Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
80Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Apostila de Deontologia OAB/RJ

Apostila de Deontologia OAB/RJ

Ratings:

4.7

(20)
|Views: 9,718 |Likes:
Published by dra.patricia.adv
Galera, tô deixando disponível pq eu tenho coinsciência social de que nem todos podem pagar R$ 600,00 a R$ 800,00 para fazer um preparatório pra 1ª fase da OAB/RJ.

Então estou postando o material do curso fraga no Estado do Rio de Janeiro, ok?
Forte abraço,
Patrícia
Galera, tô deixando disponível pq eu tenho coinsciência social de que nem todos podem pagar R$ 600,00 a R$ 800,00 para fazer um preparatório pra 1ª fase da OAB/RJ.

Então estou postando o material do curso fraga no Estado do Rio de Janeiro, ok?
Forte abraço,
Patrícia

More info:

Published by: dra.patricia.adv on Apr 10, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/09/2014

pdf

text

original

 
DeontologiaCurso Fraga profª Janine
 Das Incompatibilidades e Impedimentos:
 Art. 27. A incompatibilidade determina a proibição total, e o impedimento, a proibição parcial do exercício da advocacia.
Art. 28 a 30, combinado com o arts. 11 e 12 da lei 8906/94
 Art. 28. A advocacia é incompatível, mesmo em causa própria, com asseguintes atividades:I - chefe do Poder Executivo e membros da Mesa do Poder Legislativo eseus substitutos legais;II - membros de órgãos do Poder Judiciário, do Ministério Público, dostribunais e conselhos de contas, dos juizados especiais, da justiça de paz, juízes classistas, bem como de todos os que exerçam função de julgamento em órgãos de deliberação coletiva da administração públicadireta e indireta;III - ocupantes de cargos ou fuões de direção em Óros da Administração Pública direta ou indireta, em suas fundações e em suasempresas controladas ou concessionárias de serviço público;IV - ocupantes de cargos ou funções vinculados direta ou indiretamentea qualquer óro do Poder Judiciário e os que exercem servosnotariais e de registro;V - ocupantes de cargos ou funções vinculados direta ou indiretamentea atividade policial de qualquer natureza;VI - militares de qualquer natureza, na ativa;VII - ocupantes de cargos ou funções que tenham competência delançamento, arrecadação ou fiscalização de tributos e contribuições parafiscais;VIII - ocupantes de fuões de direção e gencia em instituiçõesfinanceiras, inclusive privadas.§ 1º A incompatibilidade permanece mesmo que o ocupante do cargo oufunção deixe de exercê-lo temporariamente.§ 2º Não se incluem nas hipóteses do inciso III os que não detenham poder dedecisão relevante sobre interesses de terceiro, a juízo do conselho competenteda OAB, bem como a administração acadêmica diretamente relacionada aomagistério jurídico. Art. 29. Os Procuradores Gerais, Advogados Gerais, Defensores Gerais edirigentes de órgãos jurídicos da Administração Pública direta, indireta efundacional são exclusivamente legitimados para o exercício da advocaciavinculada à função que exerçam, durante o período da investidura. Art. 30. São impedidos de exercer a advocacia:I - os servidores da administração direta, indireta e fundacional, contra aFazenda blica que os remunere ou à qual seja vinculada a entidadeempregadora;II - os membros do Poder Legislativo, em seus diferentes níveis, contra ou afavor das pessoas jurídicas de direito público, empresas públicas, sociedadesde economia mista, fundações públicas, entidades paraestatais ou empresasconcessionárias ou permissionárias de serviço público.Parágrafo único. Não se incluem nas hipóteses do inciso I os docentes doscursos jurídicos.
página1
 
