Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
8Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Plano da Salvação - O que fazer

Plano da Salvação - O que fazer

Ratings:

4.67

(3)
|Views: 2,058 |Likes:
Published by jcruz

More info:

Published by: jcruz on May 18, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/23/2012

pdf

text

original

 
1
UE
D
EVO
F
AZER 
?
D
AVID
OPER 
3
Quando o apóstolo Pedro pregou sobre Jesus,seus ouvintes clamaram: “Que faremos, irmãos?”(Atos 2:37). Quando Cristo apareceu a Saulo, esteperguntou: “Que farei, Senhor?” (Atos 22:10).Depois de escapar por pouco da morte, o carcereirofilipino disse a Paulo e Silas: “Senhores, que devofazer para que seja salvo?” (Atos 16:30). Não hápergunta mais importante que você possa fazer doque esta: “Que devo fazer?”
ALGO A FAZER
Talvez devamos primeiramente estabelecer que
há 
algo para você fazer se deseja ser salvo. Cristomorreu por toda a humanidade (Tito 2:11), masisto não significa que todos serão salvos. Jesusfalou de dois caminhos que ohomem pode fazer:um caminho estreito “que conduz para a vida” eum caminho largo “que conduz para a destruição”.Ele enfatizou que “muitos” estão no caminho largoe “poucos” estão no caminho estreito (Mateus7:13, 14). Em outras palavras, muitos se perderão,enquanto que relativamente poucos serão salvos.A salvação é um presente, mas um presentepode ser aceito ou rejeitado. Cada indivíduo de-cide se aceita o presente gracioso de Deus ou se orejeita. De acordo com a afirmação de Jesus emMateus 7, mais pessoas rejeitam o presente deDeus do que aceitam.Como podemos aceitar o presente da salvação?Deus nos diz em Sua Palavra que aceitamos asalvação através da
 fé obediente
. Cristo disse: “Nemtodo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará noreino dos céus, mas aquele que
 faz a vontade
de meuPai, que está nos céus” (Mateus 7:21)
1
. O autor doLivro de Hebreus escreveu, a respeito de Jesus,que Ele “tornou-se o Autor da salvação eterna paratodos os que lhe
obedecem
” (Hebreus 5:9)
2
.Alguns têm objeções a isto. Dizem que se o homemtem que
 fazer
algo para ser salvo, a salvação já não épela graça. Que fique bem esclarecido que nossaobediência não
nos faz merecer
a salvação. Em vezdisso, pela obediência, nos
apropriamos
da salvaçãoprovidenciada pelo Senhor.Qual é a diferença entre
 ganhar por merecimento
e
apropriar-se
? A ilustração seguinte pode ajudá-loa entender a diferença:Um homem bate à porta de uma casa. Quandoa mulher vai até a porta, ele diz: “Dona, eu estoumorrendo de fome. A senhora tem algum trabalhopara eu fazer em troca de um prato de comida?” Amulher responde: “Tenho um entulho no quintalque precisa ser retirado. Se o senhor limpar todo oquintal, eu lhe dou o prato de comida”. Agora,deixe-me perguntar a você: Enquanto o homemcome a comida, nosso sentimento é que ele mereceua refeição? Certamente que sim.Vamos mudar a estória: Um homem bate àporta de uma casa. Quando a mulher vai até aporta, ele diz: “dona, estou morrendo de fome. Asenhora tem algum trabalho para eu fazer em trocade um prato de comida?” A mulher responde:“Acabei de pôr o almoço na mesa, e tem mais doque a gente pode comer. Entre, sente-se e comatudo o que quiser”. O homem aceita o convitealegremente e logo depois passa a saborear a comidaque ela preparou. Agora, pergunto novamente:Esse homem mereceu a comida? Não. Foi umpresente, “pela graça”. O que ele fez foi
apropriar-se
do alimento.Como ele se apropriou da comida? Aceitando oconvite da mulher, entrando na casa dela e sen-tando-se à mesa para comer. O que aconteceria seele
não
tivesse aceitado o convite, se ti-vesse dito:“Não, obrigado” e tivesse ido embora, ou se tivesseentrado na casa mas tivesse se re-cusado a comer?Obviamente, ele não teria sido beneficiado com a
V
AMOS
E
STUDAR 
 
