Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
58Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Geografia - Orientação - Bússola II

Geografia - Orientação - Bússola II

Ratings:

3.14

(7)
|Views: 95,000|Likes:
Published by Geografia Geoclasy

More info:

Published by: Geografia Geoclasy on May 15, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See More
See less

07/08/2013

pdf

text

original

 
 
CEWK – Prof. Rosângela Menta Mello - http://cewk.pbwiki.com/Metod. do Ens. da Geog. – 4º ano -
http://estagiocewk.pbwiki.com/Met_do_Ens_%20de_Geografia
 
1
BÚSSOLAS E MEIOSDE ORIENTAÇÃO
O mais importante emnavegação é sabermos ondeestamos indo e que mesmosem bússola, podemos verificar a direçãoem relação ao caminho aparente do soldurante o dia e às estrelas durante a noite.
1.
 
Usando o relógio e o sol:
Posicione-se de frente para osol ou, se estiver nublado, é possível obteruma indicação razoável alinhando com áreamais brilhante do céu.No hemisfério sul aponte a marcação demeio-dia do seu relógio para o sol. O norteestá entre o meio dia e o ponteiro dashoras.No hemisfério norte aponte o ponteirodas horas para o sol. O sul está entre oponteiro das horas e a marca do meio dia.
2.
 
Navegação pelasestrelas nohemisfério sul:
Trace uma linhaimaginária a partir do pé do Cruzeiro do Sul,no mesmo sentido, cerca de quatro vezes emeio o seu tamanho. O Pólo Sul Celesteestará nesse ponto e o Pólo Sul Terrestre,encontra-se trançando uma linhaperpendicular à linha do horizonte. Duasestrelas brilhantes próximas do Cruzeiro doSul, podem ajudá-lo a encontrar o Pólo SulCeleste.
3.
 
O GPS e a navegação:
O GPS (Sistema de PosicionamentoGlobal), alterou a navegação radicalmente.Utiliza uma rede mundial de 24 satélites,cujos sinais de rádio podem ser recebidosvirtualmente dos que se encontram acimada linha do horizonte, em qualquer pontodo Planeta, fornecendo um registro claro deseu posicionamento ou deslocamento.
BÚSSOLA
Uma bússola é essencial longe dacidade. Sem ela, é fácil ficarmosdesorientados. Mas devemos tomarcuidados, pois objetos metálicos oumagnéticos próximos podem distorcer asleituras.
Bússola visada:
Esta é mais precisa. O mostradorluminoso e a escala travável a tornapreferível para navegação ou orientaçãonoturna. Quando tiramos a visada com abússola de reflexão, a tampa é elevadaverticalmente e a mira girada para a suaposição de leitura.Para usar a bússola de reflexãoalinhamos a bússola com o ângulomagnético que queremos seguir. Então,com a tampa aberta alinhamos a agulhanorte com o norte no mostrador. Quandoestivermos andando, devemos manter osdois norte alinhados.-
 
Com a bússola encostada na bochecha,olhamos pela mira e alinhamos a linhade visada na tampa ao objeto que nósescolhemos como ponto de referência.Olhando ligeiramente para baixo, lemoso ângulo magnético no disco contra otraço – este é refratado para o nossoolho pelo prisma do ocular. A ilustraçãomostra a posição.-
 
Somamos ou subtraímos o número davariação magnética local de nossaleitura para obter uma posição precisana grade do mapa. Calculamos a nossaposição no mapa com transferidor elápis, alinhando o zero grau notransferidor para o norte.-
 
Para ajustar a posição no mapa,subtraímos ou somamos a variaçãomagnética. Em seguida ajustamos avisada na bússola e alinhamos osponteiros norte para ver a sua direção.Os ajustes:orientar-se no solorequer encontrar onorte do mapa e entãoposicioná-lo de maneiraa fazer com que ousuário e o mapa estejam olhando para onorte, ou girando o mapa para que eleaponte para a direção de nossa visada.Assim, nós podemos ajustar nossa bússolaao mapa.Agora podemos segurar a bússola eseguir a sete de direção. Mantendoalinhados a agulha norte no mostrador e onorte no disco magnético. Quandoseguimos uma indicação, sempre deixamosa bússola nivelada para evitar que o discomagnético cole e nos dê uma falsa leitura.
 
 
CEWK – Prof. Rosângela Menta Mello - http://cewk.pbwiki.com/Metod. do Ens. da Geog. – 4º ano -
http://estagiocewk.pbwiki.com/Met_do_Ens_%20de_Geografia
 
2
USO DA BÚSSOLA
Mede rumos ou azimutes
econsequentemente variaçõesangulares no plano horizontal.Existem mais de um Norte.1.
 
Norte Verdadeiro (Nv)
- Posiçãogeográfica da interseção do eixo derotação da terra, com a superfície nohemisfério Norte. Este é o NorteGeográfico.2.
 
