Welcome to Scribd. Sign in or start your free trial to enjoy unlimited e-books, audiobooks & documents.Find out more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
7Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
CINCO PASSOS PARA A EXCELÊNCIA NO MINISTÉRIO

CINCO PASSOS PARA A EXCELÊNCIA NO MINISTÉRIO

Ratings: (0)|Views: 85|Likes:

More info:

Published by: Carlos Roberto Querino da Rocha on Apr 29, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

02/12/2012

pdf

text

original

 
CINCO PASSOS PARA A EXCELÊNCIA NO MINISTÉRIO
Cinco PASSOS PARA EXCELÊNCIA NO MINISTÉRIO
ϖϖ
Por: Kenneth Copeland“Excelência no Ministério.Qualquer que seja o preço, pague-o.Os devedores estão fora desse mundo.”Como cristãos, nós exigimos excelência de nosso Pai Celestial. Nós esperamos dedicaçãototal, compromisso, confiança e sucesso para o espírito. Nós não estamos procurandofracasso em Deus.Cada noite temos que esperar o melhor de Deus. Ele mesmo tem nos dado o padrão deexcelência. Ele é nosso exemplo máximo de chegar ao sucesso. Desde que nós queremosexcelência de Deus, também devíamos exigir essa mesma excelência de nós mesmos.Assim como o Senhor tem nos chamado para o servir, Ele também tem nos chamado paraalcançar a perfeição em nossa vocação. “Portanto, sede vós perfeitos, como perfeito é ovosso Pai que está nos céus” (Mt 5:48). “Rogo-vos, pois, como prisioneiro do Senhor, queandeis de modo digno da vocação a que fostes chamados” (Ef 4:1). Nós também somosrequisitados a exigir excelência daqueles que foram nos dado.Se você é um pastor, você é requerido por Deus para exigir excelência de suacongregação tanto quanto aqueles que trabalham com você no seu Ministério. Comoministro chamado para fora do campo, você deve exigir excelência das pessoas quetrabalham por você e das congregações que você serve. Devemos exigir a forma mais altade excelência dos ministérios que nós estamos envolvidos.O Apóstolo Paulo reconheceu a gravidade de sua chamada. “Segundo o evangelho daGlória do Deus bendito, o qual me foi confiado” (I Tm 1:11). Paulo levou o treinamento dosseus discípulos muito sério porque ele percebeu que estava lidando o mais forte poder nouniverso. Ele escreveu, “Não me envergonho do Evangelho, pois é o poder de Deus para asalvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu e também do grego” (Rm 1:16). OEvangelho é o poder de Deus! O Evangelho não é apenas o poder pelo qual uma pessoa ésalva do inferno, é também a habilidade ilimitada para salvar, curar e libertar.Como ministros do Evangelho, nós somos encarregados da força e poder de Deus. Somosencarados por duas responsabilidades:1. Desenvolver e manter excelência no ministério e2. Lidar com satanás.Excelência no ministério absolutamente não tolerará descrença, falha ou “tornar fácil acaminhada”. Um ministério de excelência pagará qualquer que seja o preço para conseguir o trabalho feito no caminhar de Deus. Nossos ministérios representam Jesus Cristo para omundo.O arsenal do diabo e de seus consortes é restrito naquilo que é comum ao homem (I Co10:13). Ele é limitado. Satanás não tem nenhuma tática secreta para recorrer a fim deprevalecer contra nós. As armas dadas por Deus são poderosas para enfraquecer asfortalezas (II Co 10:4).Nas páginas seguintes, eu tenho resumido seis passos básicos para assegurar excelênciano ministério. Leia e estude-os. Viva-os. Seu sucesso será assegurado. Você tem minhapalavra. Mas, o mais importante, você tem a Palavra de Deus porque Sua Palavra é aautoridade no qual eles estão baseados.
PASSO UM: DEDICAÇÃO É SUA ESCOLHA
ϖ
 
