Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
164Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
relatório de química orgânica (desidratação dos álcoois)

relatório de química orgânica (desidratação dos álcoois)

Ratings: (0)|Views: 39,426|Likes:
Published by Gabi Bitto
Relatório de química orgânica

Desidratação de álcoois:
Obtenção do cicloexeno a partir do cicloexanol
Reações de Caracterização
Relatório de química orgânica

Desidratação de álcoois:
Obtenção do cicloexeno a partir do cicloexanol
Reações de Caracterização

More info:

Published by: Gabi Bitto on Nov 28, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, DOC, TXT or read online from Scribd
See More
See less

08/08/2013

pdf

text

original

 
Relatório de química orgânica
D
ESIDRATAÇÃO
 
DE
 
ÁLCOOIS
:
O
BTENÇÃO
 
DO
 
CICLOEXENO
 
A
 
PARTIR
 
DO
 
CICLOEXANOL
R
EAÇÕES
 
DE
C
ARACTERIZAÇÃO
 
Discentes:Gabriela Bitto de OliveiraLarissa Fernandes BatistaJosé Carlos de Oliveira Junior Docente: Beatriz Eleutério GoiDisciplina: Química OrgânicaCurso:Engenharia Ambiental1° ano
Presidente Prudente, 27 de novembro de 2009
UNESPFACULDADE DE CIÊNCIA E TECNOLOGIAFCT – Campus de Presidente Prudente
Unesp
 
Índice
Introdução ..............................................................................................................................1Objetivos .................................................................................................................................6 Matérias ..................................................................................................................................6Metodologia ............................................................................................................................7Resultados e Discussões .........................................................................................................8Conclusão ..............................................................................................................................10ApêndiceApêndice A ...............................................................................................................11 
Questões
Apêndice B ................................................................................................................12 
Teoria no laboratório
Bibliografia ..........................................................................................................................14
Presidente Prudente, 27 de novembro de 2009
1
 
Introdução
Álcoois
Os álcoois são geralmente ácidos ligeiramente mais fracos do que a água, com valores de pKa entre 16 e 18. Os álcoois são compostos versáteis, e podem ser usados como material de partida para a preparação de uma grande variedade de compostos.Os álcoois podem ser classificados de duas maneiras:De acordo com o número de hidroxilas:· 1 hidroxila - monoálcool ou monol· 2 hidroxilas - diálcool ou diol (também chamado glicol)· 3 hidroxilas - triálcool ou triol· Várias hidroxilas - poliálcool ou poliolQuanto à posição da hidroxila:· OH em carbono primário - álcool primário· OH em carbono secundário - álcool secundário· OH em carbono terciário - álcool terciário.As moléculas dos álcoois, por possuírem o grupo polar OH, pode-se dizer, são ligadas entresi pelos mesmos tipos de forças intermoleculares que agregam as moléculas de água umas às outras- as ligações de hidrogênio. Nesses álcoois, que são líquidos incolores voláteis e de cheiro característico, o grupo OHconstitui importante porção da molécula. Com o aumento da cadeia carbônica, todavia, o grupo OHcomeça a perder importância, pois a maior parte da molécula é um hidrocarboneto. Os álcoois entãose tornam mais viscosos, menos voláteis e menos solúveis em água, até chegarmos a álcoois demassa molecular tão elevada que são sólidos e insolúveis em água. A viscosidade e a solubilidadedos álcoois em água também aumenta se o número de hidroxilas aumentar. Quanto maior o númerode grupos OH, mais intensas serão as interações intermoleculares e maior serão os pontos de fusão eebulição dos álcoois. propriedades químicasO grupo OH dos álcoois é a sua parte mais reativa, e estes compostos podem reagir de duasmaneiras: rompendo a ligação O-H ou rompendo a ligação C-OH. Neste último caso, sendo o grupoOH um péssimo abandonador, ou seja, difícil de retirar de uma molécula, geralmente utiliza-se protonar o grupamento, para facilitar a sua saída. Estudando o comportamento químico dos álcoois, pode-se conhecer muito do comportamento químico do grupo hidroxila em outros compostos.Os álcoois funcionam como substâncias anfóteras, isto é, comportam-se às vezes como ácido eàs vezes como base, ambos muito fracos. Isso vai depender principalmente da natureza do outroreagente. A acidicidade dos álcoois se deve ao fato de existir um hidrogênio ligado a um átomomuito eletronegativo, o oxigênio. O caráter ácido dos álcoois segue a seguinte ordem deintensidade: álcool primário > álcool secundário >álcool terciário. Isso ocorre por causa do efeitoindutivo +I do grupo alquilo. Quanto mais radicais existirem, maior será a densidade eletrônica nooxigênio, e mais fortemente ligado estará o hidrogênio.As principais reações dos álcoois são:1. Desidratação2. Eliminação em dióis3. Eliminação em álcoois cíclicos4. Reação com HX diluído5. Reação com HI concentrado6. Reação com cloreto de tionila7. Reação com haletos de fósforo8. Reação com ácidos (Esterificação)9. Reação com aldeídos ou cetonas10. Reação com cloretos de ácidos
Presidente Prudente, 27 de novembro de 2009
2

Activity (164)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Patrik Rocha liked this
Thaís Balbino liked this
Welma Beatriz liked this
Roberta Albino liked this
Pipoka Light liked this
SamiaLuvanice liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->