Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword or section
Like this
8Activity

Table Of Contents

0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Atualidades - Apostila Vestcon

Atualidades - Apostila Vestcon

Ratings: (0)|Views: 484 |Likes:
Published by luanakeila

More info:

Published by: luanakeila on Jan 05, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

01/17/2013

pdf

text

original

 
 
ATUALIDADES
Apresentação
 
Nos últimos anos, as principais instituições responsáveis pela organização deconcursos públicos no Brasil, como o Cespe/UnB, a Esaf, o NCE/UFRJ,Cesgranrio, entre outras, vêm mudando a proposta básica de seus trabalhos,principalmente na forma de elaboração das provas e nos programas (conteúdos) aserem exigidos dos candidatos.Entre as mudanças, uma muito interessante é quanto à exigência de um servidorpúblico-cidadão, e, para que isso ocorra, incluíram um conteúdo, normalmentedenominado de atualidades, na área de conhecimentos gerais. É óbvio que umservidor público consciente de sua cidadania possui um maior compromisso políticoe social, com a conseqüente melhor prestação de seus serviços à sociedade, naqual a qualidade de seu trabalho passa a se destacar não em detrimento, mas sesomando ao bom atendimento à população.Outro fator importante para o conteúdo de atualidades a ser explorado nas provasde concurso público é que ele se transforma no principal instrumento na propostade um conteúdo interdisciplinar e contextualizado. Portanto, é muito útil para seutilizado em conjunto com a maioria dos demais assuntos a serem questionados,como informática, língua portuguesa, meio ambiente, direito, etc.Normalmente, a maioria dos candidatos a concursos, quanto ao conteúdo deatualidades, comete falhas em sua preparação para as provas ao menosprezarema importância do conteúdo de atualidades no resultado final das provas, fazendo oseguinte discurso: para o conteúdo de atualidades, basta ler revistas e jornais epronto, estou preparado. É óbvio que ficar sabendo dos acontecimentos etransformações, que um mundo cada vez mais globalizado está produzindo, éimportante, mas não são muito proveitosas essas informações sem oacompanhamento de um contexto histórico, pelo menos dos fatos mais importantesdas últimas décadas. Isso porque a realidade dialética, quanto a causas e efeitos,nos mostra que o momento atual resulta de fatos importantes do passado,principalmente do pós-Segunda Guerra e, sem essas informações, fica difícilordenar os acontecimentos atuais e, mais complicado ainda, projetar possibilidadesviáveis de resultados na forma de organização e funcionamento das sociedadesnum futuro próximo.Portanto, esse conteúdo tem como maior objetivo auxiliar as pessoas interessadasna compreensão do necessário quanto aos assuntos e das formas de cobrança doconteúdo de atualidades como vêm ocorrendo nos concursos públicos no país.
Boa sorte
 
 
 
O Mundo em TransformaçãoATUALIDADES ECONÔMICAS, POLÍTICASE SOCIAIS
 
Os acontecimentos do dia 11 de setembro de2001, que culminaram com a destruição do
 “World Trade Center” 
em
Nova Iorque
ecom a parte oeste do prédio do Pentágono em
Washington/DC
nos
EUA
, não podem serencarados como um fato isolado, que apósalgum tempo será esquecido e substituído pornovos fatos. Na realidade, este acontecimentoé precedido de momentos tambémimportantes, mas em menor escala deimportância global. O 11 de setembrotambém antecede mudançasnos acontecimentos, que nos próximos anos,deverão alterar de forma significativa ocomportamento dos
EUA
, a nação maispoderosa do planeta, modificando suasrelações com os demais países e interferindono modo de vida dos cidadãos de todo omundo. Também não pode ser analisadosomente de acordo com uma variável ou umato terrorista e, sim, de acordo com asvariáveis - econômicas, políticas, sociais,geoestratégicas, ambientais e culturais.
 
Enfim, o dia 11 de setembro de 2001, como fato histórico e nãocronológico, indica o primeiro dia do século 21, só que este dia nãoterminou, pois terá desdobramentos e, é certo, que os
EUA
iriaresponder à agressão sofrida, basta lembrar que o governo norte -americano rapidamente mudou o critério de interpretação ao atosofrido, classificando o 11 de setembro não mais como ato terroristae, sim, como ato de guerra, pois assim, poderia responder aoataque, inclusive com o apoio da ONU.Como veio a ocorrer, ao atacar a teocracia dos talebans noAfeganistão em 2002, e a guerra contra o Iraque em 2003.
FATOS QUE PRECEDERAM O DIA 11
 
DE SETEMBRO DE 2001
 
A Política Externa dos EUA
 
Com o retorno dos republicanos ao poder, o país mais poderoso domundo passa a se comportar de forma mais impositiva em relaçãoaos seus principais parceiros e, principalmente, quanto aos paísesdo sul.
 
George W. Bush
defendeu em campanha: “governar de costaspara o mundo e de frente para os EUA”. Numa posição clara derecrudescimento nas relações externas.Recentemente, ementrevista, George W. Bush se auto-denominou como o presidente
 
 
da guerra.
 
O governo republicano de George W. Bush
 
Em janeiro de 2001 os
EUA
não participam oficialmente do FórumEconômico Mundial em
Davos
, na
Suíça
, comprovando a propostade campanha de “governar de costas para o mundo e de frente paraos
EUA
”.
 
Os
EUA
retomam o desenvolvimento tecnológico com objetivoestratégico militar acelerando o projeto Guerra nas Estrelas (
Star Wa
), gerando protestos mundiais quanto aos riscos de provocarnova corrida armamentista, pois outros países serão obrigados adesenvolver seus projetos armamentistas. Protestos estes vindosprincipalmente da
China Popular
e da
Rússia
, que mesmo sendoparceiros dos
EUA
, podem avançar em seus projetos de defesaespacial.
 
Os
EUA
avançam nas pesquisas e na reconstrução de laboratórios ecentros de pesquisas no interior do país para desenvolver novasarmas químicas e biológicas, rompendo os acordos internacionais dopós - segunda Guerra.Ao mesmo tempo que identifica o eixo do mal formado pela Coréiado Norte, Iraque e Irã e, mais recentemente classificou Cuba,Venezuela e Brasil como eixo do mal da América Latina.O presidente norte - americanotorna público que vai conseguirautorização ou o ajuste rápido(
fast track 
) do Congresso de seupaís para implantar a
Alca – Áreade Livre Comércio dasAméricas.
 Com o 11 de setembro, oCongresso dos EUA aprovam oTAP – Permissão para AcordosComerciais, mesmo não tendo amaioria de republicanos.Passa a reduzir rapidamente osimpostos e os juros internos,demonstrando que sua economiaestá entrando em recessão,provocando elevado déficit fiscal ecomercial.Em julho de 2003 os
EUA
 reduzem os juros internos para1% ao ano, são os juros internosmais baixos desde 1958.Em 2004, voltou a elevar os jurosinternos para 2% ao ano, numclaro aviso aos países periféricoscomo o Brasil, que vai retornar apolítica de atração dos

Activity (8)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
Defenseur liked this
PauloCesarNunes liked this
LuizS liked this
jriosjesus liked this
cavaco511 liked this
war7 liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->