em oposição de fase: compressão na janela oval e rarefação naredonda. Esta diferença de pressão acústica e de fase entre as duas janelas é
 
indispensável para a mobilização da perilinfa e conseqüente ativação damembrana basilar que aloja o órgão de Corti.A impedância de entrada da energia sonora na orelha interna depende dapressão acústica na rampa vestibular (janela oval), da pressão acústica naplatina do estribo (janela oval => rampa vestibular) e do volume de perilinfadeslocado pela platina por unidade de tempo. Os movimentos da platina sãolimitados pela inércia da perilinfa e pela extensibilidade da membrana basilar.Portanto, a impedância da orelha interna é "resistiva", tendo comoconseqüências: toda a energia acústica incidente dissipa-se na cóclea e asressonâncias que aparecem na orelha média são amortecidas. Ou seja, asvibrações sonoras penetram na rampa do vestíbulo a partir da platina doestribo na janela oval. A platina cobre essa janela e é ligada às bordas da janela por um ligamento anular relativamente frouxo, de modo que ela podemovimentar-se para dentro e para fora com as vibrações sonoras.Durante a transmissão sonora através da cadeia ossicular, a platina doestribo se projeta para o interior do vestíbulo pela janela oval, impulsionando aperilinfa. Como esse líquido se encontra dentro de uma caixa óssea rígida apressão aplicada acaba sendo direcionada inferiormente sobre a membranabasilar e anteriormente em direção ao ápice; com isso, a onda mecânica sedesloca ao longo da rampa vestibular, atinge o helicotrema e retorna pelarampa timpânica alcançando por fim a janela oval, empurrando-a em direção àcaixa timpânica.

Activity (45)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Elaine Lima liked this
July Ane Martins liked this
Joâo Ferreira Ferreira added this note
é mto bom saber sobre o nsso aparelho auditivo
Flavio Oliveira liked this
Lucas Cruz liked this
MoniseAraujo liked this
Stella Oliveira liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->