Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
122Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
História do Futsal

História do Futsal

Ratings:

4.78

(67)
|Views: 148,798 |Likes:
Published by futsal

More info:

Published by: futsal on Apr 03, 2008
Copyright:Public Domain

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

10/18/2013

pdf

text

original

 
Origem do Futsal 
O FUTEBOL DE SALÃO tem duas versões sobre o seu surgimento,e, tal como em outras modalidades desportivas, há divergências quantoa sua invenção. Há uma versão que o FUTEBOL DE SALÃO começou aser jogado por volta de 1940 por frequentadores da Associação Cristã deMoços, em São Paulo, pois havia uma grande dificuldade em encontrarcampos de futebol livres para poderem jogar e então começaram a jogarsuas ''peladas'' nas quadras de basquete e hóquei.No início, jogavam-se com cinco, seis ou sete jogadores em cadaequipe, mas logo definiram o número de cinco jogadores para cadaequipe. As bolas usadas eram de serragem, crina vegetal, ou de cortiçagranulada, mas apresentavam o problema de saltarem muito efreqüentemente saiam da quadra de jogo, então tiveram seu tamanhodiminuído e seu peso aumentado, por este fato o FUTEBOL DE SALÃOfoi chamado o ''ESPORTE DA BOLA PESADA''. Temos também a versãoque considero como a mais provável, o FUTEBOL DE SALÃO foiinventado em 1934 na Associação Cristã de Moços de Montevidéu,Uruguai, pelo professor Juan Carlos Ceriani, que chamou este novoesporte de ''INDOOR-FOOT-BALL''.Destaca-se em São Paulo o nome de Habib Maphuz que muitotrabalhou nos primórdios do futebol de salão no Brasil. O professor daACM de o Paulo, Habib Maphuz no início dos anos cinqüentaparticipou da elaborão das normas para a ptica de váriasmodalidades esportivas, sendo uma delas o futebol jogado em quadras,tudo isto no âmbito interno da ACM paulista, este mesmo salonistafundou a primeira liga de futebol de Salão, a Liga de Futebol de Salãoda Associação Cristã de Moços e após foi o primeiro presidente daFederação Paulista de Futebol de Salão e foi também colaborador deLuiz Gonzaga de Oliveira Fernandes a elaborar o primeiro livro deregras de Futebol de Salão editada no mundo, em 1956.A Federação Uruguaia de Futebol de Salão em 19 de maio de 1982informou uma relação de professores que introduziram o FUTEBOL DESALÃO no Brasil: José Rothier. Aníbal Monteiro, Silas Raedes, JoséRodes, no Rio de Janeiro, Alfonso Lopes Pinto, Ernesto Oppliger emPorto Alegre, Julian Haranczyk, Willy Prellwitz em São Paulo, e RomeuPires Osório, Daniel Alves de Oliveira em Sorocaba, relação esta feitapor Juan Carlos Ceriani. Apesar das divergências, o que concluímos éque o FUTEBOL DE SALÃO nasceu na Associação Cristã de Moços, ouna década de trinta em Montevidéu ou na década de quarenta em SãoPaulo, a primeira regra publicada foi editada em 1956 feita por LuizGonzaga de Oliveira Fernandes em São Paulo, Juan Carlos Ceriani eHabib Maphuz professores da ACM o os pais do FUTEBOL DESALÃO, este esporte relativamente novo, que é sem nenhumacontestação o segundo esporte no Brasil, somente atrás do futebol, e
 
atualmente o esporte em maior crescimento em todo mundo,possivelmente olímpico em breve.Em 28 de Julho de 1954 foi fundada a Federação Metropolitana deFutebol de Salão, atual Federação de Futebol de Salão do Estado do Riode Janeiro, a primeira federação estadual do Brasil, sendo Ammy deMoraes seu primeiro presidente. Neste mesmo ano foi fundada aFederação Mineira de Futebol de Sao. Em 1955 foi fundada aFederação Paulista, em 1956 iniciaram as Federações Cearense,Paranaense, Gaúcha e Baiana. Em 1957 a Catarinense e a Norte RioGrandense, em 1959 a Sergipana. Na década de 60 foram fundadas asFederações Pernambucana, Brasiliense, Paraibana, na de 70 a Acreana,a do Mato Grosso do Sul, a Goiana, a Piauense, a Mato Grossense, e aMaranhense, nos anos 80 á a Amazonense, a de Rondônia, a do Pará, aAlagoana, a Espiritossantense e a Amapaense. E nos anos 90 as maisnovas a Roiramense e a Tocantinense.O Futebol de Salão brasileiro tinha no seu inicio, em meados dosanos cinquenta várias regras, foi então que em 05 de fevereiro de 1957o então presidente da Confederação Brasileira de Desportos, CBD,Sylvio Pacheco criou o Conselho Técnico de Assessores de Futebol deSalão para conciliar divergências e dirigir os destinos do futebol desalão no Brasil.Foram eleitos para este conselho com mandato de três anos: Ammyde Moraes (Guanabara), Luiz Gonzaga de Oliveira Fernandez (SãoPaulo), Roberto José Horta Mourão (Minas Gerais), Roberval Pereira daSilva (Estado do Rio), Utulante Vitola (Paraná). Devemos citar que nestemesmo ano de 1957, em Minas Gerais, houve uma tentativa de fundar-se a Confederação Brasileira de Futebol de Salão, a ata foi encaminhadaao Conselho Nacional de Desportos, mas o CND não acatou tal ata quefoi registrada dia 30 de setembro de 1957 com o nº 2.551. Esta situaçãocomo conselho subordinado a CBD perdurou até 1979. Em 15 de junhode 1979, no auditório do 2º andar da CBD, à Rua da Alfandêga nº70,Rio de Janeiro, às 15 horas, foi realizada a Assembléia Geral quefundou a Confederação Brasileira de Futebol de Salão, tendo sido eleito,para o peodo 1980/1983, como presidente, cio de BorbaVasconcelos, dirigente maior da CBFS que hoje congrega 27 Federaçõesestaduais, mais de 4.000 clubes e 310.000 atletas inscritos.Em 14 de setembro de 1969, em Assuão, Paraguai com apresença de João Havelange presidente da CBD, Luiz Maria Zubizarretapresidente da Federação Paraguaia de Futebol e Carlos BustamanteAra presidente Associão Uruguaia de Futebol foi fundada aConfederação Sul Americana de Futebol de Salão - CSAFS, tambémrepresentou o Brasil nesta reunião Luiz Gonzaga de Oliveira Fernandes.Em 25 de Julho de 1971 em São Paulo numa iniciativa da CBD e daCSAFS, com a presença de representantes do Brasil, Argentina, Bolívia,Paraguai, Peru, Portugal e Uruguai foi fundada a Federação
 