DeontologiaCurso Fraga profª Janine
Incompatibilidade proibição total para o exercício da advocacia, inclusive emcausa própria. O juiz é incompatível não impedido.Impedimento – proibição parcial – art. 30 da lei 8906/94Art. 30. São impedidos de exercer a advocacia:
I - os servidores da administração direta, indireta e fundacional, contra aFazenda Pública que os remunere ou à qual seja vinculada a entidadeempregadora;II - os membros do Poder Legislativo, em seus diferentes níveis, contra oua favor das pessoas judicas de direito blico, empresas blicas,sociedades de economia mista, fundações blicas, entidades paraestatais ou empresas concessionárias ou permissionárias de serviço público.Parágrafo único. Não se incluem nas hipóteses do inciso I os docentes doscursos jurídicos.
Pode exerce atividade, não podendo exercê-lo para determinadas pessoas.Art. 11, II da lei 8906/94 – se exerce em caráter definitivo (cargo efetivo) éincompatível para a advogar e sua inscrição fica cancelada.
 Art. 11. Cancela-se a inscrição do profissional que:I - assim o requerer;II - sofrer penalidade de exclusão;III - falecer;IV - passar a exercer, em caráter definitivo, atividade incompatível com aadvocacia;V - perder qualquer um dos requisitos necessários para inscrição.§ 1º Ocorrendo uma das hipóteses dos incisos II, III e IV, o cancelamento deveser promovido, de ofício, pelo conselho competente ou em virtude decomunicação por qualquer pessoa.§ 2º Na hipótese de novo pedido de inscrição - que não restaura o número deinscrição anterior - deve o interessado fazer prova dos requisitos dos incisos I,V, VI e VII do art. 8º.§ 3º Na hipótese do inciso II deste artigo, o novo pedido de inscrição tambémdeve ser acompanhado de provas de reabilitação.
Art, 12, II da lei 8906/94 – se exercer em caráter temporário, é incompatívelpara advogar, fica licenciado enquanto no cargo.
 Art. 12. Licencia-se o profissional que:I - assim o requerer, por motivo justificado;II - passar a exercer, em caráter temporário, atividade incompatível com oexercício da advocacia;III - sofrer doença mental considerada curável.
Art. 18 da lei 8906/94 – nas atividades elencadas, algum cargo são efetivo eoutro.
 Art. 18. A relação de emprego, na qualidade de advogado, não retira a isençãotécnica nem reduz a independência profissional inerentes à advocacia.
página2
 
DeontologiaCurso Fraga profª Janine
Parágrafo único. O advogado empregado não está obrigado à prestação deserviços profissionais de interesse pessoal dos empregadores, fora da relaçãode emprego.
Observações:1)Mesa do Poder Legislativo = licenciado enquanto estiver na mesa.2)Lembrete: MP são incompatíveis; Tribunais e Conselhos de Contas –apenas os Ministros e conselheiros – são incompatíveis.3)Art. 29
4)
Regra Art. 30, IExceção – Prof de Faculdade de Direito não tem impedimento dentro do art.30, I, pode advogar. Ex.: Prof. UFF, UFRJ, UEG.1º Alto Escalão – Incompatível – São proibidos de advogarBaixo Escalão – impedido – pode advogar com limitação2º Identificar a exceçãoObs.: Gerente, superintendente de instituições financeiras blicas eprivadas.Responsabilidade Funcional
-
Disciplinar
-
Civil
o
Imunidades
-
CriminalInfrações Disciplinares TípicasArt. 34 da lei 8906/94 Toda e qualquer infração ao Estatuto e ao Código de ética pode ser punidos.Art. 35 da lei 8906/94 – Sanções Disciplinares
 Art. 35. As sanções disciplinares consistem em:I - censura;II - suspensão;III - exclusão;IV - multa.Parágrafo único. As sanções devem constar dos assentamentos do inscrito,após o trânsito em julgado da decisão, não podendo ser objeto de publicidadea de censura.
Do inciso I ao XXVI do art. 34 – Censura. – consideradas infrações leves.Do inciso XVII ao XXV do art. 34 – Suspensão – consideradas infrações graves.Do inciso XXVI ao XXVIII do art. 34 Exclusão consideradas infrõesgravíssimas.Censura
página3

Activity (80)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
Jader Honorio liked this
Bruna Feitosa liked this
fkrug_1 liked this
Matheus Lima liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->