ϖ
 
O primeiro passo para excelência no Ministério é dedicação. Dedicação verdadeira é umadecisão de qualidade – uma decisão onde não há volta.Dedicação verdadeira simplesmente é uma decisão baseada no compromisso de alguémpara Deus, não em sentimentos ou emoções.A diferença entre operar em uma decisão por dedicação e operar pelas suas emoçõespodem ser ilustradas aqui.Muitas pessoas oram a Deus para lhes darem um peso para ganhar almas, um sentimentoesmagador que lhes fará vencer os obstáculos. Tal oração é tolice na luz dos ensinos doNovo Testamento. Em nenhum lugar nós vemos para orarmos deste modo. Nós somosentretanto, comandados por Jesus Cristo, Ele mesmo disse, Ide por todo o mundo e pregaio evangelho a toda criatura (Mc 16:15). O simples fato de que uma pessoa ora por umfardo é evidência que ela já tem um coração para ganhar almas. Tudo o que ele tem quefazer é obedecer aos mandamentos. Se Jesus nos disse para fazer isso, seria motivaçãosuficiente independente de sentirmos ou não.A Bíblia diz que Jesus foi movido pela compaixão. O que é compaixão? É amor. Domesmo modo Deus é amor. Logo, compaixão é uma Pessoa. Se a compaixão nos diz parairmos, então somos movidos pela compaixão para irmos e fazermos a tarefa. Seríamosmovidos por um compromisso de fé ao invés de emoções. A estabilidade do seu ministérionão depende de seus sentimentos. Um ministério de excelência é uma resolução firme eprofunda que homens não podem alterar nem as circunstâncias mudar.Compromissos verdadeiros podem ser comparados a um piloto em uma simples máquinade avião. Se a máquina falha no meio do ar, o piloto está comprometido a aterrissar suatripulação. Ele não tem escolha; seu sentimento de medo, dúvida ou incapacidade nãomudará qualquer conseqüência que seja. Ele aterrissará seu avião de um modo ou deoutro. Se ele tem se comprometido a voar, ele tomará o controle e aterrissará o melhor que ele possa e poupará sua vida tanto quanto as vidas de seus passageiros.Um tempo chegará em sua vida quando você encarará o compromisso. Como você ageagora determinará se você terá sucesso ou fracasso e até vida ou morte.Se você não está querendo encarar compromissos apesar das emergências e oposições,não entre no ministério mais nessas condições. Tome tempo para estar perante Deus eestudar Sua Palavra até que você com o Espírito Santo lidem com sua disposição paraestar comprometido. Filipenses 2:13 diz a você que Deus está no trabalho com você paraambos desejarem e fazerem a Sua boa vontade. Ele é fiel e ele criará em você o poder e odesejo para tomar uma decisão inflexível.Quando você finalmente toma uma decisão completa sem volta e com compromisso comDeus, realizar a sua chamada será algo mais fascinante que você jamais fez. Mas até oresultado chegar à sua mente e coração você terá o inferno na terra. Satanás atormentarávocê sem misericórdia.Não tenha medo de aceitar a responsabilidade de tomar uma decisão. Deus temprovidenciado o poder, fornecido as armas e equipado você com tudo o que você precisa.É o mesmo que experimentar o novo nascimento. Uma vez que você toma a decisão,Deus faz o resto. Seu poder, Seu Espírito e Sua Palavra desempenham suas funções evocê nasceu de novo. Você apenas tomou a decisão. Tudo o que você deve fazer édeterminar em seu coração e obedecer Sua chamada e Deus fará sua parte.Um homem uma vez me perguntou o que eu fiz na vida. Eu respondi, “Eu sou umpregador”. Ele disse, “Oh! Eu tinha um tio que estava no ministério. É uma vida difícil e umalto preço para pagar!” Eu lhe disse, “Francamente eu tenho estado nos melhores dias daminha vida!”Nunca seja enganado pelo pensamento de que fazer a vontade de Deus vai sair caro. Omais caro nesse planeta é estar fora da vontade de Deus. Você não pode se dar ao luxodisso.ENCONTRE SEU LUGAR NO CORPOA Bíblia diz que a chamada de Deus são dados sem arrependimento (Rm 11:29). Se vocêé chamado para ser um apóstolo, profeta, evangelista, pastor, mestre ou qualquer outroministério no Corpo de Cristo, o Senhor não revogará a tarefa dada a você. Ele ordenou a
 
