Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
34Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Modelo de Estatuto para Associação

Modelo de Estatuto para Associação

Ratings:

4.67

(6)
|Views: 14,413 |Likes:

More info:

Published by: Julio Cesar Gomes Ribeiro on Apr 18, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/04/2013

pdf

text

original

 
1
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE EDITORES CRISTÃOSESTATUTO SOCIAL I. DA DENOMINAÇÃO, SEDE E FINSArtigo 1º.
A
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE EDITORES CRISTÃOS
, doravante denominada
ABEC
, éuma associação civil, religiosa, sem fins lucrativos, formada pela associação de entidadesempenhadasna publicação, produção e distribuição de literatura e material audiovisual cristãos,devidamenteinscrita no CNPJ/MF sob o nº 59.951.400/0001-25, com sede na Av. São João, 439 - 3º andarSala451- Centro - 01035-000 - São Paulo/SP.
Artigo 2º.
A ABEC terá duração por prazo indeterminado e poderá instalar representações ouescritórios em qualquer parte do território nacional.
Artigo 3º.
Com o fim de desenvolver o cooperativismo e coordenar os interesses e esforçoscomuns àseditoras cristãs no Brasil, a
ABEC
, terá por finalidades e objetivos:A- Promover a leitura e ampliar a penetração e distribuição de livros, produtos e serviçosproduzidospelos associados e beneficiários;B- Promover um melhor relacionamento entre editores, distribuidoras, livreiros, colportores,pastores,gravadoras, empresas de serviços e o público em geral;C- Intermediar e promover o relacionamento com os órgãos seculares - públicos e privados -quecuidam da produção, divulgação e controle do livro no Brasil e Exterior;D- Promover o desenvolvimento do escritor cristão, bem como dos profissionais da áreaeditorial;E – Disseminar a doutrina cristã no Brasil e no Exterior.
Artigo 4º
- Para atender às finalidades previstas no artigo 3º, a ABEC poderá adotar e praticarvariadasatividades, compreendendo entre outras:A- Promover e/ou participar de exposições, feiras e outros eventos do gênero, bem comocoordenarpromoções especiais em conjunto;B- Prestar assessoria aos associados nas áreas de proteção ao crédito, informações legais,fiscais,tributárias, econômicas e financeiras, direitos autorais, catalogação na fonte, estatísticasrelacionadasao mercado de livros e a produtos cristãos em todos os níveis, serviços gerais, com a formaçãode umcadastro nacional de empresas de serviços ao mercado cristão, relacionamento comfornecedores,estratégias, táticas, métodos, meios e treinamento de pessoal;
2
C – Organizar seminários, simpósios, workshops, palestras e outros eventos de interesse deseusassociados e be neficiários;D – Apoiar ou desenvolver ações e projetos, incentivando parcerias entre seus associados ebeneficiáriose quaisquer órgãos públicos ou privados, na consecução de suas finalidades;E – Promover a capacitação profissional dos associados e beneficiários do setor;F – Promover concursos literários e ou a distribuição de prêmios pelo reconhecimento daexcelência dostrabalhos do setor.
II. DA DECLARAÇÃO DE FÉ
 
Artigo 5º.
A
ABEC
se norteará pela seguinte Declaração de Fé, subscrita pelos membrosassociados:A- Cremos que a Bíblia é a Palavra de Deus, divinamente inspirada e sem erro quando escritaem suaforma original, sendo a única regra de fé e de prática do cristão (2 Tm 3.16; 2 Pe 1.21).B- Cremos em um só Deus eterno que subsiste em uma Trindade de Pessoas: Pai, Filho eEspíritoSanto (Jo 15. 26), as quais são co-eternas e de igual dignidade e poder (Mt 3.16,17).C- Cremos na divindade do Filho de Deus, na Sua encarnação, no Seu nascimento virginal (Lc1.35), naSua morte expiatória (Ef 1.7), na Sua ressurreição, bem como em Sua ascensão e intercessãocomonosso único, mediador (Hb 7.25).D- Cremos na justificação somente pela fé.E- Cremos na obra do Espírito Santo para a regeneração e para a santificação.F- Cremos que a verdadeira Igreja - o corpo de Cristo (Ef 1.23) - é formada por todos aquelesqueconfiam em Cristo como seu Salvador, somente pela fé (Ef 2.8,9; l Co 12.13), cujaresponsabilidade eprivilégio e proclamar o Evangelho até aos confins da terra (Mt 28.19,20).G- Cremos na imortalidade da alma, na segunda vinda do Senhor (Tt 2.13), na ressurreição docorpo,no julgamento do mundo por Jesus Cristo, na bem-aventurança dos justos e na punição dosímpios (lCo 15.25-27).
III. DOS ASSOCIADOSArtigo 6º.
A
ABEC
é composta por um número ilimitado de associados, pessoas jurídicas, quecompartilham com os seus objetivos, finalidades, ideologias e com as bases de suas atividades.
Artigo 7º.
Os associados da
ABEC
serão classificados nas seguintes categorias:A – Associados Fundadores, que são as editoras de literatura cristã que compareceram àAssembléiaGeral da fundação da
ABEC
, e subscreveram a Declaração de Fé (v.Art. 5
o
. deste Estatuto) eao Códigode Ética da ABEC;
3
B - Associados Efetivos, que são todas as entidades empenhadas na produção e distribuiçãodeliteratura e material audiovisual cristãos, associadas à
ABEC
após a sua fundação.
Artigo 8º.
A associação à
ABEC
dependerá de requerimento formal do pretendente, desubscrição daDeclaração de Fé exarada no Art. 5º do presente Estatuto, de subscrição do Código de Ética, edeParecer Favorável da Comissão Permanente de Novos Associados, que poderá não recomendaro pedidode associação.
Parágrafo 1º.
A Comissão Permanente de Novos Associados encaminhará seu Parecer àDiretoria, acargo de quem ficará a aprovação da filiação.
Parágrafo 2º -
A qualidade de associado da
ABEC
é personalíssima e, portanto,intransmissível.
Artigo 9º.
Os associados prestarão uma contribuição financeira mensal à
ABEC,
cuja quantiaobedecerá aos critérios i mpostos pela Diretoria, nos termos do Regimento Interno.
Artigo 10.
É vedada a aceitação de ofertas, doações, legados ou contribuições, de qualquerespécie quecomprometam moralmente a
ABEC
ou que impliquem em qualquer limitação da sua soberaniaoudesvio dos seus fins, cabendo à Diretoria, ad-referendum da Assembléia, examinar cada caso eadotar
 
