Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
7Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Escola Secundária Alfredo Da Silva Curso De

Escola Secundária Alfredo Da Silva Curso De

Ratings: (0)|Views: 1,070 |Likes:
Published by luisje

More info:

Published by: luisje on Mar 12, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/14/2012

pdf

text

original

 
Escola Secundária Alfredo da SilvaCurso de Electrónica Automação e Comando – Electricidade e Electrónica Módulo 11 (12º Ano) – ELECTRÓNICA DE POTÊNCIA (FT_2)
Nome: _______________________________________ Nº: ____ Ano: ___ Turma: __
 
______________________________________________________________________________________________Luís Jerónimo Mar.2010 pág.1/4
INTRODUÇÃO
Os tirístores são dispositivos semicondutores de potência de quatro camadas PNPN,usados como
interruptores electrónicos
.
A principal vantagem que oferecem é converter e controlar grandes potênciasmuito elevadas (em CA ou CC), utilizando apenas uma pequena potência para ocontrolo
.Iremos estudar a família dos Tirístores, que inclui o rectificador controlado de silício -
SCR
), o
triac
e o
diac
.Como o SCR é o elemento mais importante, a ênfase será sobre ele.
O RECTIFICADOR CONTROLADO DE SILÍCIO (SCR)
O Rectificador Controlado de Silício (SCR) é o controlador eléctrico de potência maisusado.Isso deve-se à sua
rapidez na comutação
, ao seu
pequeno tamanho
e aos
elevadosvalores de tensão e corrente que suporta
.
Descrição:
A estrutura de um SCR mostra-se na figura abaixo, bem como o seu símbolo eléctrico.Tem 3 terminais: o ânodo (A) e o cátodo (K) são os de potência; enquanto a porta (G) éo de controlo.Quando o SCR está polarizado directamente, isto é, quando o ânodo é positivo emrelação ao cátodo, uma tensão positiva na porta (em relação ao cátodo), passa o SCRpara o estado fechado/ligado.No entanto, não é a porta que, depois, desliga o SCR, mas sim a interrupção da correnteno ânodo.De modo similar ao díodo, o SCR apresenta-se bloqueado quando a tensão entre ânodoe cátodo é negativa.
Curva Característica
 
Escola Secundária Alfredo da SilvaCurso de Electrónica Automação e Comando – Electricidade e Electrónica Módulo 11 (12º Ano) – ELECTRÓNICA DE POTÊNCIA (FT_2)
Nome: _______________________________________ Nº: ____ Ano: ___ Turma: __
 
______________________________________________________________________________________________Luís Jerónimo Mar.2010 pág.2/4
A curva característica volt-ampére de um SCR pode ser vista na figura 4. Quando oSCR estiver directamente polarizado, uma pequena corrente, denominada corrente noestado ligado, flui pelo dispositivo. Essa região da curva chama-se região de bloqueiodirecto. Se a polarização directa aumentar e a tensão do ânodo alcançar um limitecrítico, chamado tensão de disparo directa (V
FBO
), o SCR passa para o estado ligado. Atensão no SCR cai então para um valor baixo - a tensão no estado ligado - e a correnteaumenta de valor.As três curvas características mostram que o valor de V
FBO
pode ser controlada pelonível de corrente de porta. Se a junção porta-cátodo estiver directamente polarizada, oSCR passará para o estado ligado com uma tensão de disparo mais baixa do que com aporta aberta (I
G
=0). À medida que a corrente de porta aumenta, a tensão de disparodiminui e as características do SCR ficam mais parecidas com as de um díodo comum.A curva de I
G
=0 mostra que o SCR pode passar para o estado ligado sem nenhumacorrente aplicada na porta. Esta, porém, não é uma característcia desejável nos SCRs -na prática, o SCR deve passar para o estado ligado apenas com a aplicação de um sinalna porta.. Com uma baixa corrente de porta (I
G1
), o SCR passa para o estado ligado comuma tensão directa de ânodo mais baixa. Com uma corrente de porta mais alta (I
G2
), oSCR dispara com uma tensão directa de ânodo ainda mais baixa.A característica inversa é semelhante à do díodo normal.O SCR, na sua essência, actua como um interruptor. Quando a tensão aplicada estiverabaixo do ponto de disparo, o interruptor estará no estado desligado. Quando a tensãoaplicada alcançar o ponto de disparo, ou se um sinal positivo for aplicado na porta, ele
 
Escola Secundária Alfredo da SilvaCurso de Electrónica Automação e Comando – Electricidade e Electrónica Módulo 11 (12º Ano) – ELECTRÓNICA DE POTÊNCIA (FT_2)
Nome: _______________________________________ Nº: ____ Ano: ___ Turma: __
 
______________________________________________________________________________________________Luís Jerónimo Mar.2010 pág.3/4
passará para o estado ligado. O SCR permanecerá no estado ligado enquanto a suacorrente de ânodo I
A
estiver acima de um certo valor, chamado corrente de sustentação(I
H
).
Questões e Exercícios
1 – O que entende por Tirístores?________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________2 – Qual a sua principal vantagem?__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________3 – A vantagem de que falamos é relativamente a quê/quem/que situação?__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________4 – Indique 3 tipos de componentes que pertencem à família dos Tirístores:______________________________________________________________________5 – Represente o símbolo do SCR, indicando o nome de cada um dos terminais e arespectiva letra que identifica esse nome.6 – Em termos de funcionamento, quando polarizados directamente, qual a diferençaprincipal entre um díodo e um SCR?__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________7 - Em termos de funcionamento, quando polarizados inversamente, qual a diferençaprincipal entre um díodo e um SCR?__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

Activity (7)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Rafael Ribeiro liked this
Manuel Viegas liked this
rumapi liked this
cmpreis000 liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->