O
 
PLANO
 
DA
SALVAÇÃO
DE
 
ACORDO
 
COM
 
A
B
ÍBLIA
 
2
oferta generosa dela. (Sim, sei que estas possi- bilidades parecem tolice, mas pessoas rejeitam oconvite do Senhor [Apocalipse 3:20] a todo tempo,e isto é muito pior.)Não podemos ganhar por merecimento asalvação, mas podemos e devemos nos
apropriar
dopresente de Deus – mediante fé e obediência. O queessa resposta de fé e obediência envolve será esclare-cido no decorrer deste estudo.
QUE DEVEMOS FAZER
Quando Jesus deu aos discípulos (ou segui-dores) a Grande Comissão, Ele disse: “Ide por todoo mundo e pregai o evangelho a toda criatura.Quem crer e for batizado será salvo...” (Marcos16:15, 16). Paulo disse que a “fé vem pela pregação,e a pregação pela palavra de Cristo” (Romanos10:17). Ele também disse que o evangelho (as boasnotícias sobre Jesus
3
) é “o poder de Deus para asalvação” (Romanos 1:16). A salvação começaquando se aprende sobre Jesus e Seu caminho. Épreciso ser um ouvinte ou leitor atento, umestudante responsável e responsivo. A seguir, dis-cutiremos as três respostas necessárias ao evangelho.
Crer em Jesus
A primeira resposta é fé, ou crença: “A fé vempela pregação”. A importância da fé foi salientada em João 3:16: “Porque Deus amou ao mundo de talmaneira que deu seu Filho unigênito, para que todo oque nele crê não pereça mais tenha a vida eterna”.Atos 16:31, Romanos 5:1 e Efésios 2:8, 9 estão entre aspassagens que ensinam que os cristãos são salvos pelafé. Jesus disse: “se não crerdes que Eu Sou [isto é, oMessias
4
], morrereis nos vossos pecados” (João 8:24).“Crença” e “fé” significam a mesma coisa. Àsvezes as pessoas tentam dar significados diferentespara cada uma dessas palavras, mas ambas sãotraduções da mesma palavra grega. Que fé (crença)é essa que nos salva? A fé que salva pode serexpressa pela palavra “
confiança
”: para sermos sal-vos precisamos parar de confiar em nossa própria bondade e começar a confiar no sacrifício de JesusCristo
5
.Não podemos superenfatizar a importância dafé. A fé é o fundamento de qualquer respostapositiva ao Senhor. Em João 1:11, 12 lemos que Jesus “veio para o que era seu [povo, os judeus], eos seus não o receberam
6
. Mas, a todos quantos oreceberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhosde Deus, a saber, aos que crêem no seu nome”.Observe que os termos “receber” e “crer” sãousados alternadamente. Não podemos
receber
Jesusem nossas vidas sem primeiro
crer
nEle.Infelizmente, há quem isole a fé, ensinandoque somos salvos “somente pela fé”. A fé é ocomeço, não o fim, de nossa resposta. Releia João1:11, 12. Aos receptores ou crentes foi dado “
o poderde serem feitos
filhos de Deus”. Antes de minhaesposa Jo e eu nos casarmos, tivemos que publicara nossa intenção de casar no Diário Oficial. Comonão apareceu ninguém contra nosso casamento,foi permitido que casássemos, mas isso não signi-ficava que já estávamos casados. Igualmente, a fénos coloca no caminho da salvação; não é o fim da jornada. Somos salvos pela fé, mas não pela fé
somente
.A fé que salva não pode ser separada da suaforma expressa. Isto pode ser ilustrado por João 3.Como já vimos, o versículo 16 reforça a necessi-dadede se ter fé. Agora, leia o último versículo do capítulo:“quem
crê 
no filho tem a vida eterna; o que, todavia,se
mantém rebelde
contra o Filho não verá a vida, massobre ele permanece a ira de Deus” (v. 36)
7
. Este é umdos pontos do Novo Testamento em que as idéias de“crença” e “obediência” são equivalentes
8
. (Vejatambém Romanos 10:16.) A fé que salva é uma féobediente. O único lugar da Bíblia em que aparece “fésomente” (ou “fé sozinha”) é em Tiago 2:24, que dizque não somos salvos pela “fé somente”: “Verificaisque uma pessoa é justificada
9
por obras e
não
por fésomente”. A NVI diz: “Vejam que uma pessoa é justificada por obras, e não apenas pela fé”.Pare um ou dois minutos para ler Tiago 2:14–26para que veja a linha de raciocínio de Tiago.Concentre-se especialmente nos versículos 14, 17,20,e 26:
Meus irmãos, qual é o proveito, se alguémdisser que tem fé, mas não tiver obras? Pode,acaso, semelhante fé salvá-lo?... Assim, tambéma fé, se não tiver obras, por si só está morta....Queres, pois, ficar certo... de que a fé semas obras é inoperante?... Porque, assim como ocorpo sem espírito é morto, assim também a fésem obras é morta.
A fé que salva não é morta, estéril, inoperante.É viva e ativa.
Arrepender-se dos Pecados
Uma das formas pelas quais a verdadeira fé seexpressa é o arrependimento. Jesus disse: “...se,porém, não vos arrependerdes, todos igualmenteperecereis” (Lucas 13:3). Pedro disse a seus ouvin-tes: “Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado” (Atos 2:38). Paulo disse: “Deus... notificaaos homens que todos, em toda parte, se arrepen-
 