as medidas cabíveis.
Artigo 11.
Os associados de qualquer natureza, desde que quites com a tesouraria da
ABEC
,gozarãodos seguintes direitos:I – Ser convocado e participar das Assembléias Gerais da
ABEC
;II - Votar os assuntos de deliberação em Assembléias Gerais Ordinárias ou Extraordinárias;III - Votar e ser votado para a constituição de cargos eletivos;IV - Ter acesso às prestações de contas e balanços da
ABEC
, bem como aos Planos de Trabalho eRelatórios de Atividades Anuais;V - Solicitar a convocação de Assembléias Gerais Extraordinárias, mediante requerimentosubscrito por1/5 (um quinto) dos associados;VI - Usufruir dos serviços da
ABEC
em sua plenitude.
Artigo 12.
São deveres de qualquer Associado:I - Comparecer às Assembléias Gerais Ordinárias ou Extraordinárias;II - Exercer seu poder de voto nas Assembléias Ordinárias ou Extraordinárias, sob pena de,não oexercendo, fazer perecer seu direito para o ato em questão;
4
III - Respeitar as normas do presente Estatuto Social;IV - Zelar pelo cumprimento do Código de Ética da
ABEC
;V - Atender e respeitar as normas e deliberações da Assembléia Geral Ordinária ouExtraordinária, bemcomo as determinações e normas exaradas pela Diretoria.
Artigo 13.
Serão beneficiários da
ABEC
, não se confundindo estes com a figura dosassociados, asempresas prestadoras de serviço ao mercado cristão, distribuidoras, livrarias, colportores,escritores,tradutores, revisores e demais profissionais ligados ao setor.
Parágrafo único -
Os beneficiários poderão contribuir mensalmente com a
ABEC
, comodoadores, emvalores estabelecidos pelo Regimento Interno, e a critério da Diretoria, poderão beneficiar-sedosserviços e concorrer aos prêmios e concursos propostos pela ABEC.
Artigo 14.
O desligamento de qualquer Associado, se dará:I - a pedido do mesmo;II - por proposta da Diretoria e aprovação da Assembléia Geral;III – pela decretação de sua falência ou de sua dissolução;IV – Por interrupção de sua contribuição por 3 (três) meses seguidos, só restaurando suacondiçãoplena após regularização de sua situação;V - não comparecimento injustificado a 03 (três) Assembléias Gerais, de forma consecutiva.
Artigo 15.
A exclusão de qualquer Associado dar-se-á por:I - por justa causa, após apuração através de Inquérito Administrativo, promovido pelaDiretoria;II - por motivos graves, cujo reconhecimento será objeto de deliberação por maioria absolutadospresentes em Assembléia Geral convocada para esse fim;III - agir de forma insubordinada às determinações da Assembléia Geral Ordinária ouExtraordinária,bem como as determinações exaradas pela Diretoria;
Artigo 16.
De acordo com o artigo 55 do Código Civil Brasileiro, os Associ ados Fundadores,em razãode sua condição especial, terão direito a 02 (dois) votos em quaisquer Assembléias Gerais,através dapresença de 2 (dois) representantes.

Activity (34)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Ítalo Carvalho liked this
Luana E Leandro liked this
Patty Denny liked this
Renato.'. liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->