Welcome to Scribd. Sign in or start your free trial to enjoy unlimited e-books, audiobooks & documents.Find out more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
4Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
As Bem-Aventuranças e os Frutos do Espírito

As Bem-Aventuranças e os Frutos do Espírito

Ratings: (0)|Views: 217|Likes:
Published by CVJ-Maia

More info:

Published by: CVJ-Maia on Feb 22, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/22/2010

pdf

text

original

 
As Bem-aventuranças e os Frutos do Espírito Santo
Todo o Evangelho é um convite para viver das virtudes e dos dons do Espírito Santo.Cada passo da vida de Jesus, cada palavra saída de sua boca nos leva a buscar a Deuscom mais amor, a vencer as tentações, a agir bem.Essa vida de virtudes e de dons é o começo da vida eterna, do Paraíso, já presentes naalma em estado de graça. A Vida Eterna também é chamada de Beatitude, que significafelicidade. Os que vivem no céu são os beatos, ou bem-aventurados. Por isso, NossoSenhor, no sermão da montanha, que lemos no cap. V de São Mateus, chama de bem-aventurados, ou seja, felizes, aqueles que viverem as bem-aventuranças que eledescreve, pois elas são actos que podemos fazer, actos de grande perfeição, que já nosfaz participar da felicidade do céu. Eis como nos ensina Nosso Senhor no Evangelhocitado.«Bem-aventurados os pobres de espírito porque deles é o Reino dos Céus.Bem-aventurados os mansos porque possuirão a terra.Bem-aventurados os que choram porque serão consolados.Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça porque serão saciados.Bem-aventurados os misericordiosos porque alcançarão misericórdia.Bem-aventurados os puros de coração porque verão a Deus.Bem-aventurados os pacíficos porque serão chamados filhos de Deus.»E Jesus termina resumindo tudo numa só frase: «Bem-aventurados os que sofrem perseguição por amor da justiça, porque deles é o Reino dos Céus»Vamos analisar um pouco estas sete bem-aventuranças:As três primeiras descrevem a recompensa da alma que ama correctamente a si mesmo,que se converte para Deus. Como nos convertemos para Deus?- Vencendo o apego às riquezas e às honras do mundo - são os pobres de espírito- Aprendendo a se controlar, a dominar a raiva, as impaciências - são os mansos- Vencendo a tendência ao conforto, à preguiça, aprendendo a sofrer um pouco no nossocorpo por amor a Deus - são os que choram.Em seguida vêm duas bem-aventuranças que descrevem a recompensa da alma que amao seu próximo:- Praticando a justiça, ou seja, dando a cada um o que lhe é devido - são os que têmfome e sede de justiça.
 
- Praticando a bondade, dando ao próximo, por amor de Deus, o que pode agradá-lo -são os misericordiosos.E por fim, as duas últimas bem-aventuranças descrevem a recompensa da alma que amaa Deus acima de tudo, que na vida de oração procura encontrá-Lo, principalmentelevada pelos dons do Espírito Santo:- os que vivem da virtude e amam agir sempre no bem - são puros de coração.- os que esperam receber o prêmio pela ajuda que deram ao próximo - são os pacíficos.Agora que compreendemos o que significa cada uma das bemaventuranças, fica fácilentender porque Jesus prometeu aos que praticarem as bemaventuranças os prêmios queestão descritos no Evangelho:- os que se desapegam das riquezas da terra e são pobres de espírito, recebem umtesouro no céu: deles é o Reino dos Céus.- os que conseguiram dominar sua agitação, vivendo pacificamente com todos são osmansos: possuirão a terra.- os que aceitam sofrer no seu corpo por amor a Deus, os que choram: serão consolados- os que procuram dar a cada um o que lhe é devido, com fome e sede de justiça : serãosaciados.- os que o generosos para com o próximo, os misericordiosos : alcaarãomisericórdia.- os que vivem sempre com recta intenção em tudo o que fazem, os puros de coração :verão a Deus.- os que imitam a Deus procurando a paz entre os homens, os pacíficos : seochamados filhos de Deus.
As bem-aventuranças e os dons do Espírito Santo
Mas esta doutrina tão elevada, que nos é ensinada por São Tomás de Aquino não poderia deixar de ser acompanhada, na alma, pelo vento impetuoso do Divino EspíritoSanto, que são os dons, como já estudamos. A cada bem-aventurança corresponde umdom.Para compreendermos bem esta correspondência, vamos retomar aquela divisão das bem-aventuranças que vimos acima:As três primeiras correspondem à conversão da alma à Deus, o que é realizado peloEspírito Santo mediante os três primeiros dons:- os pobres de espírito são os que souberam se posicionar correctamente diante dasriquezas do mundo. Este posicionamento da alma corresponde ao dom do temor de
 
Deus- os mansos são os que aprenderam a fugir da agitação do mundo, das brigas, raivas etc.Encontram-se em Deus pelo dom da piedade- os que choram são os que aprenderam as causas do sofrimento, porque devemos sofrer em união a Jesus Cristo, na Cruz. Este conhecimento nos é dado pelo dom da Ciência.As duas seguintes, como vimos antes, indicam a alma que ama ao próximo:- os que têm fome e sede de justiça precisam lutar constantemente para que cada umreceba o que lhe é devido. Precisam então do dom da Força- os misericordiosos, que procuram em tudo ajudar aos necessitados, serão conduzidos pelo dom do Conselho.Enfim, as duas últimas são as que mostram a alma que aprendeu a amar a Deus com perfeição- os puros de coração, sempre agindo por amor de Deus, pelas virtudes infusas, verão aDeus, ou seja, receberão o dom da Inteligência- os pacíficos, os que alcançaram a paz divina, viverão desta paz pelo dom da Sabedoria.
Os frutos do Espírito Santo
Diante desta maravilhosa doutrina a alma chega aos patamares da vida divina, aindaaqui nesta terra. E neste estado em que ela se encontra, reina no coração uma autêntica paz, manifestada por actos de virtudes infusas que são chamados os frutos do EspíritoSanto. Eles o enumerados por o Paulo no cap V da Epístola aos latas:1- Caridade - ordena a alma no seu ato de amor 2- Alegria - conseqüência normal do amor verdadeiro3- Paz - fruto da perfeita alegria, tanto interior quanto exterior 4- Paciência - o equilíbrio da alma que não se perturba com o mal.5- Bondade - boa vontade para com o próximo6- Benevolência - agir procurando sempre o bem do próximo7- Longanimidade - perseverança na vida da virtude8- Mansidão - suporta o mal sem se alterar.9- Fidelidade - não usa de fraude ou enganos.10- Modéstia - bons modos nas coisas exteriores

Activity (4)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
jonatas_br liked this
RolandoVarela liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->