Internacional de Futebol de Salão - FIFUSA, o seu primeiro presidentedo conselho executivo foi João Havelange, que comandou de 1971 á1975, mas devido seus compromissos com o futebol, tanto da CBD,como na FIFA, quem realmente dirigiu a FIFUSA neste período foi seusecretário geral Luiz Gonzaga de Oliveira Fernandes. Em 1975 assumiuWaldir Nogueira Cardoso, mas realmente os melhores anos destaimportante entidade foram a partir de 1980 sob a présidência de Januário D'Alécio que iniciou sua gestão realizando o I Pan Americanode Futebol de Salão no México, com a participação de Brasil, México,Paraguai, Uruguai, Argentina, Bolívia e Estados Unidos, ganho peloBrasil. E aí Januário A’Alecio realizou seu maior sonho, em 1982, noginásio do Ibirapuera, em o Paul,o o I Campeonato Mundial deFutebol de Salão, com a participação de Brasil, Argentina, Costa Rica, Tchecoslováquia, Uruguai, Colômbia, Paraguai, Itália, México, Holandae Japão. Vencemos a final do Paraguai por 1x0 com gol de Jackson,foram campeões neste mundial Pança, Barata, Beto, Walmir, Paulosar, Paulinho Rosas, Leonel, Branquinho, Ca, Paulo Bonfim, Jackson, Jorginho, Douglas, Carlos Alberto, Miral, treinados por CésarVieira.A partir daí o futebol de salão começou a perturbar o futebolassociation e a FIFA começou a criar muitas dificuldades para todas ascompetições patrocinadas pela FIFUSA, e ameaçava nos jornais daépoca em redigir novas regras para o “futebol de cinco” e noticiava queiria patrocinar um mundial. Mas neste affair quem nunca esmoreceu foi Januário D'Alécio que lutou, enquanto pode, contra a fortíssima FIFA.Em 1985 realizou-se na Espanha o II Mundial de Futebol de Salãopatrocinado pela FIFUSA com novamente vitória do Brasil, e, em 1988foi realizado, na Austrália, o III Mundial, com a vitória do Paraguai. Emsetembro de 1988, Álvaro Melo Filho, na qualidade de Presidente daCBFS, face as dificuldades da FIFUSA e projetando um futuro melhorpara o Futebol de Sao, aceitou convite para encontro no Rio de Janeiro, arquitetado pelo dirigente do Bradesco Ararino Sallum,iniciando negociações com o então Presidente da FIFA João Havelange eseu Secretário Geral Joseph Blatter que veio ao Brasil especialmentepara tratar de Futsal, visando a que a FIFA encampasse a FIFUSA epassasse a comandar, internacionalmente, o Futsal. Em janeiro de1989, Álvaro Melo Filho autorizou a equipe do Bradesco a representar oBRASIL, na Holanda, no 1º Mundial de Futsal da FIFA, obtendo o títulode campeão mundial.É interessante assinalar que o Brasil que havia perdido o últimomundial da FIFUSA (nov/88), recuperou o título no 1º Mundial da FIFA(jan/89), ou seja, menos de dois meses depois. Logo após este MundialÁlvaro Melo Filho, contando com a anuência e presença de JanuárioD'Alécio (Presidente da FIFUSA), participou de várias reuniões na FIFA,ao longo do ano de 1989, onde sempre teve presença e atuaçãodestacada, dentre outros, o Secretario Geral da FIFA e hoje seu

Activity (122)

You've already reviewed this. Edit your review.
Dayane Rodrigues added this note
eu sou dayane rodrigues lima e tenho 13 anos
1 hundred reads
1 thousand reads
1 hundred thousand reads
Kiscyla Gomes added this note
foio muiito bem explicado, pelo menos para mim..
Brenope de Andrade added this note
gostei bastante da historia do futsal de salão obg me ajudou bastante
Lucas Oliveira added this note
E muito zica
Vaninha Santos added this note
legaaaaaaaaaaal

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->