você antes da fundação do mundo. Quando você se levantar perante o lugar de julgamento de Cristo, isto será na luz de sua chamada – não o que você fez, nem o quevocê tencionou fazer ou desejou que você tivesse feito, mas o que Deus disse que você foichamado para fazer. Isso aplica-se não só ao ministério dos cinco dons mas para cadamembro do Corpo de Cristo.Cada crente é ungido e capacitado com poder para realizar uma função específica. PeloEspírito de Deus, cada indivíduo é capaz de apresentar sua chamada com domínio eexcelência. Então, isto é uma grande vantagem para você encontrar sua chamada e ficar nela!Você pode ter que mudar seu pensamento ao encontrar seu lugar. Se você tem algumastradições religiosas, biblicamente você terá que descartá-las. Por exemplo, II Timóteo 2:20diz, “Ora, numa grande casa não há somente utensílios de ouro e de prata; há também demadeira e de barro. Alguns para honra, outros porém para desonra.” Muitos que lêem oupregam sobre esse versículo dizem, “Nem todos podem ter um ministério excelente comoo irmão Copeland tem. Porque em uma grande casa há alguns vasos para honra e outrospara desonra. Alguns são vasos de ouro mas outros de nós somos requisitados parasermos vasos de barro.”Sem sentido! Satanás distorcerá as mesmas escrituras a fim de conservar as pessoaspara baixo tentando agradar a Deus na base de seus sentimentos e falsa humildade. Sevocê não crê que é hipócrita, então observe sua reação quando alguém começa a falar que você não tem valor! Apenas deixe seu filho querido vir da escola para casa um diadizendo, “Adivinha o que meu professor disse hoje? Que eu sou um imprestável, mau eum verme!” Você iria cortejar diante disso! Ainda muitas pessoas diriam a Deus aquelamesma coisa deles mesmos e chamar isso humildade – isso é hipocrisia!Vamos ler e acabar com toda a passagem. Vamos ver o que a Bíblia atualmente diz sobrenós (verso 21): “Assim, pois, se alguém a si mesmo se purificar destes erros, será utensíliopara honra, santificado e útil ao seu possuidor, estando preparado para toda boa obra.” Sevocê se torna um vaso de ouro ou de barro não é uma questão do Mestre, é sua. Ambossão acessíveis. Você pode ser um vaso de honra por questão de escolha.Deus tem mais respeito por nós do que muitos de nós lhe damos crédito. Você já pôde ver um mestre em artesão no seu comércio? Como ele trata suas ferramentas? Ele não énegligente e descuidado. Suas ferramentas são especialmente desenhadas e moderadas,cheias de força e poder para fazer muitas tarefas específicas.Como um artesão hábil, ele depende de seus instrumentos para seu meio de vida. Ele usacuidadosamente as suas ferramentas e comércio. Elas são extensões de sua criatividade.Ele destina-os para durarem a vida inteira e serem manuseados por seu filho depois dele.As ferramentas de um comerciante cuidam dele e ele cuida delas.Na redenção da raça humana, você e eu somos a ferramenta do artesão Deus. Jesus é oRedentor, mas nós somos os portadores das Boas Novas. Ele é a videira e nós somos osgalhos onde nascem as frutas. Ele cuidará de nós e nos sustentará. Ele nos temperará.Um puxão não é temperado pela derrota sobre uma bigorna. As pessoas têm a idéiaerrada que para fortalecer um crente Deus tem que atacá-lo e bater nele.Não! Toma-se o óleo para temperar o aço. O óleo do Espírito Santo robustece e reforça-nos. Nossa força e poder está na Palavra de Deus e Seu Espírito habita em nós.DECIDA-SE AGRADAR A DEUSUma decisão para total dedicação inclui uma determinação de agradar a Deus. Atravesseo Novo Testamento e aprenda aquelas coisas que traz prazer para Deus. Por exemplo,“De fato sem fé é impossível agradar a Deus” (Hb 11:6). Devemos andar pela fé a fim deagradar a Deus.O Deus Pai não se deleita quando nós andamos na carne. Nós devemos ser espiritualmente dispostos. (Rm 8:1-8)Deus não tem prazer na nossa derrota. Cristãos derrotados não se deleitam no PaiCelestial. Ele não estava satisfeito por causa de suas crianças de Israel que estavamsendo dominadas no deserto. Ora, quais os que, tendo ouvido se rebelaram? Não foram

Activity (7)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
Tatiana Tavares liked this
fabisac liked this
fabisac liked this
fabisac liked this
batista_esmirna liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->