Welcome to Scribd. Sign in or start your free trial to enjoy unlimited e-books, audiobooks & documents.Find out more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
32Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Simulado Resolvido Discursiva

Simulado Resolvido Discursiva

Ratings:

4.67

(1)
|Views: 6,781|Likes:
Published by tjmigoto

More info:

Published by: tjmigoto on May 15, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/18/2013

pdf

text

original

 
DIREITO ADMINISTRATIVOEXERCÍCIOS
 
1. O que é Estado?
Unidade política com personalidade jurídica de direito internacional público, umterritório no qual se fixa um povo, organizado através de um poder supremo, coma finalidade de atingir fins coletivos. 
2. O que é “Estado de Direito”?
Estado de direito é aquele que apresenta as regras sociais com a incorporaçãodos poderes, para regular a vida das pessoas, e que apresenta as seguintescaracterísticas:- Princípio da Legalidade- Separação de Poderes- Voto Soberano- Direitos Fundamentais Garantidos 
3. Quais são os poderes e funções do Estado?
São os poderes do Estado:- Legislativo- Executivo (Administração Pública)- JudiciárioSão funções do Estado:- Edição- Aplicação da norma.A aplicação da norma se divide entre os poderes executivo e judiciário, com asseguintes diferenças: Classificação: Poder Executivo: Poder Judiciário:Quanto ao tempo ................. de ofício ................................ por provocaçãoQuanto ao modo ........... sem definitividade ...................... com definitividadeQuanto ao fim ............... bem estar coletivo................... ... solução do conflito
 4. Qual a teoria de Separação dos Poderes (Checks and Balances) e qual arelação com o Estado de Direito?
O poder é ‘uno” e indivisível. Eles apenas são classificados em setores, como:executivo, legislativo e judiciário, para um trabalho mais eficaz. São separados daseguinte forma:a)Legislativo : edição do direito.b)Executivo : aplicação do direito.c)Judiciário: aplicação do direito.Como explicitado na questão anterior, o poder executivo e judiciário tem a funçãode aplicar o direito, porém de formas diferentes. Essa separação é essencial paraque se busque uma maior eficácia na incorporação dos poderes, para regular avida das pessoas através de regras.
 
 
5. O que se entende por Administração Pública?
Administração blica é o aparelho administrativo, o conjunto de órgãos,entidades (pessoas jurídicas) e servidores (agentes públicos) para a realização doserviço público para o bem estar da coletividade. Realiza uma das funções doEstado. 
6. Administração Pública é sinônimo de Governo?
Não, muito diferente da definição acima de Administração Pública, Governo é umaatividade discricionária política, sendo que Administração Pública é uma atividadetécnica. 
7. Como se diferencia a função administrativa da função jurisdicional?
A função administrativa é uma atividade cnica onde se executa ditamesgovernamentais. Já a função jurisdicional é aquela que visa tutelar o ordenamento jurídico mediante decisões individuais e concretas extraídas das normas (soluçãode conflitos de acordo com as leis e a CF). 
8. Administração Pública é expressão unívoca? Explique.
Não, a AP, que é o poder do Estado uno e indivisível, tem funções diversas ediversos sentidos, entre eles o subjetivo/ orgânico / formal (conjunto de órgãos epessoas jurídicas que a lei atribui o exercício da função administrativa) e omaterial / funcional (conjunto de decisões ou operações mediante as quais oEstado e as outras entidades públicas procuram coordenar e orientar atividadesprivadas com o fim de garantir a satisfação das necessidades coletivas). 
9. AP é poder do Estado?
AP não se trata de poder, á atividade técnica, mas tem poder discricionário. 
10. Diferencie desconcentração de descentralização.
Desconcentração ocorre no controle vertical da AP, desconcentra-se a AP emórgãos para melhor distribuir o poder (delegação de poderes), sendo que estesnão são independentes e respeitam um vínculo hierárquico. Vem da Presidênciada República em direção vertical para baixo, em relação aos Ministérios e assimpor diante. Descentralização ocorre o controle horizontal da AP, entre a AP direta e indiretasendo que a indireta tem personalidade jurídica e são independentes, mas são decerta forma controladas pelo órgão público. Não há vínculo hierárquico. 
11. Como ocorre a desconcentração? Dê exemplos.
Através da distribuição interna de competências (hierarquia), por maria,hierarquia (grau) e território. 
 
12. Quais são os princípios da AP, expressos na CF? E os decorrentes?Explique, sucintamente, os princípios da razoabilidade e da moralidade.
São os expressos:- Legalidade: O administrador público está em toda sua atividade, sujeito aosmandamentos da lei e às exigências do bem comum.- Impessoalidade: é imposto ao administrador público que só pratique o ato para oseu fim legal.- Moralidade: a administração deve juntar conveniência + honestidade + interessesocial.- Publicidade: tornar público, divulgação oficial do ato para o conhecimento e oinício de seus efeitos externos.- Eficiência: participação presente da AP, com satisfação do usuário. São decorrentes:- proporcionalidade- razoabilidade: é o critério justo. Destinar uma alta verba para uma regiãominúscula que não necessita fere tal princípio.- Continuidade do serviço público. Ex: greves ferem tal processo.- Motivação- Transparência- Auto tutela: a própria AP anula ou revoga os atos.- Especialidade: a entidade morre cumprindo a mesma atividade. Ex: controle deágua.- Supremacia do interesse blico: o interesse das massas deve semprepredominar.- Indisponibilidade da coisa pública: não se permite transacionar com relação àcoisa pública.- Veracidade da AP: infraconstitucional.
 13. Quais são os poderes administrativos?
- Poder disciplinar: poder de sancionar o administrador blico. Ordempreferencial (e não obrigatória) – advertência, suspensão, demissão e outras.- Poder de Polícia: poder de restrição da liberdade mediante uma pena.- Poder Discricionário: poder de escolha, dentro das alternativas legais e dascondições fálicas da realidade, a que melhor servir ao interesse público.- Poder Vinculado: a administração pública está presa ao Princípio da Legalidade.Somente pode fazer o que a lei permite, ao contrário da pessoa física onde, senão proíbe, pode fazer.- Poder regulamentar: torna a lei viável, executável, não podendo inovar.- Poder hierárquico: poder de dar ordens, advertir, por parte do chefe da AP. 
14. Dê o conceito de órgão público.
Unidade que congrega atribuições exercidas pelos agentes públicos que ointegram como objetivo de expressar a vontade do Estado. 

Activity (32)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Callinne Santos liked this
Lis Santos liked this
Benefrancis liked this
Grazielly Souza liked this
Eduardo Veras liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->