Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
36Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
IRONIA E MAIÊUTICA

IRONIA E MAIÊUTICA

Ratings: (0)|Views: 15,515|Likes:
Published by sgtdanilosilva

More info:

Published by: sgtdanilosilva on Dec 20, 2009
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, DOC, TXT or read online from Scribd
See More
See less

06/17/2013

pdf

text

original

 
IRONIA E MAIÊUTICA
Sócrates dizia que a filosofia não era possível enquanto o indivíduo não se voltasse para si pprio e reconhecesse suas limitações. "Conhece-te a ti mesmo" era seu lema.Sócrates procura o conceito. Este é alcançado através de perguntas. As perguntas têm umduplo caráter: ironia e maiêutica. Na ironia, confunde o conhecimento sensível e dogmático. Sócrates costumava iniciar umaconversação fazendo perguntas e obtendo dessa forma opiniões do interlocutor, opiniõesque ele aparentemente aceitava. Depois, por meio de um interrogatório hábil, desenvolviaas opiniões originais do tal interlocutor, mostrando a tolice e os absurdos das suas opiniõessuperficiais, através das consequências contraditórias ou absurdas destas mesmas opiniõese a confessar o seu erro ou a sua incapacidade para alcançar uma conclusão satisfatória.Esta primeira parte do método de Sócrates, destinada a levar o indivíduo à convicção doerro, é a ironia. Na maiêutica, dá à luz um novo conhecimento, um aprofundamento que não chega aoconhecimento absoluto. Ele comparava frequentemente este método com a profissão damãe: era possível trazer a verdade à luz. Assim, ele voltava-se para os outros,quer fossemadolescentes, militares ou sofistas consagrados como Protágoras e Górgias, e interrogava-os a respeito de assuntos que eles julgavam saber.O seu sentido de humor confundia osseus interlocutores, que acabavam por confessar a sua ignorância, da qual Sócrates extraíasabedoria. Um exemplo clássico da aplicação da maiêutica é um diálogo platónico(intitulado Mênon), no qual Sócrates leva um escravo ignorante a descobrir e formular vários teoremas de geometria.
LÓGICA ARISTOTÉLICA
A lógica aristotélica é o estudo formal mais moderno dalógicana atualidade, desenvolvido pelofilósofo grego Aristóteles, naAntigüidade. Compreende o maior desenvolvimento de teoria lógica, que foi respeitado durante séculos:Kant, que estava dez vezes mais distante
 
de Aristóteles do que nós, assegurou que nada de significante foi adicionado a lógica deAristóteles durante dois milênios. No último século a reputação de Aristóteles teve duas grandes reviravoltas. O nascimentoda chamada lógica moderna, através do trabalho deGottlob FregeeBertrand Russell, trouxeram a tona sérias limitações da lógica aristotélica. Hoje, poucos tentariam manter que é adequado como uma base da compreensão cientifica e matemática. Ao mesmo tempoalunos treinados em técnicas formais modernas começaram a ver Aristóteles com maisrespeito, não só pela clareza de seus resultados, mas também pelo notável trabalho dele emlógica modernaO trabalho dalógicadeAristótelesé concentrado em seis textos que são conhecidos, de forma coletiva, como o
("instrumento"). Dois desses textos, em particular, o
 Primeiras Analíticas
e a
 Interpretação
, contêm o mais importante pensamento deAristóteles sobre o tratamento das sentenças einferênciaformal.

Activity (36)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Quezia Dias Reges added this note|
bbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb 3
Arthur Dantas liked this
Arthur Dantas liked this
Raíssa Silva liked this
profnem liked this
Márcia Blein liked this
guiguigoiabeira liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->