3
dam” (Atos 17:30).À medida que a fé em Jesus aumenta, devemosver a nós mesmos como somos: peca-dores carentesde salvação
10
. Isto deve produzir arrependimento.O que é exatamente o arrependimento? Háquem pense em arrependimento como uma tristezapelo pecado. Outros pensam nele como umamudança de vida. Quando um ser humano verda-deiramente se arrepende, ele
lamenta
o fato dehaver pecado e sua vida
muda
 , mas o arrependi-mento propriamente dito reside entre essas duasreações.No diagrama acima, observe que a tristezasegundo Deus produz arrependimento. SegundaCoríntios 7:10 nos diz que “a tristeza segundo Deusproduz arrependimento para a salvação...”
11
Veja quea mudança de vida é o resultado do arrependimento.Em todos os lugares para onde Paulo viajava, ele diziaàs pessoas que “se arrependessem e se conver-tessema Deus, praticando obras dignas de arrependimento”(Atos 26:20). O arrependimento vem
após
a tristezasegundo Deus e
antes
de uma mudança de vida.Então, o que é arrependimento? A palavra gregatraduzida por “arrepender-se” significa literal-mente “ter uma nova mente”; refere-se à
mudançade mente
.Aplicado a pessoas, o arrependimento é amudança de mente em relação ao
 pecado
. Quandouma pessoa reconhece que o pecado ofende a Deus,ela enxerga como o pecado é terrível. Quandoalguém aprende que o pecado fez Jesus morrer nacruz, sente repulsa pelo pecado. Lamentandoprofundamente pela sua pecaminosidade, essapessoa decide que, com a ajuda de Deus, viveráuma vida melhor. Esta decisão é o que a Bíbliachama “arrependimento”.O verdadeiro arrependimento sempre terá umefeito na vida da pessoa. Não produzirá uma vidaperfeita, pois ninguém é perfeito; mas mudará avida para melhor. Se não houve mudança de vida,provavelmente não houve arrependimento.O arrependimento tem sido chamado “a partemais difícil” da conversão. É a parte mais difícilporque implica uma mudança de estilo de vida.Toda mudança é difícil. A mudança é dolorosa.Todavia, para sermos salvos, temos de nos empen-har em mudar – com a ajuda do Senhor.
Confessar Cristo
Outra forma pela qual expressamos a fé emCristo Jesus é através da confissão dessa fé. Arelação íntima entre fé e confissão é vista emRomanos 10:9, 10:
Se, com a tua boca, confessares Jesus comoSenhor e, em teu coração, creres que Deus oressuscitou dentre os mortos, serás salvo.Porque com o coração se crê para justiça e coma boca se confessa a respeito da salvação.
12
Para sermos salvos, temos de “confessar... Jesuscomo Senhor”. O próprio Cristo salientou a neces-sidade da confissão:
Portanto, todo aquele que me confessar diantedos homens, também eu o confessarei diante demeu Pai, que está nos céus; mas aquele que menegar diante dos homens também eu o negareidiante de meu Pai, que está nos céus (Mateus10:32, 33).
O que significa “confessar Jesus”? Leia no-vamente Romanos 10 e Mateus 10:
É uma confissão de fé em Jesus (nãosendo, portanto, uma confissão depecados
13
).É uma confissão com a boca (não sendo,portanto, apenas uma confissão com avida
14
).É uma confissão diante de outras pessoas(não sendo, portanto, uma confissãosecreta.)Encontramos uma confissão de fé em Mateus16: Jesus perguntou aos discípulos quem elespensavam que Ele era. Pedro respondeu: “Tu és oCristo, o Filho do Deus vivo” (v. 16). “Cristo” é otermo grego equivalente ao hebraico “Messias”, quesignifica “o ungido”. Os judeus aguardavam o Messiashavia séculos. Pedro expressou a crença em Jesuscomo o Messias enviado por Deus. A expressão “Filhodo Deus vivo” indica que Pedro reconheceu que Jesus era divino.Outra confissão de fé encontra-se em Atos 8.Este segundo exemplo é de uma confissão antes do batismo. Filipe havia ensinado a respeito de Jesusa um oficial etíope.
Seguindo eles caminho fora, chegando a certolugar onde havia água, disse o eunuco:
15
Eisaqui água; que impede que seja eu batizado?[Filipe respondeu: É lícito, se crês de todo o
tristezasegundoDeusARREPENDIMENTOmudançade vida(mudançade mente)

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->