Norte Astronômico
 
(Na)
– Apontapara a estrela Polar visível no hemisférioNorte. Tem um desvio deaproximadamente 0.7º em relação aoNorte Verdadeiro3.
 
Norte Magnético
 
(Nm)
– Ponto deconvergência das linhas do campomagnético da terra. Tem um desvio de10º para Leste.
Princípio de Funcionamento
- agulhaimantada que aponta para o N magnéticopermite medir por visadas horizontais
orumo
em graus com relação ao N magnético(projetado no plano horizontal). A diferençaangular entre N verdadeiro (Nv) emagnético (Nm) é a
declinação magnética
 que varia com o ponto na superfícieterrestre e com a data. Sendo conhecida adeclinação, pode-se corrigir a medidaangular do rumo somando-se ou subtraindo-se este valor para se ter o rumo verdadeiro.
Tipos de visadas
para aferir o rumo:1.
 
Normal
: visando o ponto dentro doalinhamento da linha central no espelhocom a agulha da bússola apontando parao norte (não esqueça de alinhar zerograu de azimute com o norte da agulha).2.
 
Na altura dos olhos
: visando o objetoatravés do orifício da tampa e da miragirada na posição de leitura (nãoesqueça de alinhar zero grau de azimutecom o norte da agulha).
Declinação Magnética
Para que uma bússola possa apontar para oNorte Verdadeiro, é necessário fazer umacorreção em seu círculo graduado. O valorem graus desta correção, é chamada “Declinação Magnética”.Por que declinação e não inclinação?Simples, quem criou o termo forampessoas do hemisfério norte, onde o campomagnético desvia-se Oeste, e por issodeve-se subtrair-se do Azimute algunsgraus para fazer a correção. Por isso elesdeclinam à medida. Nós aquiacrescentamos alguns graus ao Azimute,mas (sempre querendo concordar com osprimos do Norte), usamos o mesmo termo “declinar”.FIGURA 1: INTENSIDADE TOTAL DEINCLINAÇÃO DO CAMPO MAGNÉTICO.
GRAUS DE AZIMUTE
Para sabermos em quegrau de azimute estálocalizado o ponto cardeal,colateral, subcolateral, navisada desejada podemosutilizar a rosa dos ventos.
 
 
CEWK – Prof. Rosângela Menta Mello - http://cewk.pbwiki.com/Metod. do Ens. da Geog. – 4º ano -
http://estagiocewk.pbwiki.com/Met_do_Ens_%20de_Geografia
 
3
Para uma medida aproximada apresentamos o esquema abaixo:
N
360°
NNO
345° 15º
NNE
 330° 30°
NO NEONO
300° 60 °
ENE
 285° 75°
O
270° 90°
L
 255° 105°
OSO
 
ESE
 240° 120°
SO SE
 210° 195° 165° 150°
SSO
180°
SSE
 
S
GRAUS DE AZIMUTE
Para sabermos em que grau de azimute está localizado o ponto cardeal, colateral,subcolateral, na visada desejada podemos utilizar a rosa dos ventos.Para uma medida aproximada apresentamos o esquema abaixo:
PONTO CARDEAIS:N
NORTE
S
SUL
E OU L
ESTE OU LESTE(NASCENTE)
O
OESTE (POENTE)
PONTOS COLATERAIS:NE
Nordeste
SE
Sudeste
SO
Sudoeste
NO
Noroeste
PONTOS SUBCOLATERAISNNE
Norte-nordeste
ENE
Este-nordeste
ESE
Este-sudeste
SSE
Sul-sudeste
SSO
Sul-sudoeste
OSO
Oeste-sudoeste
ONO
Oeste-noroeste
NNO
Norte-noroeste
Você posiciona o mapa na direção correta, posiciona a bússola sobre o mapa,deixando o norte da bússola com o norte do mapa, agora você irá verificar qualdireção irá tomar rumo e marcar quantos graus de azimute tem esta direção emrelação ao ponto em que está.Alguns métodos de navegação:
 
Navegar consiste em tirar visadas estimardistâncias. Podemos confirmar uma direçãosimplesmente com uma bússola, masfatores como terreno acidentado,vegetação densa e obstáculos invisíveispodem fazer com que fique difícil manter ocurso.
 
Mirando ao largo: Seguir a leitura dabússola só é possível com uma precisão de10 ou 20 graus, menos em condiçõesadversas.
 
Se você apontar o braço direito para oSol (nascente – leste) e o esquerdopara o Sol (poente – oeste), à suafrente estará o norte o às suas costasestará o sul.

Activity (58)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Terezinha Pabis liked this
Thomás Antonio liked this
240697 liked this
Estevam Ehrlich liked this
Jamylle Coutinho liked this
Juliana Santana liked this
dreddblack liked this
Adriana Veras Cabral added this note|
legal

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->