Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
315Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
O Ludico Na Educacao Infantil

O Ludico Na Educacao Infantil

Ratings:

5.0

(1)
|Views: 68,219 |Likes:
Published by grazielascopel

More info:

Published by: grazielascopel on Feb 09, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

09/28/2013

pdf

text

original

 
8
DANIELA LAURA BRANDÃO
O LÚDICO NA EDUCAÇÃO INFANTIL”
Trabalho de Conclusão de Curso, apresentado àcoordenação do curso de Pedagogia, paraobtenção de grau na Faculdade Afirmativo, sob aorientação da Profª: Es. Cleusa Campana Peres
.
FACULDADEAFIRMATIVO
CURSO DE PEDAGOGIACUIABÁ-MT2004
 
9
INTRODUÇÃOSabemos que é posvel ao ser humano adquirir e construir o saber, brincando.Brincando aprendemos a conviver, a ganhar ou perde, a esperar nossa vez e lidamos melhorcom possíveis frustrações.Vários estudos comprovaram que o desenvolvimento infantil é um processo quedepende das experiências anteriores das crianças, do ambiente em que vive e de suas relaçõescom esse ambiente.Deve-se considerá-la como um sujeito em desenvolvimento que explora as situações eformula significados, assumindo ações.O processo de desenvolvimento ocorre de forma diferente em cada criança e cada umaalcança determinados estágios em momentos também diferentes.Conhecendo os principais estágios do desenvolvimento infantil a diferença existenteentre as crianças é possível estabelecer alguns princípios gerais que orientam a metodologia aser adotada na execução das atividades da Educação Infantil.* Em primeiro lugar, as atividades devem ser centradas nos interesses das crianças eorganizadas de modo a respeitar as condições de realização de cada uma delas.* Em segundo lugar as atividades da educação infantil serão sempre globalizadas, isto é, nãoexistirão horários estanques com objetivos específicos a serem alcançados por um único tipode atividade, como a hora da linguagem ou da música, etc.O trabalho organizado seguindo esta metodologia deverá ser definido em conjuntocom os professores e equipe técnica de cada unidade, oferecendo um fio condutor para asatividades realizadas com as crianças, garantindo um significado concreto e a possibilidade deum trabalho que integre as diversas áreas de conhecimento.É relevante resgatar o “lúdico” no contexto escolar, de modo que esse processotrabalhe com a diversidade cultural e desperte a vontade e aprender.Fazer a prática pedagógica a partir das atividades lúdicas nos conduz a pensar emmudanças significativas para o contexto educacional.
 
10
CAPÍTULO IO LÚDICO – E SEU CONCEITOdico é qualquer atividade que executamos e nos de prazer, que tenhamosespontaneidade em executá-la. Quando fazemos porque queremos, pôr interesse pessoal. Istose refere tanto à criança quanto para o adulto, e ai que começamos a perceber a possibilidade,a facilidade de se aprender, quando estamos brincando, pois na atividade lúdica como na vidahá um grande número de fins definidos e parciais, que são importantes e sérios, porqueconsegui-los é necessário ao sucesso e, conseqüentemente, essencial a satisfação que o serhumano procura, a satisfação oculta, neste caso seria o de aprender.A recreação (lúdico) é uma ocorrência de todos os tempos, é parte integrante da vidade todo o ser humano, mas também é um problema que surge e deve ser estudado e orientadocomo um dos aspectos fundamentais da estrutura social.Se pesquisarmos sobre as manifestões da vida humana atras dos tempos,encontramos jogos e danças fazendo parte integrante de cerimônias guerreiras, religiosas,cívicas e afetivas. A vida das crianças no lar era uma oficina e centro de recreio e muitasvezes víamos envolvidos na mesma atividade jovens crianças e adultos.Pesquisando os sistemas educacionais e a evolão social das grandes naçõescivilizadas, verifica-se o crescente interesse não só pela recreação de crianças e jovens, comopela orientação de atividades recreativas para adultos.Os fins que os adultos chegam na execução de seu trabalho são mais complexos e maisremotas, mas não necessariamente mais séria em si do que os da crianças. A medida em queas crianças forem crescendo, seus fins vão se tornando mais complexos e mais remotos. Estesfins determinam nossa ativa participação e nosso empenho na execução das atividade, masnem sempre são consciente e bem definidos, mas corresponde a uma necessidade intima doser humano. O fim primordial para a criança e o adolescente é a necessidade de crescer, oimpulso do desenvolvimento físico, mental e emocional. Nesta fase é difícil distinguir jogo etrabalho.Constatamos então, que a ludicidade é tudo quanto diverte e entretém o ser humano eenvolve uma ativa participação. Uma atividade de trabalho pode tornar-se lúdica uma vez que

Activity (315)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred thousand reads
1 hundred thousand reads
Ezequiel França liked this
Kilma Lane liked this
Kassyo Hirlley liked this
Helena Silva liked this
Janice Serpa liked this
Lenitta Rocha liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->