Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
316Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
O Ludico Na Educacao Infantil

O Ludico Na Educacao Infantil

Ratings:

5.0

(1)
|Views: 73,414|Likes:
Published by grazielascopel

More info:

Published by: grazielascopel on Feb 09, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

04/16/2015

pdf

text

original

 
8
DANIELA LAURA BRANDÃO
O LÚDICO NA EDUCAÇÃO INFANTIL”
Trabalho de Conclusão de Curso, apresentado àcoordenação do curso de Pedagogia, paraobtenção de grau na Faculdade Afirmativo, sob aorientação da Profª: Es. Cleusa Campana Peres
.
FACULDADEAFIRMATIVO
CURSO DE PEDAGOGIACUIABÁ-MT2004
 
9
INTRODUÇÃOSabemos que é posvel ao ser humano adquirir e construir o saber, brincando.Brincando aprendemos a conviver, a ganhar ou perde, a esperar nossa vez e lidamos melhorcom possíveis frustrações.Vários estudos comprovaram que o desenvolvimento infantil é um processo quedepende das experiências anteriores das crianças, do ambiente em que vive e de suas relaçõescom esse ambiente.Deve-se considerá-la como um sujeito em desenvolvimento que explora as situações eformula significados, assumindo ações.O processo de desenvolvimento ocorre de forma diferente em cada criança e cada umaalcança determinados estágios em momentos também diferentes.Conhecendo os principais estágios do desenvolvimento infantil a diferença existenteentre as crianças é possível estabelecer alguns princípios gerais que orientam a metodologia aser adotada na execução das atividades da Educação Infantil.* Em primeiro lugar, as atividades devem ser centradas nos interesses das crianças eorganizadas de modo a respeitar as condições de realização de cada uma delas.* Em segundo lugar as atividades da educação infantil serão sempre globalizadas, isto é, nãoexistirão horários estanques com objetivos específicos a serem alcançados por um único tipode atividade, como a hora da linguagem ou da música, etc.O trabalho organizado seguindo esta metodologia deverá ser definido em conjuntocom os professores e equipe técnica de cada unidade, oferecendo um fio condutor para asatividades realizadas com as crianças, garantindo um significado concreto e a possibilidade deum trabalho que integre as diversas áreas de conhecimento.É relevante resgatar o “lúdico” no contexto escolar, de modo que esse processotrabalhe com a diversidade cultural e desperte a vontade e aprender.Fazer a prática pedagógica a partir das atividades lúdicas nos conduz a pensar emmudanças significativas para o contexto educacional.
 
10
CAPÍTULO IO LÚDICO – E SEU CONCEITOdico é qualquer atividade que executamos e nos de prazer, que tenhamosespontaneidade em executá-la. Quando fazemos porque queremos, pôr interesse pessoal. Istose refere tanto à criança quanto para o adulto, e ai que começamos a perceber a possibilidade,a facilidade de se aprender, quando estamos brincando, pois na atividade lúdica como na vidahá um grande número de fins definidos e parciais, que são importantes e sérios, porqueconsegui-los é necessário ao sucesso e, conseqüentemente, essencial a satisfação que o serhumano procura, a satisfação oculta, neste caso seria o de aprender.A recreação (lúdico) é uma ocorrência de todos os tempos, é parte integrante da vidade todo o ser humano, mas também é um problema que surge e deve ser estudado e orientadocomo um dos aspectos fundamentais da estrutura social.Se pesquisarmos sobre as manifestões da vida humana atras dos tempos,encontramos jogos e danças fazendo parte integrante de cerimônias guerreiras, religiosas,cívicas e afetivas. A vida das crianças no lar era uma oficina e centro de recreio e muitasvezes víamos envolvidos na mesma atividade jovens crianças e adultos.Pesquisando os sistemas educacionais e a evolão social das grandes naçõescivilizadas, verifica-se o crescente interesse não só pela recreação de crianças e jovens, comopela orientação de atividades recreativas para adultos.Os fins que os adultos chegam na execução de seu trabalho são mais complexos e maisremotas, mas não necessariamente mais séria em si do que os da crianças. A medida em queas crianças forem crescendo, seus fins vão se tornando mais complexos e mais remotos. Estesfins determinam nossa ativa participação e nosso empenho na execução das atividade, masnem sempre são consciente e bem definidos, mas corresponde a uma necessidade intima doser humano. O fim primordial para a criança e o adolescente é a necessidade de crescer, oimpulso do desenvolvimento físico, mental e emocional. Nesta fase é difícil distinguir jogo etrabalho.Constatamos então, que a ludicidade é tudo quanto diverte e entretém o ser humano eenvolve uma ativa participação. Uma atividade de trabalho pode tornar-se lúdica uma vez que

Activity (316)

You've already reviewed this. Edit your review.
Gabriel Lelis liked this
1 hundred thousand reads
1 hundred thousand reads
Iberia Gomes added this note
Excelente!Que trabalho maravilhoso, irá contribuir muito em meu estágio. Obg. pela ajuda. Que Deus te ilumine!
Ezequiel França liked this
Kilma Lane liked this
Kassyo Hirlley liked this
Adriana Pascoal Pascoal added this note
nossa que belo trabalho, irá contribuir bastante no dia a dia em minhas atividades pedagogicas.
Helena Silva liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->